Terêncio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o santo padroeiro de Pesaro de mesmo nome, veja Terêncio de Pesaro.
Terêncio
Nascimento 185 a.C.
Cartago
Morte 159 a.C.
Lago Estínfalo
Ocupação Dramaturgo e poeta
Gênero literário Comédia
Magnum opus Andria (A moça de Andros)

Públio Terêncio Afro, em latim Publius Terentius Afer (Cartago, ca. 195 a.C.-185 a.C.Lago Estínfalo, ca. 159 a.C.), foi um dramaturgo e poeta romano, autor de pelo menos seis comédias: Andria (A moça de Andros), Hecyra (A Sogra), Heaautontimorumenos (O Punidor de Si Mesmo), Eunuchus (O Eunuco), Phormio (Formião) e Adelphoe (Os Dois Irmãos).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Terêncio nasceu na África Proconsular, em meados do ano 185 a.C. Foi vendido como escravo ao senador Terêncio Lucano, que deu-lhe educação e, tempos depois, o libertou. Por ser muito amigo de Cipião, muitos atribuíram a esse último a autoria de várias comédias de Terêncio.

A obra de Terêncio é composta por pelo menos seis comédias que resistiram à ação do tempo chegando aos dias de hoje. São elas: "Andria", "Hécira (sogra em grego)", "Heautontimoroumenos (o que se pune a si próprio - em grego)", "O Eunuco", "Formião", "Os Adelfos (os irmãos)". Pouco apreciado pelo público romano, que preferia as farsas mais vivas e coloridas de Plauto, foi mais apreciado na Idade Média e na Renascença, sendo muito imitado até os tempos de Molière. Foi tão grande a preferência por Terêncio na Idade Média que suas peças eram representadas nos colégios e na Renascença foram traduzidas em várias línguas. Seus personagens pertencem em sua maioria às classes sociais mais altas. Suas obras são escritas em verso e seu estilo é "puro". Apesar disso, ele hoje é considerado um autor menor que seu contemporâneo Plauto.

Terêncio é autor de frases como:

e


Obras de Terêncio
Frontispício códice medieval terenciano conhecido como Térence des ducs, pertencente ao rei Carlos VI da França, depois a seu filho Luís de Valois, duque de Guiana, e então a João, duque de Berry
Capa de The Comedies of Terrence, por George Coleman
Frontispício do Codex Vaticanus Latinus 3868 (Biblioteca Vaticana) com o retrato de Terêncio
Verso da folha 4 do Codex Vaticanus Latinus 3868 (Biblioteca Vaticana) com uma imagem de Andria
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Terêncio
Wikisource
O Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Terêncio
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Terêncio
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.