Teresa Roby

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Teresa Roby
Nome completo Teresa Luísa Domingos de Faria Roby Amorim
Nascimento 18 de julho de 1956
Caldas da Rainha
Nacionalidade portuguesa
Morte 19 de fevereiro de 2002 (45 anos)
Porto
Ocupação Actriz
Atividade 1974-2002
Outros prémios
Prémio de Interpretação Feminina (Festival Internacional de Cinema de Dunquerque) 1991
IMDb: (inglês)

Teresa Luísa Domingos de Faria Roby Amorim (Caldas da Rainha, 18 de Julho de 1956Porto, 19 de Fevereiro de 2002) foi uma actriz portuguesa, prémio de interpretação feminina no Festival Internacional de Cinema de Dunquerque em 1991.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Teresa Roby nasceu em 18 de Julho de 1956, nas Caldas da Rainha (distrito de Leiria).[1] Era filha do jornalista José Roby Amorim e irmã do também jornalista Nuno Roby Amorim.[2][3]

Muito nova começou no teatro, nos palcos do Teatro ABC (Parque Mayer), na revista Uma No Cravo, Outra Na Ditadura estreada em 1974.[2][4]

Na sua carreira no teatro salta entre companhias estabelecidas e projectos independentes como Cornucópia, Casa da Comédia, o Novo Grupo de Teatro ou a Seiva Trupe, podendo-se destacar trabalhos como Eva Perón (1978), A Paixão, Segundo Pier Paolo Pasolini (1980), encenada por Filipe La Féria (Casa da Comédia), As Fúrias (1994), de Agustina Bessa Luís, integrando o elenco do Teatro Nacional D. Maria II ou a série de espectáculos na companhia Artistas Unidos.[1][2][3]

No cinema, Teresa Roby participou em diversos filmes podendo-se destacar o seu papel Três Palmeiras (1994) de João Botelho ou papéis secundários em Corte de Cabelo (1996) de Joaquim Sapinho, Cinco Dias, Cinco Noites (1996) de Fonseca e Costa ou Os Mutantes (1998) de Teresa Villaverde.[4]

Em 1991, pela sua participação em A Idade Maior, de Teresa Villaverde, Teresa Roby recebeu o prémio de interpretação feminina no Festival Internacional de Cinema de Dunquerque.[2][3][4]

Teresa Roby morreu em 19 de Fevereiro de 2002, no Porto, vítima de cancro.[1][2][3]

Teatro[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
1974 Uma No Cravo, Outra Na Ditadura [2][4]
1975 Família até Certo Ponto! [5]
1977 A Dama Pé-de-cabra [5]
1978 Eva Perón [2]
1979 Fastudo! Faz-tudo!! Faz Tudo!!! [5]
1980 A Paixão Segundo Pier Paolo Pasolini [5]
1981 Estórias de Pouca Vergonha [5]
1985 Comédia dos Anfitriões [5]
1989 Gota d'Água [5]
1991 Nunca Nada de Minguém [5]
1993 Primavera Negra [5]
1993 Sete Portas [5]
1993 O Tempo e o Quarto [5]
1994 As Fúrias [5]
1995 Depois da Tempestade [5]
1995 Despir a que Está Nua [5]
1996 Prometeu - Rascunhos à Luz do Dia [5]
1997 Demónios [5]
1997 Prometeu Agrilhoado/Libertado [5]
1998 A Tragédia de Coriolano [5]
1998 Os Sete Pecados Mortais [5][6]
1998 A Queda do Egoísta Johann Fatzer [5]
1999 Na Selva das Cidades [5]
2000 Porto do Século [5]
2000 Péricles - Príncipe de Tiro [5]
2001 A Hora em que Não Sabíamos Nada uns dos Outros [5]
2001 Os Visitantes [5]
2001 O Caos É Vizinho de Deus [5]
2001 Vermelho (Maryposa) [5]
2001 Primárias [5]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Personagem Ref.
1980 A Santa Aliança [7]
1983 Jogo de Mão Teresa [7][8]
1987 Repórter X Regina [7][8]
1991 A Idade Maior Manuela [7][8]
1992 Requiem para um Narciso (Curta) Dona Graciete [7][8]
1992 O Último Mergulho Mulher de Eloi dobrada [7][8]
1994 Três Palmeiras Mulher grávida [7][8]
1994 Uma Vida Normal Prostituta [7][8]
1995 M de Amigo (Curta) [7][8]
1996 Corte de Cabelo Lurdes [7][8]
1996 Cinco Dias, Cinco Noites Júlia [7][8]
1996 Dois Dragões (Curta) 2.ª cozinheira [7][8]
1998 Senhor Jerónimo (Curta) Alice [7][8]
1998 Os Mutantes Mãe de Pedro [7][8]
2000 A Raiz do Coração Mãe dos bebés [7][8]
2000 Monsanto Conceição [7][8]
2000 Facas e Anjos Emília [7][8]
2001 Ganhar a Vida [7][8]
2002 A Falha Elsa [7][8]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Personagem Ref.
1979 Zé Gato Alice [7]
1981 Uma Cidade como a Nossa Rapariga [7]
1985 Contos Mágicos Vários papéis [7]
1993 Grande Noite Vários papéis [7]
1994 Sozinhos em Casa Rosa [7]
1994 Desculpem Qualquer Coisinha [7]
1994 Pátio da Fama [7][9]
1995 Tudo ao Molho e Fé em Deus Blonde [7]
1995 Os Malucos do Riso Vários papéis [7]
1995 A Mulher do Senhor Ministro Vários papéis [7]
1998 Débora Jornalista [7]
1999 Esquadra de Polícia Mulher de Manuel [7]
1999 O Fura-Vidas Paulina [7]
1999 Clube dos Campeões Repórter [7]
2000 A Senhora Ministra Margarida Margarante [7]
2001 A Senhora das Águas Parteira [7]
2002 Cuidado com as Aparências [7]

Referências

  1. a b c Jorge Leitão Ramos (23 de fevereiro de 2002). «Cartaz : Actual : Timbre de actriz». Semanário Expresso. Consultado em 19 de setembro de 2017. Arquivado do original em 23 de março de 2002 
  2. a b c d e f g Joana Gorjão Henriques; Maria José Oliveira (19 de fevereiro de 2002). «Morreu Teresa Roby, a actriz que lutava "contra o óbvio"». Indica "Lisboa" como local de nascimento. Publico. Consultado em 20 de setembro de 2017. Cópia arquivada em 20 de setembro de 2017 
  3. a b c d Agência Lusa (18 de fevereiro de 2002). «Teatro: Morreu a actriz Teresa Roby». Notícias Clix. Consultado em 19 de setembro de 2017. Arquivado do original em 20 de fevereiro de 2002 
  4. a b c d Rodrigues da Silva (20 de fevereiro de 2002). «Teresa Roby (1956-2002) : Um percurso interrompido». JL - Jornal de Letras (via Centro de Estudos de Teatro & Tiago Certal). Consultado em 19 de setembro de 2017 
  5. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab «Ficha de Pessoa : "Virgínia Vitorino"». Centro de Estudos de Teatro & Tiago Certal. 6 de Junho de 2016. Consultado em 19 de setembro de 2017 
  6. Direcção de actores
  7. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad ae af ag ah ai aj Teresa Roby (em inglês) no Internet Movie Database. Consultado em 20 de setembro de 2017
  8. a b c d e f g h i j k l m n o p q r «Teresa Roby». CinePT (Universidade da Beira Interior). Consultado em 19 de setembro de 2017 
  9. Membro do júri

Ligações externas[editar | editar código-fonte]