Terminal Hidroviário de São Joaquim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
São Joaquim
Movimentação de saída da capital para o Ano-Novo na bilheteria do Terminal, no fim de 2011.
Uso atual Estação hidroviária Estação de balsas
Administração Internacional Travessias Salvador
Proprietário Brasão do estado da Bahia.svg AGERBA (Estado da Bahia)
Linha Travessia São Joaquim-Bom Despacho
Sigla TMSJ[1][2]
Serviços Táxi Restaurante
Conexões Estação de bicicletas alugáveis Estação 33 - Ferry Boat do Bike Salvador
Informações históricas
Inauguração 8 de dezembro de 1970 (46 anos)
Localização
São Joaquim está localizado em: Região Metropolitana de Salvador
São Joaquim
Localização do Terminal Hidroviário de São Joaquim.
12° 57' 11" S 38° 30' 13" O
Endereço Avenida Engenheiro Oscar Pontes, Água de Meninos[3][4]
Município  Salvador
País  Brasil
Próxima estação
' '
Bom Despacho Bom Despacho
São Joaquim

A Terminal Hidroviário de São Joaquim é uma estação do transporte aquático localizado no bairro do Água de Meninos, em Salvador, capital do estado brasileiro da Bahia.[4] É uma das duas estações da Travessia São Joaquim-Bom Despacho (Sistema Ferry-Boat) e está sob a administração da Internacional Travessias Salvador, concedida pelo Governo do Estado da Bahia.[5][6] Está próximo ao Terminal Turístico Náutico da Bahia (TTNB), o qual também compõe o Sistema de Transporte Hidroviário Intermunicipal de Passageiros e Veículos do Estado da Bahia (SHI).[7]

História[editar | editar código-fonte]

O terminal foi construído especificamente para o sistema de balsas entre a capital e a Ilha de Itaparica e foi inaugurado pelo governador Luiz Viana Filho em 8 de dezembro de 1970.[8] Em conjunto com Bom Despacho, ambos foram iniciados em 1969 pelas construtoras Norberto Odebrecht, Rodotec, Empate, Goes e Bardela & Companhia Brasileira de Dragagem, ao custo aproximado de 37 milhões de cruzeiros.[9]

Desde 14 de março de 2013, como todo o sistema da Travessia São Joaquim-Bom Despacho, o terminal é administrado (os 10 primeiros meses foram em caráter emergencial) pela Internacional Marítima (IM), sob a regulação da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (AGERBA). Quando a IM venceu a licitação para concessão do sistema por 25 anos, constituiu uma nova empresa especificamente para tal, a Internacional Travessias Salvador S.A.[5][10][11][12]

Embora a AGERBA tenha emitido a resolução n.º 31, de 1º de outubro de 2013, determinando a facilitação do embarque e desembarque de pessoas com necessidades especiais, um grupo de cadeirantes protestaram na entrada do terminal reivindicando acessibilidade nas instalações em janeiro de 2014.[13]

Próximo ao terminal, foi instalada em 11 de março de 2014 uma estação de compartilhamento de bicicletas do programa Bike Salvador.[14][15]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. AGERBA (18/7). «EDITAL DE CONCORRÊNCIA AGERBA N.º 01/2014». Consultado em 11 de Setembro de 2015  Verifique data em: |data= (ajuda)
  2. AGERBA (22/1). «CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014». Consultado em 11 de Setembro de 2015  Verifique data em: |data= (ajuda)
  3. Terminal Marítimo de São Joaquim
  4. a b Sesc Bahia. Como chegar ao CHSI
  5. a b «Internacional Marítima cria empresa para operar o sistema "ferry-boat"». Tribuna da Bahia. 4 de setembro de 2014. Consultado em 20 de Outubro de 2014 
  6. REDAÇÃO DO JORNAL DA MÍDIA (2 de junho de 2014). «Internacional Marítima derruba árvores em São Joaquim sem qualquer autorização da Sucop». Jornal da Mídia. Consultado em 21 de Setembro de 2014 
  7. Socicam. «Portos». Consultado em 21 de Setembro de 2014 
  8. Débora Safira Andrade (2003). «A IMPLANTAÇÃODOSISTEMAFERRY-BOAT: UM RESGATEHISTÓRIC» (PDF). SEPAVII, Salvador - Ano VII-V. 7 - N. 7. pp. 65–68. Consultado em 6 de Setembro de 2014 
  9. Nelson Cadena (fevereiro 15, 2013). «A implantação do sistema Ferry Boat entre Salvador e a Ilha de Itaparica». Memórias da Bahia. iBahia. Consultado em 21 de Setembro de 2014 
  10. AGERBA. «Hidroviário: Sistema Ferry-boat». Consultado em 21 de Setembro de 2014 
  11. «FILIAL SALVADOR INICIA TRAVESSIA» (PDF). Oceano de Notícias, ANO II, NÚMERO 8. Internacional Marítima. 2013. p. 3. Consultado em 21 de Setembro de 2014 
  12. «IM vence licitação para operar sistema de travessia em Salvador» (PDF). Oceano de Notícias, ANO II, NÚMERO 11. Internacional Marítima. 2014. p. 3. Consultado em 21 de Setembro de 2014 
  13. R7; Record Bahia (31 de janeiro de 2014). «Cadeirantes bloqueiam entrada do Terminal de São Joaquim». Consultado em 21 de Setembro de 2014 
  14. Bahia 247 (11 de março de 2014). «'SALVADOR VAI DE BIKE' TERÁ MAIS SEIS ESTAÇÕES». Consultado em 11 de março de 2014 
  15. Bike Salvador. Mapa das Estações

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Terminal Hidroviário de São Joaquim