Termos da oração

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Uma oração pode ser constituída de vários termos, entre eles: os essenciais, os integrantes e os acessórios.[1]

Termos Essenciais[editar | editar código-fonte]

Termos essenciais da oração são o sujeito (pode ou não existir) e o predicado (deve existir).[2] São termos ditos essenciais pois formam a estrutura básica das orações. O sujeito geralmente está presente na maioria das orações, mas esse termo é opcional, o termo fundamental em uma oração — obrigatório — é o predicado. [1]

Termos Integrantes[editar | editar código-fonte]

Os termos integrantes da oração são os termos que complementam (ou integram) o significado dos termos essenciais da oração. São classificados como termos integrantes da oração: os complementos verbais, o complemento nominal e o agente da passiva.[1][2]

Segundo Celso Pedro Luft, o termo agente da passiva não pode ser considerado um termo integrante:

Termos Acessórios[editar | editar código-fonte]

Os termos acessórios da oração são aqueles considerados dispensáveis, porém necessários, em alguns contextos, para o entendimento daquilo que é enunciado.[3] Além de serem termos de função secundária, os termos acessórios são responsáveis por caracterizar um ser, determinar os substantivos e exprimir alguma circunstância. [4] Os termos acessórios são o adjunto adnominal, o adjunto adverbial e o aposto. O vocativo é um termo independente da oração.[1]

Referências

  1. a b c d Abaurre, Maria Luiza; Pontara, Marcela Nogueira; Fadel, Tatiana (2005). Português: língua e literatura 1 2.ª ed. (São Paulo: Moderna). p. 233, 237, 240, 241. ISBN 85-16-03845-9. 
  2. a b c Celso Pedro Luft (2002). Moderna gramática brasileira Globo Livros [S.l.] p. 45, 61. ISBN 8525036218. ISBN 9788525036216
  3. Paulo Cavalcante (13/10/2008). «Termos Acessórios da Oração». Recanto das Letras. Consultado em 07/03/2010. 
  4. Domingos Paschoal Cegalla (2007). Novíssima Gramática da Língua Portuguesa 46.ª ed. Companhia Editorial Nacional [S.l.] p. 363-367. ISBN 85-04-00789-8. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.