Tetragrama (música)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Manuscrito florentino de data desconhecida.

O tetragrama surgiu da necessidade do homem de registrar as alturas das notas musicais, que compunham as suas melodias. Primeramente utilizou-se uma linha traçada com grafite ou tinta vermelha, posteriormente acrescentou-se mais uma linha. Foi Guido D'Arezzo (992-1050) o responsável pelo estabelecimento de um sistema de notação musical com quatro linhas, o tetragrama,[1] de onde se originou a atual pauta musical de cinco linhas, o pentagrama.

Referências

  1. La ideia del norte (13 de dezembro de 2007). «Neumas». Consultado em 18 de setembro de 2012  Texto "Língua:espanhol" ignorado (ajuda)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Tetragrama de Alleluia Vigilia Nativitatis.
Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.