Théodore Reinach

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Théodore Reinach
Nome nativo Théodore Reinach
Nascimento 3 de julho de 1860
Saint-Germain-en-Laye
Morte 28 de outubro de 1928 (68 anos)
Paris
Residência La Motte-Servolex
Cidadania França
Alma mater Lycée Condorcet
Ocupação matemático, antropólogo, linguista, arqueólogo, político, historiador da arte, musicólogo, historiador, professor, advogado
Empregador École des hautes études en sciences sociales, Collège de France

Theodore Reinach (St-Germain-en-Laye, 3 de julho de 1860Paris, França, 28 de outubro de 1928) foi um advogado e arqueólogo francês.

Membro de uma família judia com origens em Frankfurt, irmão mais novo de Joseph Reinach e Salomon Reinach, os três eram conhecidos como os "irmãos sabe tudo".

Teve uma brilhante carreira acadêmica, tendo adquirido dois doutorados, um em letras e outro em direito. De 1881 a 1886 foi advogado em Paris. Em 1886 casou-se com Charlotte Reinach com quem teve duas filhas: Hélène e Gabrielle. Depois do falecimento desta, casou-se com Fanny Hirsch-Kann (1870 - Anvers-1917 - Paris), filha de Betty von Ephrussi e Maximilien Hirsch Kann com quem teve quatro filhos, um deles, Léon, casou-se com Béatrice de Camondo, irmã de Nissim de Camondo e filha do famoso banqueiro Moïse de Camondo.

Em 1890 participou de uma missão arqueológica a Constantinopla, depois se especializou em história da Grécia Antiga. Decifra, em Delfos, a notação musical de um antigo hino à Apolo, que seu amigo Gabriel Fauré, depois transformará em melodia.

De 1894 a 1896 é professor de numismática antiga na Sorbonne.

Escreveu obras importantes sobre reinos antigos da Ásia Menor, história judia e francesa:

  • Trois royaumes de l'Asie Mineure, Cappadoce, Bithynie, Pont ( em português Três reinos da Ásia Menor: Reino da Capadócia, Bitinia e Pont), 1888;
  • Mithridate Eupator, 1890;
  • Textes d'auteurs grecs et romains relatifs au judaïsme (ou Textos de autores gregos e romanos relativos ao judaísmo), 1895.
  • Histoire dos Israélites depuis la ruine de leur indépendance nationale jusqu'à n jours, (em português História dos Israelitas depois da ruína de sua independência nacional até nossos dias), 2ª ed., 1901.
  • Charles de Valois et les juifs, 1901;
  • Histoire sommaire de l'affaire Dreyfus, 1924;
  • La musique grecque, 1926;
  • Œuvres complètes de Flavius Josèphe, 1932;

Também traduziu com H. Weil o Tratado em música, de Plutarco,

De 1888 a 1897, editou a Revista de estudos gregos

Construiu a Villa Kerylos em Beaulieu-sur-Mer, na Riviera Francesa, em um estilo parecido com o da arquitetura grega, no tempo de Péricles. A vila é atualmente um museu.

Ligações externass[editar | editar código-fonte]