Thais Carla

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Thais Carla
Conhecido(a) por Luta pelo direito das pessoas gordas
Nascimento 1991 ou 1992[1]
Rio de Janeiro, RJ
Residência Salvador, BA
Ocupação dançarina e influenciadora digital
Prêmios MTV Millennial Awards

Thais Carla (Rio de Janeiro, 1991 ou 1992) é uma dançarina e influenciadora digital brasileira. É conhecida por sua luta pelo direito das pessoas gordas.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Natural do Rio de Janeiro, Thais Carla se tornou conhecida em 2009 ao participar do quadro Se Vira nos 30, do programa Domingão do Faustão, da TV Globo, e ganhou o prêmio de 15 mil reais ao dançar uma música de hip hop.[1] Após participar do Legendários em 2012, fez parte do grupo de dançarinas da cantora Anitta de 2017 a 2019.[2] Desde então, tornou-se figura notável nos camarotes durante o carnaval, incluindo o de Salvador.[1] No dia 18 de novembro de 2021, participou do São Paulo Fashion Week.[3]

Thais é conhecida por sua militância a favor das pessoas gordas e lutar contra a gordofobia. Nas redes sociais, publica fotos de biquíni e demonstra autoestima.[1][2] Sua carreira na internet tem o objetivo de incentivar mulheres gordas a se aceitarem.[2] Em janeiro de 2022, lançou uma minicoleção de biquínis cortininha para pessoas gordas. Thais também é sócia e proprietária da Alitasex, marca de produtos sensuais com linha exclusiva de lingeries e fantasias para pessoas gordas.[2]

Processos[editar | editar código-fonte]

Em outubro de 2021, o humorista Léo Lins foi condenado a pagar 5 mil reais por danos morais, em um processo judicial que Thais moveu contra ele por gordofobia. Ela declarou: "Me ridicularizou com diversas frases preconceituosas e gordofóbicas. Essa foi a primeira vez que um juiz deferiu diretamente a condenação pela violação de gordofobia em primeiro plano, o que é um excelente ganho para todas [as] pessoas gordas."[4] Em março de 2022, ganhou uma liminar na Justiça obrigando o apresentador Danilo Gentili a apagar de suas redes sociais fotos da dançarina — ela havia entrado com um processo por gordofobia, danos morais e uso indevido das imagens nas postagens.[5] Em maio de 2022, anunciou que havia processado uma enfermeira que criticou algumas de suas falas sobre gordofobia.[6] Thais processou o influencer do TikTok Pietro Krauss por utilizar sua imagem sem autorização, já que, após isso, ela teria sido hostilizada de forma recorrente nos comentários. Além de solicitar a exclusão do vídeo, sob pena de multa, a influencer pediu uma indenização de 15 mil reais. Em setembro de 2022, a Justiça negou o pedido de antecipação de tutela feito por Thais e manteve o vídeo no ar.[7]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Thais é casada com o fotógrafo Israel Reis e tem duas filhas. Morou em Salvador com a família até 2021,[1] quando se mudou no final do ano para o interior de São Paulo para ficar mais perto de sua loja. Em maio de 2022, anunciou que retornaria à Bahia.[8]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Premiação Categoria Resultado Ref.
2022 MTV Millennial Awards Saúde tá ok Venceu [9]

Referências