That's the Way Love Goes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"That's the Way Love Goes"
Single de Janet Jackson
do álbum janet.
Lançamento 20 de abril de 1993
Formato(s) CD single
Gravação 1992-1993, no Flyte Time Studios
(Edina, Minnesota)
The Hit Factory
(Nova Iorque)
Gênero(s) Pop, R&B
Duração 4:25
Gravadora(s) Virgin
Composição Janet Jackson, James Harris III, Terry Lewis, James Brown, Fred Wesley, John Starks e Charles Bobbit
Produção Janet Jackson, Jimmy Jam, Terry Lewis
Cronologia de singles de Janet Jackson
"The Best Things in Life Are Free"
(1993)
"If"
(1993)

"That's the Way Love Goes" é uma canção da cantora americana Janet Jackson, lançada como primeiro single de seu quinto álbum de estúdio, janet. (1993) em abril do mesmo ano. Por "That's the Way Love Goes", Janet Jackson ganhou seu segundo Grammy Award, o de Melhor Canção de R&B, e se tornou a música de album membro da família Jackson a ficar por mais semanas no topo da Billboard Hot 100, oito semanas.

Informações[editar | editar código-fonte]

Escrita e produzida por Jackson, Jimmy Jam e Terry Lewis, contém uma amostra de uma canção de 1974 de James Brown, "Papa Don't Take No Mess". Lançada comoo primeiro single de janet., a cantora não gostou da primeira versão produzida de "That's the Way Love Goes", de modo que seus produtores lhe entregaram uma fita durante suas férias de Natal em 1992 e pediram-lhe para ouvi-la por duas semanas. Quando ela voltou em janeiro de 1993, disse aos produtores: "Sabe a melodia que vocês fizeram? Eu adorei! É absolutamente maravilhosa". Jackson alterou a letra de mais sentimental para mais sedutora e mostrou a Jimmy por telefone às 2 da manhã. "If" seria o primeiro single do álbum. No entanto, Jam e Lewis argumentaram que a 1ª música lançada deveria dizer "'Bem-vindo ao album, se você gostou confira o resto'. E nós realmente sentimos isso...". "If" acabou sendo lançada como segundo single do álbum.

Um remix da canção intitulada "CJ FXTC Club Mix" aparece em seu álbum de remixes de 1995, Janet Remixed.

Em 1994, Jackson ganhou seu segundo Grammy Award de Melhor Canção de R&B, e foi também nomeada para Melhor Vocal Feminino de R&B.

"That's the Way Love Goes" foi classificada como número 427ª melhor música na lista da revista Blender, "The 500 Greatest Songs Since You Were Born".

Apresentações ao vivo[editar | editar código-fonte]

Jackson apresentou a música em um medley com "If" no MTV Video Music Awards de 1993. A cantora cantou a música em todas as suas turnês após seu lançamento.

Desempenho comercial[editar | editar código-fonte]

Estreou em 14º lugar na parada americana Billboard Hot 100. Duas semanas mais tarde, um dia antes do 27º aniversário de Jackson, em 16 de maio de 1993, alcançou o 1º lugar em tal parada, 11º na Hot R&B/Hip-Hop Songs, e o 9º lugar na Hot Dance Club Play. O single é também o maior sucesso de Jackson na Hot 100 Airplay, onde passou dez semanas em 1º lugar. Esta canção é o single de maior sucesso de Jackson nos Estados Unidos. Internacionalmente, ele chegou 1º lugar no Canadá, Austrália e Nova Zelândia, top 5 no Reino Unido, Países Baixos e Finlândia, e top 10 na Alemanha, Suécia, Dinamarca e Irlanda.

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

O vídeo foi dirigido pelo ex-marido de Jackson, René Elizondo Jr. em março de 1993. Situado em um loft, Jackson está entre os seus amigos que convencem-a a cantar sua nova canção. Há também a aparição da então desconhecida Jennifer Lopez como dançarina. Foi indicado para três Video Music Awards em 1993: Melhor Vídeo Feminino, Melhor Vídeo Dance e Melhor Coreografia.

Desempenho nas paradas musicais[editar | editar código-fonte]