The Cobbler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
The Cobbler
O Sapateiro Mágico (PRT)
Trocando os Pés (BRA)
Estados Unidos
2014 •  98 min 
Direção Thomas McCarthy
Produção Mary Jane Skalski
Elenco Adam Sandler
Method Man
Steve Buscemi
Melonie Diaz
Dustin Hoffman
Gênero Comédia dramática
Fantasia
Música John Debney
Nick Urata
Companhia(s) produtora(s) Golden Spike
Next Wednesday
Voltage Pictures
Happy Madison Productions
Distribuição Image Entertainment
Lançamento Canadá 11 de setembro de 2014 (Festival Internacional de Cinema de Toronto)
Estados Unidos 13 de março de 2015
Portugal 5 de março de 2015
Brasil 28 de maio de 2015
Orçamento US$ 10 milhões
Receita US$ 1,2 milhões
Página no IMDb (em inglês)

The Cobbler (br: Trocando os Pés / pt: O Sapateiro Mágico) é um filme de comédia dramática e fantasia produzido entre 2013 e 2014 e lançado em 2015, dirigido por Thomas McCarthy e escrito por Paul Sado. O filme é estrelado por Adam Sandler e conta com a participação especial de Dustin Hoffman. O filme foi filmado em Nova York e lançado no Festival Internacional de Cinema de Toronto no final de 2014 e, em 2015 nos Estados Unidos, Brasil e Portugal.[1]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Max Simkin (Adam Sandler) é um sapateiro nova-iorquino de quarta geração que administra uma tradicional sapataria no bairro de Lower East Side. Max é um solitário judeu de meia idade que mora com a mãe e leva uma vida rotineira cuidando da sapataria, desde que seu pai (Dustin Hoffman) deixou ele e sua mãe para trás e desapareceu misteriosamente há anos. Max vê sempre seus clientes experientes na arte de viver freqüentemente se divertindo, tirando férias e vivendo momentos emocionantes, enquanto ele permanece sempre atrás do balcão, tendo somente a companhia de um dos seus poucos amigos, o barbeiro Jimmy (Steve Buscemi). Max sente que sua vida não está indo para lugar nenhum, até que um certo dia, consertando os sapatos de um perigoso gângster chamado Ludlow (Method Man), ele descobre escondido nos fundos da sapataria uma herança de família: uma velha e mágica máquina que permite a ele assumir a aparência de seus clientes quando calça os sapatos deles. Agora, Max decidie aproveitar essa chance para viver a vida de seus clientes, vivendo momentos inesquecíveis e inusitados. Afinal, não é todo dia que podemos experimentar viver a vida de outras pessoas, vendo-a de uma forma diferente.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Adam Sandler como Max Simkin
  • Steve Buscemi como Jimmy
  • Method Man como Leon Ludlow
  • Melonie Diaz como Carmen Herrara
  • Dustin Hoffman como Abraham Simkin
  • Ellen Barkin como Elaine Greenawalt
  • Sondra James como Anna O'Hara
  • Dascha Polanco como Macy
  • Dan Stevens como Emiliano
  • Lynn Cohen como Sarah Simkin
  • Fritz Weaver como Sr. Solomon
  • Yul Vazquez como Marsha (Max)
  • Kevin Breznahan como Patrick
  • Grizz Chapman como Tino
  • Glenn Fleshler como Jeffrey
  • Danny Mastrogiorgio como Brian
  • Craig Walker como Danny Donald
  • Kim Cloutier como Taryn
  • Adam B. Shapiro como Schneider
  • Elena Kampouris como Alexia
  • Greta Lee como Carter
  • Joey Slotnick como Sr. Slick
  • Cliff Samara como Homem Indiano (Max)
  • Stephen Lin como Rapaz Chinês (Max)
  • Miles J. Harvey como Jovem Adolescente Negro (Max)

Produção[editar | editar código-fonte]

Em 19 de setembro de 2013, Adam Sandler estava em negociações para se juntar a Tom McCarthy em The Cobbler que começou a ser filmado em novembro de 2013. A Voltage Pictures financiaou totalmente o filme, que foi produzido por Mary Jane Skalski . Em 12 de novembro de 2013, Dan Stevens se juntou ao elenco. Dustin Hoffman e Steve Buscemi também se juntaram ao elenco durante as filmagens do longa em 18 de novembro de 2013.[2] Em 9 de setembro de 2014, a Image Entertainment adquiriu os direitos de distribuição do filme nos EUA por US $ 3,5 milhões.

Filmagens[editar | editar código-fonte]

As filmagens iniciais do filme começaram a serem rodadas na Cidade de Nova York, em 11 de novembro de 2013, antes de Sandler iniciar os projetos de seu outro filme Men, Women & Children.

Recepção[editar | editar código-fonte]

The Cobbler foi criticado pelos críticos.[3] No Rotten Tomatoes, o filme tem uma classificação de 9%, baseado em 64 comentários, com uma pontuação média ponderada de 3.1/10. O consenso crítico do site diz, " The Cobbler representa um ligeiro avanço em relação às recentes comédias de Adam Sandler, mas enquanto seu sentimento enjoativo prova ser um substituto mais palatável para seu humor grosseiro, ele ainda não é muito convincente".[4] No Metacritic, o filme tem uma pontuação de 22 em 100, com base em 21 críticos, indicando "comentários geralmente desfavoráveis".[5] Uri Klein do site Haaretz ressaltou que enquanto The Cobbler é uma das poucas vezes na carreira de Sandler em que ele escolheu trabalhar para um diretor com um certo pedigree", e "o enredo tem elementos fantásticos de representação que o liga a comediantes de uma época anterior, como Jerry Lewis e Danny Kaye ", o resultado é insatisfatório em termos de enredo e personagens.[6] O AV Club escolheu o filme como o pior filme de 2015. The Cobbler foi amplamente discutido no Chapo Trap House, do dia 22 de outubro de 2015, quando o filme foi amplamente criticado pelos apresentadores do programa.

Applications-multimedia.svg A Wikipédia tem o

Referências

  1. «Com 'Trocando os Pés', Adam Sandler se arrisca na comédia dramática». 'Guia Folha UOL. Consultado em 3 de junho de 2015 
  2. «Dustin Hoffman e Steve Buscemi entram para o elenco de "The Cobbler"». NaTelinha 
  3. «Com Adam Sandler melancólico, "Trocando os Pés" não diverte». UOL - Cinema. Consultado em 30 de maio de 2015 
  4. «The Cobbler». Rotten Tomatoes. Fandango. Consultado em 19 de novembro de 2016 
  5. «The Cobbler Reviews». Metacritic. CBS Interactive. Consultado em 20 de março de 2015 
  6. Klein, Uri (21 de abril de 2015). «How low can Adam Sandler's career go?». Haaretz. Consultado em 20 de março de 2015 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.