The Moving Finger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
The Moving Finger
O Enigma das Cartas Anónimas (PT)
A Mão Misteriosa (BR)
Autor(es) Agatha Christie
Idioma inglês
País  Estados Unidos
Gênero Romance policial
Editora Dodd, Mead and Company
Lançamento julho de 1942
Páginas 229 (1ª edição, capa dura)
Edição portuguesa
Tradução Maria do Carmo Pizarro
Editora Livros do Brasil
Lançamento 1974
Edição brasileira
Tradução Mário Salviano Silva
Editora Nova Fronteira
Lançamento 1983
Cronologia
Five Little Pigs
Towards Zero

The Moving Finger (A Mão Misteriosa, no Brasil[1] / O Enigma das Cartas Anónimas, em Portugal) é um romance policial de Agatha Christie, publicado em 1942.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Jerry e Joanna Burton, um jovem casal de irmãos vindos da capital, mudam-se para uma pequena cidade, Lymstock, para que ele se recupere de um acidente. Pouco tempo depois, à medida que os irmãos vão se integrando à vizinhança, Joanna recebe uma carta anônima, que acusa-os de não serem irmãos, e sim amantes. Cartas como essa têm circulado pelas redondezas, todas com acusações sem provas.

Um dia, uma das vizinhas, Mona Symmington, é encontrada morta após o recebimento de uma destas cartas, aparentemente um suicídio devido às injúrias. Jerry investiga por conta própria, pois a filha da vítima, Megan, se tornara uma grande amiga dele e de Joanna. A Scotland Yard é acionada para desmascarar a pessoa que tem escrito as cartas, e logo outra mulher é assassinada. Somente Miss Marple, que chega a Lymstock na última hora, pode fornecer todas as respostas para este mistério, com a valiosa ajuda de Jerry.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.