Inkigayo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de The Music Trend)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Inkigayo
Informação geral
Também conhecido(a) como The Music Trend
Formato
Duração 70 minutos
País de origem  Coreia do Sul
Idioma original Coreano
Produção
Apresentador(es) Chaeyeon
Mingyu
Exibição
Emissora de televisão original SBS
Formato de exibição 1080i
Transmissão original 15 de dezembro de 1991 – 17 de outubro de 1993 (antigo)
1 de fevereiro de 1998 – atualmente
N.º de episódios 990 (até 17 de fevereiro de 2019)

Inkigayo (em coreano: SBS 인기가요; originalmente chamado Popular Song, também conhecido como The Music Trend) é um programa musical sul-coreano transmitido pela SBS. Vai ao ar ao vivo todos os domingos às 15:50 KST/UTC+9 e é gravado semanalmente no SBS Open Hall em Deungchon-dong, Gangseo District, Seoul.[1] O show traz para o palco alguns dos artistas mais populares da atualidade na Coreia do Sul. Atualmente é apresentado por Chaeyeon (DIA) e Mingyu (Seventeen).

História[editar | editar código-fonte]

The Music Trend estreou com o nome de SBS Popular Song em 1991 como um chart show, mas foi suspenso no outono de 1993. Mais tarde, surgiu novamente em 1998 com seu título e formato originais. Em 2003, o formato de parada musical (chart) foi removido e substituído pelo Take 7, onde sete dos artistas mais populares da semana são apresentados e o artista mais popular recebe o prêmio da Canção Mutizen.[2]

Na primavera de 2007, o programa passou de uma transmissão gravada para uma transmissão ao vivo, em um esforço a fim de aumentar a audiência, bem como alterou o nome para The Music Trend. Em novembro de 2008, o programa mudou o horário de 15:30 para 14:10, sendo transmitido após o Good Sunday. Em 2010, o programa aumentou para 70 minutos, começando as 15:50 em todo domingo.

Em 10 de julho de 2012, SBS anunciou que iria renovar o formato do programa tirando o sistema Take 7 e o prêmio Canção Mutizen, explicando que "nós acreditamos que invés do sistema de ranking, a coisa mais importante é o gênero K-Pop sendo reconhecido pelo mundo todo. Portanto, nós decidimos nos submeter a essa decisão em esperança dos telespectadores apenas aproveitar a música. Tem vários cantores K-Pop na indústria musical que possuem talento. Nós queremos nos livrar do repetitivo sistema no qual os artistas lançam as músicas e performam, então nós planejamos reprojetar nosso sistema ao ter um novo conceito onde tenha mais performances especiais". O programa, já reformulado começou em 15 de julho de 2012.[3]

No início de março de 2013, o programa anunciou que iria voltar com o sistema de ranking com o Inkigayo Chart. A nova parada musical é uma colaboração com a Korea Music Content Industry Association, a Gaon Chart e começou em 17 de março de 2013.[4] Em 2 de outubro de 2016, o programa mudou de horário das 3:50PM para 12:10PM, junto com a mudança de horário, o programa mudou seu logotipo.[5]

Apresentadores[editar | editar código-fonte]

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Super Rookie[editar | editar código-fonte]

Toda semana, artistas e grupos novatos na indústria sul-coreana performavam no programa. No fim do mês, era escolhido um "Super Rookie" através da página oficial do Inkigayo. Esse quadro foi finalizado no final de 2010

Digital Music Charts[editar | editar código-fonte]

Anteriormente conhecido como Mobile Ranking, o Digital Music Chart leva em conta a popularidade das músicas em vigor dos downloads nos celulares, assim como o download em sites. Semanalmente, o quadro apresentava os 5 que mais se sucederam no segmento com apresentador(es) diferente(s). O quadro foi abandonado no meio de 2009.

Músicas de campanha[editar | editar código-fonte]

Em cada episódio, diversos artistas participavam de canções de campanha que tinha o propósito de deixarem pessoas alertadas em diversos assuntos. As campanhas incluíam: Dirigir com segurança, pirataria, beber leite, entre outros.

Take 7[editar | editar código-fonte]

Take 7 é o segmento mais notável do programa. Semanalmente, sete das mais populares músicas são mostradas em um ranking, onde a maioria dos artistas as performavam. Ao final do programa, a Canção Mutizen (o termo mutizen é proveniente da junção das palavras "música" e "Netizen", simbolizando as músicas escolhidas pelos netizens) que é a canção mais popular da semana, ganha um prêmio.[9] Cada canção só pode receber no máximo 3 (três) prêmios, tendo ganhado a música seria retirada do Take 7. O segmento teve seu fim em 10 de julho de 2012.[10]

Canções que ocuparam o primeiro lugar[editar | editar código-fonte]

1998[editar | editar código-fonte]
1999[editar | editar código-fonte]
2000[editar | editar código-fonte]
2001[editar | editar código-fonte]
2002[editar | editar código-fonte]
2003[editar | editar código-fonte]

Vencedores do Canção Mutizen[editar | editar código-fonte]

2003[editar | editar código-fonte]
2004[editar | editar código-fonte]
2005[editar | editar código-fonte]
2006[editar | editar código-fonte]
2007[editar | editar código-fonte]
2008[editar | editar código-fonte]
2009[editar | editar código-fonte]
2010[editar | editar código-fonte]
2011[editar | editar código-fonte]
2012[editar | editar código-fonte]

Inkigayo Q[editar | editar código-fonte]

Espectadores podem pedir ao determinado artista da semana uma pergunta através do aplicativo móvel da SBS, Soty. Durante o segmento, algumas perguntas selecionadas são feitas e os usuários das mesmas recebiam um prêmio pela sua participação. Esse quadro começou em 17 de fevereiro de 2013.

Inkigayo Showcase[editar | editar código-fonte]

Este segmento foi criado para mostrar artistas indies talentosos e artistas novatos na indústria que são difíceis de se verem na televisão semanalmente.[11] O segmento foi criado juntamente com o Inkigayo Chart em 17 de março de 2013.

Inkigayo Chart[editar | editar código-fonte]

Depois de acabarem com o Take 7 no meio de 2012, um novo sistema de ranking foi elaborado para o programa em 17 de março de 2013. O quadro apresenta como metodologia cinco canções para o público votar (como no antigo sistema) através do aplicativo móvel da SBS, Soty, combinando-se com o Digital Song Chart e com o Offline Album Chart, o programa entrou em colaboração com a Gaon Chart, a principal tabela musical sul-coreana, para criarem o Inkigayo Chart.[12]

Atualmente, o ranking é calculado combinando os pontos de vendas digitais (55%), SNS contabilizado pelas visualizações do YouTube (35%), vendas de álbuns (5%) contabilizado pelo Gaon Album Chart, votação antecipada dos espectadores contabilizada e feita pela MelOn. Os três principais artistas são nomeados para aos candidatos ao primeiro lugar, onde são somados aos pontos da votação ao vivo (10%) para determinar o primeiro lugar, que posteriormente é nomeado como Artista da Semana.[11][13]

Período Metodologia
17 de março de 2013 Vendas digitais (50%), SNS (30%), votação antecipada dos espectadores (20%), votação ao vivo (20%; somente para os candidatos ao primeiro lugar)
24 de março de 2013 – 1 de fevereiro de 2015 Vendas digitais (60%), SNS (35%), votação antecipada dos espectadores (5%), votação ao vivo (10%; somente para os candidatos ao primeiro lugar)
8 de fevereiro de 2015 – 29 de janeiro de 2017 Vendas digitais (55%), SNS (35%), vendas de álbuns (5%), votação antecipada dos espectadores (5%), votação ao vivo (10%; somente para os candidatos ao primeiro lugar)
5 de fevereiro de 2017 – 28 de maio de 2017 Vendas digitais (55%), SNS (35%), vendas de álbuns (5%), votação antecipada dos espectadores (5%)
4 de junho de 2017 – presente Vendas digitais (55%), SNS (35%), vendas de álbuns (5%), votação antecipada dos espectadores (5%), On-Air (10%)

Canções que ocuparam o primeiro lugar[editar | editar código-fonte]

2013[editar | editar código-fonte]
2014[editar | editar código-fonte]
2015[editar | editar código-fonte]
2016[editar | editar código-fonte]
2017[editar | editar código-fonte]
2018[editar | editar código-fonte]
2019[editar | editar código-fonte]

Conquistas por artista[editar | editar código-fonte]

Triple Crown[editar | editar código-fonte]

Triple Crown (sistema antigo)[editar | editar código-fonte]

Triple Crown é quando uma canção recebe Mutizen Song três vezes. Depois disso, a música é removida do Take 7 e fica inelegível para ganhar novamente.

Triple Crown (novo sistema)[editar | editar código-fonte]

Triple Crown é quando uma música recebe o Primeiro Lugar três vezes. Depois disso, a música é removida do gráfico e fica inelegível para ganhar novamente.

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

Escândalo envolvendo Nip-Slip[editar | editar código-fonte]

Um escândalo envolvendo Nip-Slip com a cantora Ryu Hwa-young, ex-integrante do girl group T-ara no episódio do Inkigayo em 29 de janeiro de 2012 onde ela acidentalmente mostrou sua mama durante sua dança. Um print screen rodou por portais coreanos. [18][19] relatou que o incidente ocorreu enquanto o programa estava sendo transmitido ao vivo. A Core Contents Media lançaram um comunicado oficial sobre o ocorrido dizendo que "A performance de T-ara foi feito completamente ao vivo, e foi um acidente ao vivo. Não houve nenhum problema durante o ensaio delas [...]. Antes do fato dela ser uma celebridade, ela ainda é menor de idade, então nós esperamos que as pessoas irão lembrar que ela é uma jovem."[20] A SBS lançou após a polêmica um comunicado se desculpando pelo acontecido.[20]

Programas similares[editar | editar código-fonte]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Taecyeon e Wooyoung estiveram em um hiato por 5 semanas devido um incidente com Jaebeom. Apresentadores convidados ocuparam seus lugares até que voltassem.

Referências

  1. «How to apply for K-Pop Music Shows» (em inglês). VisitKorea. Consultado em 11 de janeiro de 2019 
  2. "Mutizen" é uma junção de "music" e "netizen".
  3. «'인기가요', 뮤티즌송 폐지.."K팝, 순위에 의미無"» (em canúri). Nate. Consultado em 30 de agosto de 2017 
  4. «인기가요 순위제 부활 '가온차트와 협력한다'» (em coreano). Xsports News. 3 de março de 2013. Consultado em 11 de janeiro de 2019 
  5. «"Inkigayo" To Change Broadcast Time Starting Next Month» (em inglês). Soompi. 27 de setembro de 2016. Consultado em 17 de setembro de 2017 
  6. «엑소 수호 백현 이유비 '인기가요' 새MC 발탁» (em coreano). Newsen. 11 de janeiro de 2019. Consultado em 24 de janeiro de 2014 
  7. «'인기가요' 김민석-공승연-정연, 아쉬운 굿바이 인사… "정말 행복했다"» (em coreano). Naver. 22 de janeiro de 2017. Consultado em 11 de janeiro de 2019 
  8. «Lista dos Super Rookies» (em coreano). SBS". Consultado em 12 de janeiro de 2019 
  9. «Take 7». Inkigayo. Consultado em 26 de maio de 2018 
  10. «'인기가요', 뮤티즌송 폐지.."K팝, 순위에 의미無"» (em coreano). Nate. 10 de julho de 2012. Consultado em 26 de maio de 2018 
  11. a b «순위제 부활 SBS '인기가요', 무엇이 달라졌나» (em coreano). TVReport. 17 de março de 2013. Consultado em 29 de dezembro de 2018 
  12. «SBS '인기가요', 순위제 부활 "가온차트와 협력"» (em coreano). NoCut News. 3 de março de 2013. Consultado em 29 de dezembro de 2018 
  13. «SBS 인기가요: 인기가요 차트» (em coreano). SBS. Consultado em 29 de dezembro de 2018 
  14. a b c d e f g «Inkigayo Chart Rank List» (em coreano). SBS. Consultado em 11 de janeiro de 2019 
  15. Sem exibição do programa devido ao acidente da Asiana Airlines
  16. 20º aniversário do SBS Dream Concert Telecast
  17. «태양, 15일 결방된 '인기가요'서 1위..방송 3사 음악프로 '올킬'» (em coreano). Daum. 18 de junho de 2014. Consultado em 11 de janeiro de 2019 
  18. «티아라 화영 노출·BAP 무대 함몰...`인기가요` 질타» (em coreano). JoongAng Ilbo. 19 de junho de 2013. Consultado em 16 de janeiro de 2019 
  19. «티아라 화영 노출사고, SBS '인기가요' 제작진에 '불똥'» (em coreano). The Dong-a Ilbo. 30 de janeiro de 2012. Consultado em 16 de janeiro de 2019 
  20. a b «Core Contents Media and "Inkigayo" PD Apologizes about Hwayoung's Incident» (em inglês). Soompi. 30 de janeiro de 2012. Consultado em 16 de janeiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]