Rings (filme de 2016)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de The Ring 3D)
Ir para: navegação, pesquisa
Marcador do evento atual
Este artigo ou seção contém informações sobre eventos futuros.
É provável que contenha informações de natureza especulativa, e seu conteúdo pode mudar drasticamente.
Editor: considere marcar com um aviso mais específico.
Rings
Chamados (BR)
 Estados Unidos
2016 •  cor •  
Direção F. Javier Guetierrez
Produção Walter Parkes
Laurie MacDonald
Roteiro Aviva Goldsman
David Loucka
Jacon Aaron
Baseado em Koji Suzuki
Elenco Bonnie Morgan
Johnny Galecki
Aimee Teegarden
Alex Roe
Matilda Lutz
Gênero Terror
Suspense
Distribuição Paramount Pictures
Idioma Inglês
Cronologia
Último
The Ring 2
Próximo
Página no IMDb (em inglês)

Rings, anteriormente intitulado como The Ring 3D, é um filme de horror psicológico sobrenatural americano, dirigido por F. Javier Gutiérrez, e roteirizado por David Loucka, Jacob Aaron Estes e Akiva Goldsman. É o terceiro filme da franquia americana baseada no filme de terror japonês Ringu, seguindo The Ring e The Ring Two. O filme é produzido por Laurie MacDonald.[1] O elenco inclui Matilda Lutz, Alex Roe e Johnny Galecki. Fotografia principal começou em março de 2015 em Atlanta. O filme será lançado em 28 de outubro de 2016. (EUA)

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A trama se passará 13 anos após os acontecimentos dos primeiros capítulos da franquia de terror.

Julia (Matilda Lutz) é uma estudante do ensino médio, seu namorado Holt (Alex Roe) tem ficado distante. Temendo que algo de ruim aconteceu com ele, Julia viaja para vê-lo e descobre que ele faz parte de um clube de estudantes universitários que repassam a fita de Samara entre si. Julia também descobre que Holt assistiu a fita amaldiçoada seis dias e meio atrás, o que significa que até o final do dia, ele irá morrer. A maldição é o que os trouxe de volta juntos, mas é também o que ameaça matá-los.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Possível sequência[editar | editar código-fonte]

Em entrevista na CinemaCon, o executivo da Paramount Rob Moore declarou que caso o filme prove-se um sucesso, mais sequência poderiam ser produzidas anualmente, substituindo a série Atividade Paranormal da Paramount.[3]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]