Theo de Raadt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Theo de Raadt
cientista da computação, desenvolvedor de software livre
Theo de Raadt em 2013
Nacionalidade Canadense
Nascimento 19 de maio de 1968
Local Pretoria, África do Sul
Atividade
Campo(s) cientista da computação, desenvolvedor de software livre
Instituições FSA Corporation
Alma mater Universidade de Calgary
Conhecido(a) por NetBSD, OpenBSD, OpenSSH
Prêmio(s) Award for the Advancement of Free Software


Theo de Raadt ( /ˈθ. dɛˈrɔːt/ - em inglês); é um engenheiro de software em Calgary, Alberta, Canadá. É o fundador e líder dos projetos OpenBSD e OpenSSH, e foi um dos membros que participou da fundação do projeto NetBSD[1].

Infância[editar | editar código-fonte]

Theo de Raadt é o mais velho de quatro filhos de um pai holandês e uma mãe Sul-Africana, com mais duas irmãs e um irmão. Preocupados com a conscrição obrigatória de dois anos nas forças armadas na África do Sul, a família migrou para Calgary, Alberta, Canada em Novembro de 1977. Em 1983, a maior recessão deste a Grande Depressão enviou a família para Yukon. Antes de se mudar, De Raadt comprou seu primeiro computador, um Commodore VIC-20, que depois foi substituido por um Amiga. Com estes computadores que ele começou a desenvolver software.[2]

Em 1992 ele obteve o grau de Bacharel em Ciências da Computação pela Universidade de Calgary.

NetBSD[editar | editar código-fonte]

O projeto NetBSD foi fundado em 1993 por Chris Demetriou, Adam Glass, Charles Hannum e De Raadt, que começaram a sentir a frustração por conta da qualidade e velocidade no desenvolvimento do Jolix, a distribuição Berkley padrão da época, e acreditavam que um modelo de desenvolvimento mais aberto criaria benefícios e desenvolvimento maior em um sistema operacional. Jolix, também conhecido como 386BSD, era um derivado do projeto original do 4.3BSD da Universidade da Califórnia, enquanto o projeto NetBSD uniu código relevante do Networking/2 e 386BSD. O novo projeto focaria então em ser limpo, portável, com código o mais correto possível, tendo o objetivo em produzir um sistema operacional baseado em BSD que fosse unificado, multi-plataforma e com qualidade de produção. O nome NetBSD se deu por conta dos patches do Net/2 bem como sua disponibilidade online.

O a primeira versão do repositório de código-fonte foi estabelecida em 21 de Março de 1993, e o lançamento oficial do NetBSD 0.8 foi feito em Abril de 1993[3]. Este foi derivado do 386BSD 0.1 com o patchkit não-oficial versão 0.2.2, adicionando diversos programas do Net/2 que faltavam no 386BSD, e implementando várias melhorias. Em Agosto de 1993 a versão 0.9 do NetBSD foi lançada com várias melhorias e correções de bug. Até então esta versão tinha apenas compatibilidade com PC, contudo, o suporte a outras plataformas estava em desenvolvimento. NetBSD 1.0 foi lançado em Outubro de 1994. Esta foi a primeira versão com suporte multiplataforma, suportando o IBM PC compatible, HP 9000 Series 300, Amiga, 68k Macintosh, Sun-4c series e PC532.

Neste lançamento, também houveram problemas legais por conta do código-fonte derivado no Net/2 com código equivalente ao 4.4BSD-lite, de acordo com a disputa legal USL v BSDi. De Raadt teve vital importância para a criação do port para a arquitetura SPARC, e junto com Chuck Cranor[4] eles implementaram o código inicial.

Referências

  1. «So you say you want an interim release of 386bsd?(em inglês)». Kernel Hackers 'r' Us. 1993-04-19. Consultado em 2016-10-20. 
  2. Artigo do "The Age": "Mantendo-se no topo(em inglês)".2004-10-08. Acessado em 2016-10-21.
  3. Kernel Hackers 'r' Us: "So you say you want an interim release of 386bsd?(em inglês)".1993-04-21. Acessado em 2016-10-21.
  4. [1]

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.