Thiago Alcântara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Thiago Alcântara
Thiago Alcântara
Thiago Alcântara em 2019.
Informações pessoais
Nome completo Thiago Alcântara do Nascimento
Data de nasc. 11 de abril de 1991 (29 anos)
Local de nasc. San Pietro Vernotico, Itália
Nacionalidade espanhol
brasileiro
italiano
Altura 1,74 m
destro
Informações profissionais
Clube atual Liverpool
Número 6
Posição meio-campista
Clubes de juventude
1997-2000
2000-2001
2001–2005
2005–2008 [3]
Priegue CF
FC Kelme
Flamengo[1]
Barcelona [2]
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2008–2011
2009–2013
2013–2020
2020–
Barcelona B
Barcelona
Bayern de Munique
Liverpool
0059 0000(3)
0101 000(11)
0235 000(31)
0001 0000(0)
Seleção nacional3
2007
2007–2008
2009
2009–2010
2010–2013
2011–
Espanha Sub-16
Espanha Sub-17
Espanha Sub-18
Espanha Sub-19
Espanha Sub-21
Espanha
0001 0000(0)
0008 0000(5)
0001 0000(1)
0011 0000(4)
0021 0000(6)
0039 0000(2)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 20 de setembro de 2020.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 6 de setembro de 2020.

Thiago Alcântara do Nascimento[4] mais conhecido como Thiago Alcântara ou simplesmente Thiago (San Pietro Vernotico, 11 de abril de 1991) é um futebolista espanhol de ascendência brasileira nascido na Itália e que atua como meio-campista. Atualmente joga pelo Liverpool.

Carreira

Infância

Filho de Valéria Alcântara, ex-voleibolista brasileira e do ex-futebolista brasileiro Mazinho (paraibano, campeão da Copa do Mundo de 1994), Thiago nasceu em San Pietro Vernotico, na Itália, na época em que seu pai atuava pelo Lecce.[5] Por ter pai e mãe brasileiros, possui cidadania brasileira, além da espanhola, que adquiriu após ter passado boa parte da infância na Espanha. Chegou a atuar em clubes brasileiros ainda na infância, passando pelo infantil do Flamengo entre os anos de 1995 e 1996 e CFZ[6], quando tinha cinco anos de idade. Mudou-se para a Espanha com seu pai, jogando na equipe infanto-juvenil do Ureca, em Nigrán, região da Galiza. Ele retornou ao Flamengo aos dez anos e, em 2005, aos quatorze anos, mudou-se de vez para a Espanha para jogar pelas categorias de base do Barcelona.[5]

Barcelona

No dia 17 de maio de 2009, aos dezoito anos de idade, Thiago recebeu sua primeira chance pelo time principal do Barça, substituindo Eiður Guðjohnsen no segundo tempo de uma partida contra o Mallorca.

Na temporada 2010–11, passou a ter ainda mais chances na equipe, sendo inserido definitivamente no time principal do Barcelona. Em 20 de fevereiro de 2010, marcou seu primeiro gol na carreira, numa vitória por 4 a 0 contra o Racing Santander no Camp Nou. Marcou gols também contra o Almería e contra a Real Sociedad. Terminou sua primeira temporada inteira como profissional com um total de 17 jogos, três gols e três assistências. Ao fim da temporada, no dia 29 de junho de 2011 o Barcelona renovou o seu contrato até 30 de junho de 2015, tendo agora uma cláusula de rescisão de 90 milhões de euros.

Nos dias 26 e 27 de julho de 2011, disputou pelo Barcelona um torneio amistoso, de pré-temporada, a Copa Audi. O Barcelona sagrou-se campeão e Thiago foi o artilheiro com três gols marcados, dois deles na final. Ao fim do torneio, foi premiado como melhor jogador do mesmo.

Na temporada 2011–12, ganhou muito mais chances na equipe titular com as lesões de seus compatriotas Cesc Fàbregas e Iniesta, porém ainda foi reserva da estrelada equipe catalã.

Bayern Munique

No dia 14 de julho de 2013 foi contratado pelo Bayern de Munique por 25 milhões de euros (73,8 milhões de reais), com vínculo até 2017.[7] Recebeu a camisa de número seis.[8] Lesionado no joelho direito em março de 2014, retornou as gramados somente um ano depois, em 4 de abril de 2015, diante do Borussia Dortmund.[9]

Liverpool

Em 17 de setembro de 2020, foi contratado pelo Liverpool da Inglaterra por 30 milhões de euros, para as próximas 4 temporadas. Ele irá vestir a camisa 6 dos Reds. Fez sua estreia em 20 de setembro de 2020, entrando no intervalo da partida contra o Chelsea no Stamford Bridge, onde o Liverpool venceu por 2-0.[10] Nesta partida, Thiago completou 75 passes bem sucedidos, o maior número de passes realizados por um jogador em apenas 45 minutos na Premier League.[11]

Seleção Espanhola

Categorias de base

Apesar de ter nascido na Itália e ter pais brasileiros, Thiago identificou-se com a Espanha, muito pelo fato de atuar desde os 14 anos no Barcelona. Em 2008, ele foi campeão da Euro Sub-17 pela Seleção Espanhola. Em 2010, fez também parte do grupo finalista da Euro Sub-19, vencida pela França.

Foi um dos principais jogadores do grupo campeão da Euro Sub-21 de 2011, marcando o segundo gol da vitória sobre a Suíça na final, num belo chute de longa distância.[12] Devido a sua boa atuação na partida, faturou ainda o prêmio de "Homem do Jogo", entregue pela UEFA.[12]

Principal

Estreou pela Seleção Espanhola no dia 10 de agosto de 2011, em um amistoso contra a Itália. Integrante da lista inicial de trinta jogadores para a Copa do Mundo de 2014, foi cortado devido a lesão sofrida em 29 de março de 2014 que ocasionou em intervenção cirúrgica no joelho direito.[13]

No dia 31 de maio de 2016, foi convocado para a disputa da Eurocopa de 2016.[14]

Em 21 de maio de 2018 foi convocado para a Copa do Mundo FIFA de 2018[15].

Vida pessoal

É filho do ex-jogador brasileiro Mazinho, que jogava na Itália à época do nascimento do filho. Apesar de Thiago já ter atuado pelas seleções juvenis da Espanha, o pai declarou:

Seu irmão mais novo, Rafael Alcântara, também atuou pelas categorias de base do Barcelona.

Títulos

Barcelona
Bayern de Munique
Seleção Espanhola

Prêmios individuais

Artilharias

Referências

  1. «Dinheiro extra: Fla pode lucrar com ida de Thiago Alcântara para o Bayern». Globo Esporte. 17 de julho de 2013 
  2. https://www.transfermarkt.pt/thiago/profil/spieler/60444
  3. https://www.transfermarkt.pt/thiago/profil/spieler/60444
  4. a b "Os herdeiros", Paulo passos, Placar número 1314, janeiro de 2076, Editora Abril, pág. 80
  5. a b Filho de Mazinho, Thiago Alcántara é convocado para a seleção espanhola GloboEsporte.com
  6. «Thiago e Rafinha Alcántara, a herança de Mazinho». LD SPORT NEWS. Consultado em 8 de abril de 2016 
  7. «Thiago Alcántara sold to Bayern Munich for 25 million euros» (em inglês). fcbarcelona.com. 14 de julho de 2013. Consultado em 15 de julho de 2013 
  8. «Perfekt! Thiago ist jetzt ein Bayer» (em alemão). Offizielle Website des FC Bayern München. 16 de julho de 2013 
  9. «T. Alcântara até chora com volta ao futebol após um ano fora». ESPN. 5 de abril de 2015 
  10. «Mane nets double against 10-man Blues». BBC Sport (em inglês). Consultado em 20 de setembro de 2020 
  11. «Thiago sets Premier League passing record on Liverpool debut after £20m move». Goal (em inglês). Consultado em 20 de setembro de 2020 
  12. a b Espanha sagra-se campeã da Europa de Sub-21 UEFA.com
  13. «Thiago Alcantara, da Espanha, passará por nova cirurgia e está fora da Copa». Folha UOL. 15 de maio de 2014 
  14. «El 1x1 de los 23 convocados para la Eurocopa» (em espanhol). Sport.es. 31 de maio de 2016 
  15. «Com brasileiros Diego Costa e Rodrigo, Espanha divulga lista final para a Copa» 
  16. «2013: Thiago Alcántara». UEFA.com 
  17. «The 100 best footballers in the world 2016 – interactive» (em inglês). The Guardian 
  18. UEFA Champions League Squad of the Season

Ligações externas

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Thiago Alcântara