Esporte Clube Tigres do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Tigres-RJ)
Ir para: navegação, pesquisa
Tigres do Brasil
Tigres2016.png
Nome Esporte Clube Tigres do Brasil
Alcunhas Fera da Baixada
Fundação 19 de janeiro de 2004 (12 anos)
Estádio de Los Larios
Capacidade 6 300
Localização Duque de Caxias, (RJ), Brasil
Presidente Argentina Aristóteles Larios
Treinador Brasil Felipe[1]
Patrocinador Brasil Papelex
Brasil Hydratta
Brasil Super Guanabarra
Brasil Grupo Tangará
Brasil Poland Química
Brasil Playvender
Material esportivo Estados Unidos Nike
Competição Rio de Janeiro Campeonato Carioca
Website www.tigres.com.br
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

Esporte Clube Tigres do Brasil é uma agremiação esportiva situada no município de Duque de Caxias, no estado do Rio de Janeiro, fundada em 19 de janeiro de 2004 com o nome de Esporte Clube Poland química do Brasil.

História[editar | editar código-fonte]

Formação do Tigres do Brasil, 2015

O Esporte Clube Tigres do Brasil deve seu início à iniciativa de revolucionar o futebol brasileiro. A diretoria quis provar que com investimento e administração profissional, os bons resultados seriam mera conseqüência.

Em 2005, o Esporte Clube Poland do Brasil resolveu adotar um nome para parecer mais brasileiro e Tigres do Brasil foi o nome escolhido. O time terminou na quarta colocação no Campeonato Carioca da Terceira Divisão. Naquele mesmo ano, a equipe caxiense conquistaria o título da Copa Rio, ao vencer o Macaé Esporte na decisão.

Escudo anterior a parceria com o Corinthians.

Em 2006, o Tigres do Brasil garantiu uma vaga para a disputa do Campeonato Carioca da Segunda Divisão do ano seguinte, após terminar em terceiro na seletiva.

Em 2008, o Tigres ficou em segundo lugar no Campeonato Carioca da Segunda Divisão e garantiu acesso pela primeira vez na Primeira Divisão de 2009.[2]

Em 2009, consegue se manter na Primeira Divisão do Campeonato Carioca e se sagra campeão carioca da categoria Juniores da Primeira Divisão, ao vencer a Taça Guanabara e Taça Rio, um feito inédito para o clube de Xerém. A equipe de juniores conquistou de forma inédita o Campeonato Estadual da Primeira Divisão da categoria, após 22 anos em que um dos quatro grandes clubes do Rio de Janeiro não faturam o título. O último campeão entre os times de menor investimento foi o Bangu Atlético Clube em 1987. Naquele mesmo ano, a equipe caxiense conquistaria seu segundo título da Copa Rio, ao vencer o Madureira na decisão.

Em 2010, o clube estreou em competições nacionais enfrentado o Fortaleza pela Copa do Brasil 2010, no Estádio De Los Larios, a partida acabou empatada em 2 a 2. No mesmo ano é rebaixado à Segunda Divisão no Campeonato Estadual por ter ficado na última colocação.

Em 2011, o Tigres assina parceria com a equipe de futebol society Libertad TFS para participar do Campeonato Carioca de Futebol 7, a edição de 2011 é a primeira a reunir os quatro grandes do Rio - Flamengo, Vasco, Fluminense e Botafogo - além de outras agremiações tradicionais como, América, Bangu, Olaria, Madureira, Portuguesa e São Cristóvão.[3] [4]

Em 2014, o Tigres fecha uma parceria com a Universidade de Futebol para a Gestão do clube. Nesse mesmo ano o Tigres vence a Taça Corcovado (segundo turno da Segunda Divisão) e consegue o Segundo Lugar na Série B, garantindo assim uma vaga na Série A do Campeonato Carioca 2015.

A administração do clube adota um modelo de gestão empresarial e conta com um presidente e um vice presidente. As Diretorias do clube hoje são compostas pela parceria com a Universidade de Futebol.

Em uma área de 240 mil metros quadrados, estão localizados cinco campos oficiais, um campo reduzido para goleiros, sala de musculação, piscina, área de lazer e alojamentos para os atletas da base.[5]

Em 2015 o Tigres fechou uma parceria com o clube paulista Corinthians para a compra e empréstimo de jogadores entre os 2 clubes.[6]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Rio de Janeiro Copa Rio 2 2005 e 2009
Rio de Janeiro Taça Corcovado 1 2014

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Soccerball current event.svg Última atualização: 23 de novembro de 2015.

Goleiros
Jogador
Brasil Renan
Brasil Santiago
Defensores
Jogador Pos.
Brasil Sérgio Raphael Z
Brasil Xandão Z
Brasil Rodrigo Sam Z
Brasil Thiago Medeiros Z
Brasil Alex LD
Brasil Lucão LD
Brasil Igor LE
Brasil Lucas Fernandes LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
Brasil Léo Bartholo V
Brasil Gabriel V
Brasil Ayrton V
Brasil Fabiano V
Brasil Diogo Sodré M
Brasil Giovanni M
Brasil Kelvy M
Atacantes
Jogador
Brasil Maurício Pelegrini
Brasil Lucas Dantas
Brasil Marlinho
Brasil Willian Silva
Brasil Gabriel Vasconcelos
Comissão técnica
Nome Pos.
Brasil Marcelo Cabo T
Brasil Wallace PF
Brasil Rodrigo MA
Legenda
  • Capitão : Capitão
  • Lesionado : Jogador lesionado/contundido
  • PenalizadoExpulso: Jogador suspenso

Transferências 2015[editar | editar código-fonte]

Legenda

Categorias de base[editar | editar código-fonte]

Juniores[editar | editar código-fonte]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Estaduais
  • Rio de Janeiro Campeão da Taça Guanabara de Juniores (Primeira Divisão): 2009
  • Rio de Janeiro Campeão da Taça Rio de Juniores (Primeira Divisão): 2009
  • Rio de Janeiro Campeão Estadual de Juniores (Primeira Divisão): 2009
  • Rio de Janeiro Vice-campeão do Torneio Otávio Pinto Guimarães de Juniores: 2010

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Soccerball current event.svg Última atualização: 23 de novembro de 2015.

Goleiros
Jogador
Brasil Alex
Brasil Bruno
Brasil João Paulo
Defensores
Jogador Pos.
Brasil Erick Landini Z
Brasil Josué Z
Brasil Murillo Z
Brasil Oliveira Z
Brasil Paulo Fernando Z
Brasil Carlos Eduardo LD
Brasil Deivison LD
Brasil Thiago LD
Brasil Criciúma LE
Brasil Rodrigo Santos LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
Brasil Atila V
Brasil Bruno Silva V
Brasil Douglas Martins V
Brasil Igor Martins V
Brasil Boca Capitão V
Brasil Matheus Nascimento V
Brasil Digão M
Brasil Jacson Alves M
Brasil Kevin M
Brasil Lucas M
Brasil Magé M
Brasil Maycon Yuri M
Brasil Renan Souza M
Atacantes
Jogador
Brasil Maurício Pelegrini
Brasil Hugo Claus
Brasil Lucas Amorim
Brasil Michael Douglas
Comissão técnica
Nome Pos.
Brasil Tadeu T
Brasil Diogo PF
Brasil Paulo MD
Brasil Claudio MA
Legenda
  • Capitão : Capitão
  • Lesionado : Jogador lesionado/contundido
  • PenalizadoExpulso: Jogador suspenso

Transferências 2015[editar | editar código-fonte]

Legenda

Juvenil[editar | editar código-fonte]

Elenco atual[editar | editar código-fonte]

Soccerball current event.svg Última atualização: 23 de novembro de 2015.

Goleiros
Jogador
Brasil Lucas Campos
Brasil Matheus Amaral
Defensores
Jogador Pos.
Brasil Jonatan Z
Brasil Robson Luiz Z
Brasil Thiago Mello Z
Brasil Victor Silva LD
Brasil Carlos Felipe LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
Brasil Marcelo Lima V
Brasil Ribéry V
Brasil Rosinei V
Brasil Augusto M
Brasil Gabriel Teles M
Atacantes
Jogador
Brasil Arthur Braga Capitão
Brasil Jonas Ezichiello
Comissão técnica
Nome Pos.
Brasil Aurélio T
Brasil Luiz Neves PF
Brasil Paulo Felipe MD
Brasil Claudio MA
Legenda
  • Capitão : Capitão
  • Lesionado : Jogador lesionado/contundido
  • PenalizadoExpulso: Jogador suspenso

Transferências 2015[editar | editar código-fonte]

Legenda

Ranking da CBF[editar | editar código-fonte]

  • Posição: 2(%84
  • Pontuação: 50 pontos[8]

Ranking criado pela Confederação Brasileira de Futebol para pontuar todos os clubes do Brasil.[9]

Sedes e Estádio[editar | editar código-fonte]

Estádio De Los Lários[editar | editar código-fonte]

O Estádio De Los Lários tem capacidade oficial para 11.000 espectadores e se localiza no bairro de Xerém, quarto distrito do município de Duque de Caxias. O estádio foi inaugurado oficialmente em 18 de janeiro de 2009, em um amistoso realizado pelo Tigres do Brasil Esporte Clube contra o Danúbio Fútbol Club, do Uruguai. O jogo terminou em um empate por 4 a 4.[10][11][12] Para o Campeonato Carioca da série A do ano de 2016, o estádio é um dos poucos estádios liberados para realizar partidas contra os quatro Grandes Clubes do estado do Rio de Janeiro.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Portuguesa
Copa Rio
Copa Rio 2005
Sucedido por
Volta Redonda
Precedido por
Nova Iguaçu
Copa Rio
Copa Rio 2009
Sucedido por
Audax Rio