Tira-linhas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tira-linhas.

O tira-linhas é um instrumento próprio para desenho técnico. É usado para realizar traços com tinta nanquim (português brasileiro) ou tinta da china (português europeu) ou outras tintas líquidas. Permite desenhar as linhas mais finas com precisão. A espessura da linha pode ser aumentada ou diminuída ajustando o parafuso que une as lâminas, que nalguns modelos apresenta uma escala numerada.[1] É usado com auxilio de régua, de esquadro, e de régua "T", transferidor e outros tipos de réguas curvas e de formas.

Uso[editar | editar código-fonte]

Era originalmente usado para desenhos técnicos nas áreas do desenho em arquitectura, engenharia e cartografia. Com o aparecimento de canetas com depósito de tinta (e do desenho assistido por computador) caiu em desuso.

Atualmente, é apenas usado nas áreas de molduras decoradas e da caligrafia.

Também ainda é usado nas escolas, nas disciplinas de Desenho e de Artes, dada a perícia que o seu uso requer.

Ilustração de um tira linhas desenhando linhas retas do livro Illustration of ruling pen use from A Textbook on Ornamental Design (1901)

Referências

  1. «Tira-linhas». Dicionário da Língua Portuguesa com Acordo Ortográfico. Consultado em 10 de abril de 2016. 
Ícone de esboço Este artigo sobre ferramentas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.