Tiro nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016 - Skeet masculino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Skeet masculino
nos Jogos da XXXI Olimpíada
Shooting pictogram.svg
LocalCentro Olímpico de Tiro
Data12 e 13 de Agosto de 2016
Participantes32 de 23 países
Alvos atingidos pelo vencedor16 em 16 (na final)
Medalhados
Medalha de Ouro  ItáliaITA Itália
Medalha de Prata  SuéciaSWE Suécia
Medalha de Bronze  Atletas Olímpicos IndependentesIOA Atletas Olímpicos Independentes
«20122020»


A prova de Skeet masculino nos Jogos Olímpicos de 2016 decorreu a 12 e 13 de agosto de 2016 no Centro Olímpico de Tiro.[1]

Formato da competição[editar | editar código-fonte]

A prova consiste de três fases: uma qualificação, uma semifinal e a disputa pelas medalhas. No primeiro dia do evento os atiradores fazem três rondas de 25 alvos cada, enquanto no segundo dia competem em duas rondas de 25 alvos. Os seis melhores seguem para as semifinais, que tal como nos encontros das medalhas consistem em oito alvos duplos (um total de 16). Os desempates nas semi-finais e na final foram feitos através de um shoot-off, sendo que desempenhos iguais nessa mini-competição devem ter as suas posições através do resultado na qualificação.[1]

Medalhistas[editar | editar código-fonte]

O italiano Gabriele Rossetti sagrou-se campeão Olímpico ao superar o sueco Marcus Svensson. Já o atleta independente Abdullah Al-Rashidi foi medalha de Bronze ao derrotar Mykola Milchev, da Ucrânia.[2][3][4]

Gold medal.svg Ouro ItáliaITA Gabriele Rossetti
Silver medal.svg Prata SuéciaSWE Marcus Svensson
Bronze medal.svg Bronze Atletas Olímpicos IndependentesIOA Abdullah Al-Rashidi
Tiro nos
Jogos Olímpicos de Verão de 2016
Shooting pictogram.svg
Carabina deitado 50 m masc
Carabina três posições masc fem
Carabina de ar masc fem
Pistola livre 50 m masc
Pistola livre 25 m fem
Tiro rápido 25 m masc
Pistola de ar 10 m masc fem
Fossa olímpica masc fem
Fossa olímpica dublê masc
Skeet masc fem

Recordes[editar | editar código-fonte]

Antes do evento, estes eram os recordes olímpicos e mundiais:

Classificatórias
Tipo Atleta Pontos Local Data
Recorde mundial Itália Valerio Luchini 125 China Pequim 9 de julho de 2014
Recorde olímpico As regras mudaram desde as últimas Olimpíadas.[1][5]

Este recorde foi estabelecido durante a competição:

Data Prova Nome País Pontos Tipo
13 de agosto de 2016 Classificatória Abdullah Alrashidi Atletas Olímpicos Independentes 123 Recorde olímpico
Marcus Svensson  Suécia

Ronda de qualificação[editar | editar código-fonte]

Estes foram os resultados da ronda de qualificação:[6]

Classificação Atleta País 1 2 3 4 5 Total Shoot-off Notas
1 Abdullah Al-Rashidi Atletas Olímpicos IndependentesIOA Atletas Olímpicos Independentes 24 25 25 25 24 123 Q Recorde olímpico
2 Marcus Svensson SuéciaSWE Suécia 25 25 25 24 24 123 Q Recorde olímpico
3 Stefan Nilsson SuéciaSWE Suécia 25 24 25 23 25 122 Q
4 Mykola Milchev UcrâniaUKR Ucrânia 25 24 25 24 24 122 Q
5 Gabriele Rossetti ItáliaITA Itália 24 25 22 25 25 121 +12 Q
6 Jesper Hansen DinamarcaDEN Dinamarca 24 25 24 25 23 121 +12 Q
7 Éric Delaunay FrançaFRA França 24 25 25 24 24 121 +11
8 Anthony Terras FrançaFRA França 24 23 25 24 25 121 +3
9 Mairaj Ahmad Khan ÍndiaIND Índia 24 25 23 25 24 121 +3
10 Keith Ferguson AustráliaAUS Austrália 24 25 23 23 25 120
11 Azmy Mehelba EgitoEGY Egito 25 24 25 22 24 120
12 Anton Astakhov RússiaRUS Rússia 22 24 23 25 25 119
13 Efthimios Mitas GréciaGRE Grécia 23 24 22 25 25 119
14 Dainis Upelnieks LetôniaLAT Letônia 24 23 23 24 25 119
15 Vincent Hancock Estados UnidosUSA Estados Unidos 23 24 24 24 24 119
16 Andreas Chasikos ChipreCYP Chipre 22 23 24 24 25 118
17 Saeed Al Maktoum Emirados Árabes UnidosUAE Emirados Árabes Unidos 23 24 23 23 25 118
18 Michael Maskell BarbadosBAR Barbados 21 23 25 25 24 118
19 Paul Adams AustráliaAUS Austrália 24 24 24 23 23 118
20 Saud Habib Atletas Olímpicos IndependentesIOA Atletas Olímpicos Independentes 21 24 24 24 24 117
21 Frank Thompson Estados UnidosUSA Estados Unidos 23 22 24 25 23 117
22 Renato Portella BrasilBRA Brasil 24 22 21 25 24 116
23 Ralf Buchheim AlemanhaGER Alemanha 22 21 25 24 24 116
24 Luigi Lodde ItáliaITA Itália 21 23 24 24 24 116
25 Sebastian Kuntschik ÁustriaAUT Áustria 22 22 24 24 24 116
26 Juan Miguel Rodríguez CubaCUB Cuba 24 21 23 25 23 116
27 Federico Gil ArgentinaARG Argentina 23 23 23 24 23 116
28 Franco Donato EgitoEGY Egito 22 23 23 24 23 115
29 Saif bin Futtais Emirados Árabes UnidosUAE Emirados Árabes Unidos 21 23 24 23 23 114
30 Ronaldas Račinskas LituâniaLTU Lituânia 23 20 21 24 24 112
31 Nasser Al-Attiyah CatarQAT Catar 21 22 21 24 23 111
32 Rashid Saleh Hamad CatarQAT Catar 21 21 21 24 22 109

Fase final[editar | editar código-fonte]

Gabriele Rossetti, de Itália, e o sueco Marcus Svensson ficaram apurados para a discussão do título Olímpico. Já Mykola Milchev (Ucrânia) e o independente Abdullah Al-Rashidi seguiram para a luta pelo Bronze. Já na grande final, Gabriele Rossetti confirmou a superioridade face a Marcus Svensson para ser campeão Olímpico, enquanto Abdullah Al.Rashidi passou para a frente de Mykola Milchev e foi Bronze.[4]

Semi-final[editar | editar código-fonte]

Classificação Atleta País Total Shoot-off Notas
1 Gabriele Rossetti ItáliaITA Itália 16 Encontro da Medalha de Ouro
1 Marcus Svensson SuéciaSWE Suécia 16 Encontro da Medalha de Ouro
3 Mykola Milchev UcrâniaUKR Ucrânia 15 Encontro da Medalha de Bronze
4 Abdullah Al-Rashidi Atletas Olímpicos IndependentesIOA Atletas Olímpicos Independentes 14 +4 Encontro da Medalha de Bronze
5 Jesper Hansen DinamarcaDEN Dinamarca 14 +3
6 Stefan Nilsson SuéciaSWE Suécia 14 +3

Final (Encontros das Medalhas)[editar | editar código-fonte]

Classificação Atleta País Total Shoot-off Notas
Medalha de ouro Gabriele Rossetti ItáliaITA Itália 16
Medalha de prata Marcus Svensson SuéciaSWE Suécia 15
Medalha de bronze Abdullah Al-Rashidi Atletas Olímpicos IndependentesIOA Atletas Olímpicos Independentes 16
4 Mykola Milchev UcrâniaUKR Ucrânia 14
Legenda
Recorde mundial Recorde mundial (World record) Recorde africano Recorde africano (African) Q Classificado por posição (Qualified)
Recorde olímpico Recorde olímpico (Olympic record) Recorde da América Recorde da América (Americas) q Classificado por melhor tempo (Qualified)
Melhor marca do ano Melhor marca do ano (World leading) Recorde asiático Recorde asiático (Asian) DNS Não largou (Did not start)
Recorde nacional Recorde nacional (National record) Recorde europeu Recorde europeu (European) DNF Não terminou (Did not finish)
Recorde pessoal Recorde pessoal do atleta (Personal best) Recorde da Oceania Recorde da Oceania (Oceania) DSQ / DQ Desclassificado (Disqualified)
Recorde da temporada Recorde da temporada do atleta (Season best) Recorde sul-americano Recorde sul-americano (South America) NM Sem marca (No mark)

Referências

  1. a b c «Shooting Explanatory Guide» (PDF) (em inglês). p. 13 a 22. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 21 de agosto de 2016 
  2. «Tiro esportivo/ Skeet masculino - Medalhistas» (PDF) (em inglês). Rio 2016. 13 de agosto de 2016. Consultado em 23 de agosto de 2016. Arquivado do original (PDF) em 23 de agosto de 2016 
  3. «Gabriele Rossetti vence ouro em skeet». SAPO. 13 de agosto de 2016. Consultado em 23 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 23 de agosto de 2016 
  4. a b «Skeet Masculino / Finais - Resultados» (PDF). Rio 2016. 13 de agosto de 2016. Consultado em 15 de agosto de 2016. Arquivado do original (PDF) em 15 de agosto de 2016 
  5. «New ISSF 2013-2016 Rules: competitions will start from zero, and end in a duel» (em inglês). ISSF. 23 de novembro de 2012. Consultado em 21 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 21 de agosto de 2016 
  6. «Skeet Masculino / Classificatória - Final» (PDF). Rio 2016. 13 de agosto de 2016. Consultado em 15 de agosto de 2016. Arquivado do original (PDF) em 15 de agosto de 2016