Tocantínia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Tocantínia (português)
Krikahâ (aquém)
  Município do Brasil  
Hino
Gentílico tocantiniense
Localização
Localização de Tocantínia (português) Krikahâ (aquém) no Tocantins
Localização de Tocantínia (português)
Krikahâ (aquém) no Tocantins
Tocantínia (português) Krikahâ (aquém) está localizado em: Brasil
Tocantínia (português)
Krikahâ (aquém)
Localização de Tocantínia (português)
Krikahâ (aquém) no Brasil
Mapa de Tocantínia (português)
Krikahâ (aquém)
Coordenadas 9° 33' 50" S 48° 22' 37" O
País Brasil
Unidade federativa Tocantins
Região metropolitana Palmas
Municípios limítrofes Aparecida do Rio Negro, Miracema do Tocantins, Lajeado, Rio Sono e Pedro Afonso.
Distância até a capital 75 km
História
Fundação 7 de outubro de 1953 (68 anos)
Administração
Prefeito(a) Manoel Silvino Gomes Neto (Solidariedade, 2021 – 2024)
Características geográficas
Área total [1] 2 601,587 km²
População total (estatísticas IBGE/2021[2]) 7 688 hab.
Densidade 3 hab./km²
Clima Não disponível
Altitude 202 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010[3]) 0,589 baixo
PIB (IBGE/2019[4]) R$ 129 064,34 mil
PIB per capita (IBGE/2019[4]) R$ 17 105,94

Tocantínia (em aquém Krikahâ [kɾikahə][5]:44) é um município brasileiro do estado do Tocantins. Localiza-se a uma latitude 09º33'49" sul e a uma longitude 48º22'36" oeste, estando a uma altitude de 202 metros. Sua população estimada em 2004 era de 5 872 habitantes. A cidade de Tocantínia forma uma conurbação com o município vizinho de Miracema do Tocantins.

Em 2012, a Câmara Municipal de Tocantínia aprovou e o Prefeito Municipal sancionou uma Lei tornando a língua indígena aquém, idioma oficial do Município junto com o português.[6]

O município foi criado em 7 de outubro de 1953 e instalado em 1 de janeiro de 1954. Estima-se uma população de sete mil habitantes. A cidade possui atrativos turísticos como a Praia do Limoeiro, Aldeia Indígena Xerente, Balneário Salete e recantos da Piabanha e das Oliveiras.

Em 2012, foi aprovado pela Câmara Municipal e Prefeitura de Tocantínia, e sancionada uma Lei tornando a língua aquém, idioma oficial do Município junto com o português.

Referências

  1. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. IBGE, IBGE (1 de julho de 2021). «Estimativas da população residente no Brasil e Unidades da Federação com data de referência em 1º de julho de 2021» (PDF). ibge.gov.br. Consultado em 27 de dezembro de 2021 
  3. Atlas do Desenvolvimento Humano (29 de julho de 2013). «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Consultado em 27 de dezembro de 2021. Cópia arquivada (PDF) em 8 de julho de 2014 
  4. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2019». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 27 de dezembro de 2021 
  5. Cotrim, Rodrigo Guimarães Prudente Marquez (2016). Uma descrição da morfologia e de aspectos morfossintaxe da língua Akwê-Xerente (Jê Central) (PDF) (Tese de doutorado). Brasília: Universidade de Brasília 
  6. [1], acessado em 24 de agosto de 2012

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do Tocantins é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.