Tomasz Radzinski

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tomasz Radzinski
Tomasz Radzinski
Informações pessoais
Nome completo Tomasz Radzinski
Data de nasc. 14 de dezembro de 1973 (45 anos)
Local de nasc. Poznań, Polónia
Nacionalidade canadiano / polaco
Altura 1,88 m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição Meia-atacante
Clubes de juventude
?–1987
1987–1990
Polónia Cujavia Inowroclaw
Alemanha VfL Osnabrück
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1990–1993
1994
1994–1998
1998–2001
2001–2004
2004–2007
2007–2008
2008–2012
2012
Canadá North York Rockets
Canadá St. Catharines Wolves
Bélgica Germinal Ekeren
Bélgica Anderlecht
Inglaterra Everton
Inglaterra Fulham
Grécia Skoda Xanthi
Bélgica Lierse
Bélgica Waasland-Beveren
26 (8)
11 (4)
104 (42)
77 (52)
91 (25)
103 (11)
25 (14)
86 (39)
14 (7)
Seleção nacional
1994
1995–2009
Flag of Canada.svg Canadá Sub-23
Flag of Canada.svg Canadá
3 (0)
46 (10)

Tomasz Radzinski (Poznań, 14 de dezembro de 1973) é um ex-futebolista polonês naturalizado canadense. Jogava como meia-atacante.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Antes de se mudar para o Canadá, Radzinski jogou nas categorias de base do Cujavia Inowroclaw e do VfL Osnabrück até 1990. Ele ainda defendeu 2 clubes canadenses (North York Rockets e St. Catharines Wolves), voltando ao futebol europeu em 1994, assinando com o Germinal Ekeren, onde atuou em 104 partidas e fez 42 gols. Tal desempenho chamou a atenção do tradicional Anderlecht, pelo qual foi bicampeão nacional em 1999–2000 e 2000–01 (nesta temporada, foi também o artilheiro).

Na Inglaterra[editar | editar código-fonte]

Em 2001, o Everton pagou 4,5 milhões de libras para contar com Radzinski - a maior transferência envolvendo um jogador do Canadá. Em 3 temporadas pelo clube azul de Liverpool, participou de 91 jogos e fez 25 gols. Assinou em 2004 com o Fulham por 1,75 milhão de libras (valor baixo para os padrões do futebol inglês), e vestiu a camisa dos Cottagers em 103 partidas, com 11 gols.

Única temporada na Grécia, volta à Bélgica e aposentadoria[editar | editar código-fonte]

Depois que deixou o Fulham em 2007, Radzinski foi contratado sem custos pelo Skoda Zanthi, da primeira divisão grega. Em 25 partidas, balançou as redes adversárias 14 vezes, porém não seguiu no clube e voltaria ao futebol belga em 2008, desta vez para jogar no Lierse, inicialmente em contrato válido por apenas um ano. Ele, no entanto, permaneceria nos Aurinegros por mais 4 temporadas (86 partidas e 39 gols). Em 2012, foi contratado pelo Waasland-Beveren, fazendo 7 gols em 14 jogos, encerrando sua carreira ao final da temporada. Em 2013, voltou ao Lierse, desta vez como diretor-técnico, exercendo a função até 2015.

Seleção Canadense[editar | editar código-fonte]

Radzinski, que defendera a equipe Sub-23 do Canadá em 1994, estreou na equipe principal em 1995, contra a Turquia. Chegou a ficar 3 anos longe das convocações, voltando em 2001, e até 2009 era presença frequente na seleção, pela qual fez sua despedida em 2009.