Tony Wright

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Tony Wright de Penzance em Cornwall tentou bater o recorde mundial de privação de sono em maio de 2007.[1] permanecendo 264 horas acordado. Entretanto, o recorde registrado no Guinness é na verdade de 11½ dias, ou 276 horas, realizado por Toimi Soini em Hamina, Finland, de fevereiro de 1964.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências