Trem de brinquedo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido (desde julho de 2015). Ajude e colabore com a tradução.
Uma representação em madeira da locomotiva EMD GP40-2, fabricada pela Whittle Shortline, e caracterizada com o logotipo da Chessie System.

Trem de brinquedo é a denominação genérica de qualquer brinquedo que represente um trem ou um elemento de um trem (locomotiva, carro ou vagão); podendo ou não fazer uso de trilhos; e ser ou não equipado com um meio de propulsão interno.

Características[editar | editar código-fonte]

Os trens de brinquedo diferem daqueles usados no ferromodelismo, pela ênfase no baixo custo.[1] durabilidade e resistência, ao invés na precisão e fidelidade ao protótipo original. Um trem de brinquedo, pode ser tão simples quanto um cubo com rodas para ser empurrado pelo chão, sem trilhos ou qualquer outro acessório. Pode usar corda ou pilhas para se mover sem auxílio externo.

Quando o uso de eletricidade nas residências se tornou mais comum no início do século XX, os trens de brinquedo elétricos ganharam popularidade. O primeiro trem elétrico, surgiu em 1897, nos Estados Unidos, produzido pela firma: Carlisle & Finch.[2]

Padrões[editar | editar código-fonte]

Um trem de brinquedo alemão movido à corda ~1900.

O primeiro padrão para trens de brinquedo rodando sobre trilhos foi introduzido em Leipzig, Alemanha em 1891 pela Märklin.

Nome Largura
medida entre os
centros de cada trilho
Relação Comentários
Bitola Nº 5 120 mm 1:8 Também conhecida como "V" (em algarismos romanos)
Bitola Nº 4 75 mm 1:11 ou 1:20 Também conhecida como "IV" ou "bitola 3". A largura de 74,61 mm também era admitida.
Bitola Nº 3 67 mm 1:16 ou 1:22 ou 1:23 Também conhecida como "bitola III", "II" ou "IIa".
Bitola Nº 2 54 mm 1:22.5 ou 1:27 ou 1:28 Também conhecida como bitola II.
Bitola Nº 1 ou
bitola 1
45 mm 1:32 ou 1:30 Também conhecida como bitola I. Usada na escala G moderna.
Bitola Nº 0 35 mm 1:48 ou 1:43 ou 1:45 ou 1:64 Introduzida mais tarde, por volta de 1900. Ela é bem próxima à bitola O moderna, com 32 mm.

Nos Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

Märklin sleeping-car, gauge 32 mm ~ 1950
Nome Relação
Bitola G 1:20
Bitola O 1:43
Bitola S 1:56
Bitola HO 1:63
Bitola N 1:70
Bitola Z 1:77

A Märklin media a bitola como a distância entre os centros dos trilhos, e não entre as faces externas de cada um deles. Supõe-se que o padrão definido pela Lionel tenha sido resultado e uma má interpretação ou tradução do padrão apresentado pela Märklin, o que levou às diferenças entre o padrão europeu e o Norte americano. De qualquer forma, o padrão moderno para trens de brinquedo, incluem as seguintes bitolas: S, HO, N e Z.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. tin.and.ink (3 de julho de 2015). «Introduction Guide to MarX Trains & Toys -The Toy King Louis Marx». reviews.ebay.com. Consultado em 4 de julho de 2015 
  2. aaaaaaa (1950). «50th Christmas For Electric Trains». Nova York: Popular Science Publishing Co. Inc. POPULAR SCIENCE. 157 (6): 82-87. Consultado em 4 de julho de 2015 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Volker Kutschera: Kleine Bahn auf großer Fahrt: Spielzeugeisenbahnen der Spur 0. Edition Ellert & Richter, Hamburg 1996, ISBN 3-89234-684-4 (em alemão)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Trem de brinquedo
Ícone de esboço Este artigo sobre brinquedo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.