Trigonidium acuminatum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.


Como ler uma infocaixa de taxonomiaTrigonidium acuminatum
Trigonidium acuminatum - pl.jpg
Classificação científica
Superdomínio: Biota
Reino: Plantae
Sub-reino: Viridiplantae
Infrarreino: Streptophyta
Superdivisão: Equisetopsida
Divisão: Tracheophyta
Subdivisão: Euphyllophyta
Ordem: Asparagales
Família: Orchidaceae
Subfamília: Epidendroideae
Tribo: Cymbidieae
Género: Trigonidium
Espécie: Trigonidium acuminatum

Trigonidium acuminatum é uma orquídea encontrada da Colômbia à Bolívia e do Suriname à Venezuela .

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

O epíteto específico acuminado é derivado da forma acuminada das sépalas em comparação com outras espécies.[1]

Descrição[editar | editar código-fonte]

Trigonidium acuminatum tem 15-18 centímetros de altura com pseudobulbos canelados e uma folha estreita que se curva na ponta. O caule de floração é ligeiramente mais alto que as folhas, com uma flor listrada amarelo-marrom de 1.7 centímetros largura. As longas sépalas formam uma flor tubular que se abre no final. As manchas avermelhadas das pequenas pétalas estão localizadas dentro do tubo. Essas manchas atraem abelhas machos para realizar pseudocópula com a flor da orquídea. As pétalas são ovóides e afuniladas na ponta, e são semelhantes em tonalidade às sépalas. O lábio e a coluna estão escondidos dentro do tubo.[2]

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

A espécie foi descrita em 1838 por James Bateman.[3]

Conservação[editar | editar código-fonte]

A espécie faz parte da Lista Vermelha das espécies ameaçadas do estado do Espírito Santo, no sudeste do Brasil. A lista foi publicada em 13 de junho de 2005 por intermédio do decreto estadual nº 1.499-R.[4]

Referências

  1. G. B. Knowles and Frederic Westcott (1838). The Floral Cabinet. 2. [S.l.]: Bradbury and Evans 
  2. Rebecca Tyson Northen (1996). Miniature Orchids and How to Grow Them illustrated, reprint ed. [S.l.]: Courier Corporation. ISBN 9780486289205 
  3. «Trigonidium acuminatum». www.gbif.org (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2022 
  4. «IEMA - Espécies Ameaçadas». iema.es.gov.br. Consultado em 12 de abril de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.