Tua (álbum)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tua
Álbum de estúdio de Maria Bethânia
Lançamento 2009
Gênero(s) MPB, Pop
Duração 37:54
Idioma(s) Português
Formato(s) CD (digipack)[1]
Gravadora(s) Biscoito Fino (BF 914)
Produção Ana Basbaum
Arranjos Jaime Alem, Toninho Ferragutti
Cronologia de Maria Bethânia
Omara Portuondo e Maria Bethânia (2008)
Amor, Festa e Devoção (2010)
Cronologia de Maria Bethânia
Omara Portuondo e Maria Bethânia (2008)
Oásis de Bethânia (2012)

Tua é um álbum de estúdio da cantora brasileira Maria Bethânia, lançado em 2009 juntamente com o álbum também de estúdio Encanteria.[2]

O álbum nasceu através da vontade da cantora de renovar seu repertório e também de abordar a temática do amor, sem ser de uma forma idealizada como no Romantismo.[3] Bethânia queria cantar as coisas agradáveis e desagradáveis que surgem com o amor, um assunto tão complexo.[3] Foi, então, pedindo aos compositores para que mandassem a ela canções, inclusive pessoalmente àqueles com quem tinha mais intimidade.[3] Bethânia também desejava saber como estava a produção dos compositores na atualidade.[3]

Muitas canções que chegaram até a cantora não tinham como tema exatamente o amor, mas também agradaram a agradaram. Essas canções tem climas mais festivos e letras com temas desde fé até diversão, e acabaram fazendo parte de Encanteria, outro álbum conceitual. A partir do repertório dos dois álbuns, surgiu o show Amor, Festa e Devoção, que em 2010 foi lançado em DVD em CD duplo.[3]

A organização das faixas de Tua sugere uma continuação de acontecimentos. Em "É o Amor Outra Vez", o amor é personificado como alguém que chega de viagem e que modifica positivamente a vida da personagem.[4] Segundo a cantora, quando se está amando, chateações e doenças não costumam aparecer.[3] Ao longo das próximas faixas, a timidez do casal vai indo embora enquanto eles se conhecem. A entrega a paixão vai gradativamente acontecendo até o ápice da felicidade em "Fonte".[5] Até que em "Dama, Valete e Rei" a desconciliação ocorre juntamente com a decepção.[6] Em "Você Perdeu" a personagem demonstra orgulho e não admite o sofrimento.[7] Em "Guriatã", a personagem já percebe a tristeza, mas ainda tem alguma força para lutar contra ela.[8] Em "Saudade" os sentimentos são finalmente assumidos[9] e na faixa seguinte a melancolia se intensifica bastante.[10] Na última faixa, acontece a recuperação e a retomada da positividade.[11] A personagem finalmente se liberta. O som de piano no final da faixa lembra "É o Amor Outra Vez", sugerindo um recomeço.

A cantora tem, há um tempo, o costume de incluir citações de poemas e canções, normalmente falados antes da canção principal. Em Tua, as três citações são cantadas em acapella. O cantor Lenine participa na faixa "Saudade".[2] A terceira faixa do álbum conta com um vocabulário de bordados aplicados à vida e ao amor.[12][13] "Remanso" faz referência ao pintor Picasso e à Foz de Iguaçu.[14] Em "Dama, Valete e Rei", as metáforas são extraídas do vocabulário de jogos de cartas.[6] "Guriatã" faz referência à ave de mesmo nome e também a Juca Mulato,[8] famosa personagem da literatura brasileira.

Faixas[editar | editar código-fonte]

N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "É o Amor Outra Vez"  Dori Caymmi / Paulo César Pinheiro 4:42
2. "Tua"  Adriana Calcanhotto 2:51
3. "A Mão do Amor" / "O Que Eu Não Conheço"  Roque Ferreira - Jorge Vercillo / J. Velloso 3:30
4. "Até o Fim"  Cézar Mendes / Arnaldo Antunes 2:38
5. "Remanso"  Moacyr Luz / Aldir Blanc 3:50
6. "Fonte"  Saul Barbosa / Jorge Portugal 3:36
7. "Dama, Valete e Rei" - "Você Perdeu"  Bill Farr - Márcio Valverde / Nélio Rosa 4:08
8. "Guriatã"  Roque Ferreira 2:40
9. "Saudade" (com Lenine)Chico César / Moska 3:20
10. "Lamentação" / "O Nunca Mais"  Mauro Duarte - Roberto Mendes / Capinam 2:48
11. "Domingo"  Roque Ferreira 3:51

Créditos[editar | editar código-fonte]

[2] Grupo principal

Participações Especiais

Direção

  • Produção: Ana Basbaum
  • Arranjo: Jaime Alem, Toninho Ferragutti (o último só na faixa 4)

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «CD Maria Bethania - Tua». Americanas. Consultado em 13 de maio de 2012 
  2. a b c «Créditos do álbum Tua». Discos do Brasil. Consultado em 22 de Agosto de 2012 
  3. a b c d e f «- Vídeo-entrevista com Maria Bethânia». Youtube 
  4. «Letra de É o Amor Outra Vez». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  5. «Letra de Fonte». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  6. a b «Letra de Dama, Valete e Rei». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  7. «Letra de Você Perdeu». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  8. a b «Letra de Guriatã». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  9. «Letra de Saudade». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  10. «Letra de O Nunca Mais». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  11. «Letra de Domingo». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  12. «Letra de A Mão do Amor». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  13. «Letra de O Que Eu Não Conheço». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  14. «Letra de Remanso». Multishow. Consultado em 22 de agosto de 2012 
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Maria Bethânia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.