Tuga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Tuga(s) em tempo foi utilizado como termo depreciativo para designar o(s) portugues(es). Tuga é uma abreviatura de Portuga que, por sua vez, é uma derivação regressiva de português, com fontes registadas desde 1899.[1] Atualmente é utilizado pelos portugueses como abreviatura de português e com sentimento de orgulho. Foi também o nome da mascote do mundial de 2002 da FPF.

Tuga na Guerra colonial[editar | editar código-fonte]

O termo tuga popularizou-se durante os anos 1960, no decurso da dita "Guerra Colonial", como expressão para designar os portugueses por parte dos guerilheiros e oposição independentista africana em geral. Tinha como contraponto o termo turra (para terrorista, influenciada por gíria turra ["andar às turras"], usado pelos portugueses para designar os guerrilheiros independentistas). Ambas as expressões foram, nessa época, entendidas como depreciativas, por serem usadas pelo inimigo.

Um exemplo adicional numa obra mais recente que releva a conotação depreciativa do termo, in [1]: " (…) Ma-Tuga no mato. Imagens sobre os portugueses em discursos rurais moçambicanos * (…) * «Tuga» é um termo algo depreciativo utilizado, em especial nos contextos urbanos, para definir portugueses.(…)"

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. "António Geraldo da Cunha, Dicionário Etimológico da Língua Portuguesa, 2.ª edição, Rio de Janeiro, Nova Fronteira, 1986, ISBN 85-209-0846-2, p. 625

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.