Universidade Federal de Alagoas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de UFAL)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2016). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Universidade Federal de Alagoas
UFAL
Lema Scientia ad Sapientiam
Fundação 24 de maio de 1931 (85 anos) (FDA)[1]

25 de janeiro de 1961 (55 anos) (Universidade)[2]

Tipo de instituição Coat of arms of Brazil.svg Pública Federal
Localização Maceió, Alagoas
Docentes 1.644 (2015)
Reitor(a) Profa. Dra. Maria Valéria Costa Correia
Vice-reitor(a) Prof. Dr. José Vieira da Cruz
Total de Estudantes 33.454 (2015)
Graduação 31.718 (2015)
Pós-Graduação 1.736 (2015)
Campus Maceió: Campus Aristóteles Calazans Simões
Arapiraca: Campus de Arapiraca
Delmiro Gouveia: Campus do Sertão
Afiliações CRUB, RENEX
Orçamento anual 668 304 249,00 (2015)[3]
Página oficial www.ufal.br

A Universidade Federal de Alagoas (UFAL) é uma instituição federal de ensino superior, instalada em Maceió, no Campus A.C. Simões e em mais dois campi no interior do Estado: Campus Arapiraca e suas unidades em Viçosa, Penedo e Palmeira dos Índios e Campus Sertão, com sede em Delmiro Gouveia e sua unidade em Santana do Ipanema.

São cerca de 30 mil alunos matriculados nos 114 cursos de graduação, distribuídos em 22 Unidades Acadêmicas, na capital, e nos campi de Arapiraca e do Sertão. Na modalidade de pós-graduação, são 13 cursos de especialização, 35 de mestrados e 12 de doutorados, que contam com 3.312 alunos.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Bloco de Geografia (Campus A.C. Simões)

A Universidade Federal de Alagoas – maior instituição pública de ensino superior do Estado - foi criada em 25 de janeiro de 1961, por ato do então presidente Juscelino Kubitscheck, reunindo as Faculdades de Direito (1933); Medicina (1951), Filosofia (1952), Economia (1954), Engenharia (1955) e Odontologia (1957).

O novo Estatuto da UFAL, aprovado pela Portaria do MEC nº 4.067, de 29 de dezembro de 2003, estabeleceu critérios para que um Centro ou Departamento pudesse se tornar uma Unidade Acadêmica. Em janeiro de 2006, foi homologado o Regimento Geral, por meio da Resolução Nº 01/2006 – Consuni/Cepe, que deu oriegem a uma nova estrutura organizacional.

Dentro do Plano de Expansão das instituições públicas de ensino superior, denominado Expansão com Interiorização, do Governo Federal, a UFAL criou, em 2006, o Campus Arapiraca, no agreste  alagoano, que se estende de sua sede, em Arapiraca, para as unidades em Palmeira dos Índios, Penedo e Viçosa. Em 2010, foi inaugurado o Campus do Sertão, com sede em Delmiro Gouveia e a unidade de Santana do Ipanema.

Missão[editar | editar código-fonte]

A UFAL tem por missão produzir, multiplicar e recriar o saber coletivo em todas as áreas do conhecimento de forma comprometida com a ética, a justiça social, o desenvolvimento humano e o bem comum.

Seu objetivo é tornar-se referência nacional nas atividades de ensino, pesquisa e extensão, firmando-se como suporte de excelência para as demandas da sociedade.

Estrutura administrativa e Unidades acadêmicas[editar | editar código-fonte]

Estrutura administrativa

  • Reitoria: Maria Valéria Costa Correia
  • Vice-Reitoria: José Vieira da Cruz
  • ASCOM - Assessoria de Comunicação
  • Conselhos
COC - Coordenadoria dos Órgãos Colegiados
CONSUNI - Conselho Universitário
CEPE - Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão
CURA - Conselho de Curadores
  • Pró-Reitorias
PROGINST - Pró-Reitoria de Planejamento e Gestão Institucional
PROPEP - Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa
PROEST - Pró-Reitoria Estudantil
PROGRAD - Pró-Reitoria de Graduação
PROGEP - Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas e do Trabalho
PROEX - Pró-Reitoria de Extensão
  • AG - Auditoria-Geral
  • PG - Procuradoria Geral
  • CPPTA - Comissão Permanente de Pessoal Técnico Administrativo
  • CPPD - Comissão Permanente de Pessoal Docente
  • DRH - Departamento de Recursos Humanos
  • DCF - Departamento de Contabilidade e Finanças
  • SINFRA - Superintendência de Infra-estrutura
  • DRCA - Departamento de Registro e Controle Acadêmico
  • PU - Prefeitura Universitária
  • Núcleos Temáticos
NPD - Núcleo de Processamento de Dados
NDI - Núcleo de Desenvolvimento Infantil
NEAB - Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros
NEPEAL - Núcleo de Estudos, Pesquisa, Extensão sobre Alfabetização
NEDER - Núcleo de Extensão e Desenvolvimento Regional
NIES - Núcleo de Informática no Ensino Superior
NUSP - Núcleo de Saúde Pública
NPT - Núcleo de Pesquisas Tecnológicas
  • BC - Biblioteca Central
  • BIOCEN - Biotério Central
  • Editora Universitária
  • Hospital Universitário
  • LABMAR - Laboratórios Integrados de Ciências do Mar e Naturais
  • MHN - Museu de História Natural
  • MTB - Museu de Antropologia e Folclore Théo Brandão
  • Usina Ciência


Unidades acadêmicas

  • ESENFAR - Escola de Enfermagem e Farmácia
  • FALE - Faculdade de Letras
  • ICS - Instituto de Ciências Sociais
  • IC - Instituto de Computação
  • IF - Instituto de Física
  • ICAT - Instituto de Ciências Atmosféricas
  • IM - Instituto de Matemática
  • IQB - Instituto de Química e Biotecnologia
  • CTEC - Centro de Tecnologia
  • FOUFAL - Faculdade de Odontologia
  • FAU - Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
  • FEAC - Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
  • FANUT - Faculdade de Nutrição
  • FSSO - Faculdade de Serviço Social
  • FAMED - Faculdade de Medicina
  • CECA - Centro de Ciências Agrárias
  • CEDU - Centro de Educação
  • FDA - Faculdade de Direito de Alagoas
  • ICBS - Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde
  • IGDEMA - Instituto de Geografia, Desenvolvimento e Meio Ambiente
  • ICHCA - Instituto das Ciências Humanas, Comunicação e Artes
  • IP - Instituto de Psicologia

Ensino[editar | editar código-fonte]

São cerca de 35 mil alunos matriculados nos 114 cursos de graduação, distribuídos em 22 Unidades Acadêmicas, na capital, e nos campi de Arapiraca e do Sertão. Além de 1800 docentes e 1890 técnicos.

Uma outra atividade de relevada importância para a sociedade é o curso de graduação de Pedagogia a distância, com abrangência em seis pólos que vêm atendendo diretamente 26 municípios alagoanos, capacitando professores do ensino fundamental, conforme exigência da Lei de Diretrizes e Bases (LDB). Foi a primeira instituição de ensino superior no Nordeste credenciada pelo Ministério da Educação (MEC), para oferecer um curso dessa modalidade, concretizando-se assim, como uma perspectiva renovadora e comprometida com a transformação da realidade.

Em 2006, a UFAL aderiu ao Programa Universidade Aberta do Brasil oferecendo o curso de Administração na modalidade a distância e em 2007 passaram a ser ofertados mais três cursos: Sistema de Informação, licenciatura em Física e Pedagogia.

Uma outra ação em pleno funcionamento, destinada ao segmento estudantil, é Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic/CNPq) e o Programa de Ensino e Treinamento (PET), que objetivam estimular o aluno para a pesquisa científica e para a carreira acadêmica. Para consecução dos objetivos gerais da instituição, as ações prioritárias relacionadas ao ensino de Graduação, são: aprimorar o processo de Ensino de Graduação na UFAL; expandir a oferta de vagas e dar condições de permanência dos discentes, sem o comprometimento da qualidade de graduação; aperfeiçoar o sistema de ingresso e retenção de alunos, ampliando a integração com a rede pública de ensino médio; implantar uma política de educação para os portadores de necessidades especiais; aprimorar e ampliar o processo de ensino de graduação à distância na UFAL e disseminar a prática de multimídia, teleconferência e interação didática. Para o Ensino de Pós-Graduação: buscar mecanismos de apoio aos programas de pós-graduação stricto sensu, objetivando melhoria nos conceitos atribuídos pela Capes; estimular a criação de novos cursos de pós-graduação stricto sensu e fomentar a criação e a ampliação de programas de pós-graduação lato sensu.

Graduação[editar | editar código-fonte]

Campus A.C. Simões - Maceió[editar | editar código-fonte]

Ciências Agrárias

Centro de Ciências Agrárias - CECA

Ciências Biológicas

Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde - ICBS

Ciências da Saúde

Centro de Educação - CEDU

Escola de Enfermagem e Farmácia - ESENFAR

Faculdade de Medicina - FAMED

Faculdade de Nutrição - FANUT

Faculdade de Odontologia - FOUFAL

Ciências Exatas e da Terra

Instituto de Ciências Atmosféricas - ICAT

Instituto de Computação - IC

Instituto de Física - IF

Instituto de Geografia, Desenvolvimento e Meio Ambiente - IGDEMA

Instituto de Matemática - IM

Instituto de Química e Biotecnologia - IQB

Engenharias

Instituto de Computação - IC

Centro de Tecnologia - CTEC

Ciências Humanas

Centro de Educação - CEDU

Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes - ICHCA

Instituto de Psicologia - IP

Ciências Sociais Aplicadas

Faculdade de Arquitetura e Urbanismo - FAU

Faculdade de Direito de Alagoas - FDA

Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade - FEAC

Faculdade de Serviço Social - FSS

Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes - ICHCA

Instituto de Ciências Sociais - ICS

Linguística, Letras e Artes

Faculdade de Letras - FALE

Instituto de Ciências Humanas, Comunicação e Artes - ICHCA

Campus Arapiraca[editar | editar código-fonte]

Ciências Biológicas e da Saúde

Arapiraca
Ciências Agrárias

Arapiraca
Viçosa
Ciências Exatas e da Terra

Arapiraca
Penedo
Ciências Humanas e Sociais

Arapiraca
Palmeira dos Índios
Penedo

Campus Sertão[editar | editar código-fonte]

Ciências Exatas e da Terra

Delmiro Gouveia
Ciências Humanas e Sociais

Delmiro Gouveia
Santana do Ipanema

Pós-graduação[editar | editar código-fonte]

Na modalidade de pós-graduação, são 13 cursos de especialização, 35 de mestrados e 12 de doutorados, que contam com 3.312 alunos.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Universidade Federal de Alagoas. «Histórico - Faculdade de Direito de Alagoas». Consultado em 19 de setembro de 2015. 
  2. Universidade Federal de Alagoas. «Institucional - Apresentaçao». Consultado em 19 de setembro de 2015. 
  3. Universidade Federal de Alagoas. «Relatório de gestão 2015». Consultado em 20 de abril de 2016. 
Ícone de esboço Este artigo sobre instituição de ensino superior é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.