UFC 262

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
UFC 262: Oliveira vs. Chandler
Detalhes
Promoção Ultimate Fighting Championship
Data 15 de maio de 2021
Local Toyota Center
Cidade Houston, Texas,
 Estados Unidos
Público 16.200
Cronologia
UFC on ESPN: Rodriguez vs. Waterson UFC 262: Oliveira vs. Chandler UFC Fight Night: Font vs. Garbrandt

UFC 262: Oliveira vs. Chandler foi um evento de artes marciais mistas produzido pelo Ultimate Fighting Championship que aconteceu em 15 de maio de 2021 no Toyota Center em Houston, Texas, Estados Unidos.[1][2]

Background[editar | editar código-fonte]

A luta principal foi a disputa pelo cinturão vago dos pesos Leves (UFC Lightweight) entre o tricampeão mundial dos pesos leves do Bellator Michael Chandler e o lutador brasileiro Charles Oliveira.[3]

Charles Oliveira venceu o combate por nocaute aos 19 segundos do segundo assalto e tornou-se o mais novo campeão dos pesos leves do UFC.

O ex-campeão Khabib Nurmagomedov anunciou sua aposentadoria após defender seu título no UFC 254 em outubro passado, principalmente devido a morte de seu pai por COVID-19.[4] Apesar do anúncio do ex-campeão, o título nunca ficou oficialmente vago, já que o presidente do UFC, Dana White, tentava dissuadir o então campeão Nurmagomedov da ideia de aposentadoria. Finalmente Dana White cedeu em 19 de março, ao confirmar a aposentadoria de Nurmagomedov e abriu a possibilidade de uma luta pelo cinturão.[5]

Uma luta entre Leon Edwards e o ex-desafiante do UFC Lightweight Championship Nate Diaz (também vencedor do The Ultimate Fighter 5 no peso leve) era esperada neste evento. Teria sido o primeiro evento principal de cinco rounds sem título na história do UFC. [6] No entanto, Diaz desistiu devido a uma pequena lesão no início de maio e a luta foi adiada para o UFC 263 . [7]

Uma luta peso mosca entre o ex-desafiante do UFC Flyweight Championship Alex Perez e Matt Schnell estava agendada para o evento. [8] No entanto, Perez foi forçado a desistir por motivos não revelados. Ele foi substituído por Rogério Bontorin e a luta será no peso galo. [9]

Joel Álvarez estava escalado para enfrentar Christos Giagos no peso leve. No entanto, Álvarez foi afastado da luta no início de maio devido a supostos problemas de visto que restringiam sua viagem. Giagos deve enfrentar o veterano Sean Soriano . [10]

Uma luta de médios entre Jack Hermansson e Edmen Shahbazyan era esperada neste evento. [11] No entanto, a luta foi adiada para uma semana depois, no UFC Fight Night: Font vs. Garbrandt devido a um caso COVID-19 no campo de Hermansson. [12]

Resultados[editar | editar código-fonte]

Categoria Lutador 1 Resultado Lutador 2 Método Round Tempo Notas
Card Principal
Leves

Brasil Charles Oliveira

derrotou

Estados Unidos Michael Chandler

Nocaute Técnico (Socos)

2

0:19

Nota 1

|

Leves

Irã Beneil Dariush

derrotou

Estados Unidos Tony Ferguson

Decisão Unânime (30-27, 30-27 e 30-27)

3

5:00

|

Peso Casado (137 lbs)

Brasil Rogério Bontorin

derrotou

Estados Unidos Matt Schnell

Decisão Unânime (30–27, 30–27, 29–28)

3

5:00

|

Moscas Feminino

Estados Unidos Katlyn Chookagian

derrotou

Brasil Viviane Araújo

Decisão Unânime (29–28, 29–28 e 30–27)

3

5:00

|

Penas

Brasil Edson Barboza

derrotou

Estados Unidos Shane Burgos

Nocaute (Soco)

3

1:16

|

Card Preliminar (ESPN / ESPN +)
Médios

Brasil André Muniz

derrotou

Brasil Ronaldo Souza

Finalização Técnica (Chave de Braço)

1

3:59

|

Penas

Estados Unidos Lando Vannata

derrotou

Inglaterra Mike Grundy

Decisão Dividida (29–28, 27–30 e 30–27)

3

5:00

|

Médios

Estados Unidos Jordan Wright

derrotou

Estados Unidos Jamie Pickett

Nocaute Técnico (Joelhadas e Socos)

1

1:04

|

Moscas Feminino

Estados Unidos Andrea Lee

derrotou

Quirguistão Antonina Shevchenko

Finalização (Triângulo de Mão)

2

4:52

|

Card Preliminar (ESPN + / UFC Fight Pass)
Moscas Feminino

Brasil Priscila Cachoeira

derrotou

Estados Unidos Gina Mazany

Nocaute Técnico (Socos)

2

4:51

|

Penas

Estados Unidos Tucker Lutz

derrotou

Estados Unidos Kevin Aguilar

Decisão Unânime (30–27, 29–28, 29–28)

3

5:00

|

Leves

Estados Unidos Christos Giagos

derrotou

Estados Unidos Sean Soriano

Finalização (Estrangulamento Brabo)

2

0:59

|

Nota 1 Pelo Cinturão Peso Leve Vago do UFC.

Bônus da Noite[editar | editar código-fonte]

Os lutadores receberam US$75.000 de bônus:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Staff (19 de março de 2021). «Oliveira vs. Chandler to headline UFC 262». ufc.com. Consultado em 19 de março de 2021 
  2. Mike Bohn (19 de março de 2021). «UFC returns to Texas: Houston's Toyota Center to play host to UFC 262». mmajunkie.usatoday.com. Consultado em 19 de março de 2021 
  3. Brett Okamoto (19 de março de 2021). «Dana White: Khabib Nurmagomedov officially retired; Michael Chandler-Charles Oliveira for title». espn.com. Consultado em 19 de março de 2021 
  4. Dave Doyle (24 de outubro de 2020). «Khabib Nurmagomedov dominates Justin Gaethje, retires after UFC 254 submission win». mmajunkie.usatoday.com. Consultado em 19 de março de 2021 
  5. Damon Martin (19 de março de 2021). «Dana White confirms Khabib Nurmagomedov officially retired, no longer pursuing possible return». mmafighting.com. Consultado em 19 de março de 2021 
  6. Nolan King and Mike Bohn (30 de março de 2021). «UFC 262 books Nate Diaz vs. Leon Edwards for five-round co-main event in Houston». mmajunkie.usatoday.com. Consultado em 30 de março de 2021 
  7. Damon Martin (3 de maio de 2021). «Leon Edwards vs. Nate Diaz rescheduled from UFC 262 in May to UFC 263 in June». mmafighting.com. Consultado em 3 de maio de 2021 
  8. Daniel Cunningham (22 de fevereiro de 2021). «UFC books Alex Perez – Matt Schnell». empiresportsmedia.com. Consultado em 22 de abril de 2021 
  9. Farah Hannoun (21 de abril de 2021). «With Alex Perez out, Rogerio Bontorin targeted to fight Matt Schnell at UFC 262». mmajunkie.usatoday.com. Consultado em 22 de abril de 2021 
  10. John Morgan and Nolan King (6 de maio de 2021). «Sean Soriano returns to UFC following six-year absence, faces Christos Giagos at UFC 262». mmajunkie.usatoday.com. Consultado em 6 de maio de 2021 
  11. Damon Martin (20 de março de 2021). «Jack Hermansson vs. Edmen Shahbazyan booked for UFC 262». mmafighting.com. Consultado em 10 de maio de 2021 
  12. Nolan King (10 de maio de 2021). «UFC 262 loses Jack Hermansson vs. Edmen Shahbazyan; bout pushed back one week». mmajunkie.usatoday.com. Consultado em 10 de maio de 2021