Ucanha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Portugal Ucanha  
—  Freguesia portuguesa extinta  —
UcanhaTower.jpg
Concelho primitivo Tarouca
Extinção 28 de janeiro de 2013
Área
 - Total 5,28 km²
Orago São João Evangelista

Ucanha é uma antiga freguesia portuguesa do concelho de Tarouca, com 5,28 km² de área e 403 habitantes (2011). A sua densidade populacional era 76,3 hab/km². É uma aldeia vinhateira do Douro.

Foi vila e sede de concelho até 1836, quando foi suprimido e anexado ao concelho de Mondim da Beira. O município era constituído pelas freguesias de Granja Nova, Salzedas, Ucanha e Vila Chã de Cangueiros e ocupava a zona nordeste do actual concelho de Tarouca. Tinha, em 1801, 2 217 habitantes. A freguesia foi integrada no actual município em 1898. Em 2013, no âmbito da reforma administrativa foi anexada à freguesia de Gouviães, criando-se a União de Freguesias de Gouviães e Ucanha.

Em Ucanha nasceu o célebre filólogo e etnólogo José Leite de Vasconcelos (1858-1941).[1]

População[editar | editar código-fonte]

A tendência de evolução populacional é negativa. As causas são comuns: as pessoas deslocam-se para o litoral ou para o estrangeiro, na procura de melhores condições de vida, especialmente os casais jovens, que têm ou planeiam ter filhos, sobretudo quando ambos trabalham e não têm onde colocar as crianças, já que nesta aldeia não há infantários.[2]

Evolução da População  1864 / 2011
População da freguesia de Ucanha [3]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
571 500 586 664 626 619 648 663 672 856 551 576 635 423 403

Nos anos de 1864 a 1890 pertencia ao concelho de Mondim da Beira, extinto por decreto de 26/06/1986

Evolução da População  1864 / 2011
Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 73 71 197 82 17,3% 16,8% 46,6% 19,4%
2011 61 48 202 92 15,1% 11,9% 50,1% 22,8%

Média do País no censo de 2001: 0/14 Anos-16,0%; 15/24 Anos-14,3%; 25/64 Anos-53,4%; 65 e mais Anos-16,4%

Média do País no censo de 2011: 0/14 Anos-14,9%; 15/24 Anos-10,9%; 25/64 Anos-55,2%; 65 e mais Anos-19,0%

Economia[editar | editar código-fonte]

O sector económico primordial é o primário. A agricultura, especialmente a vitivinicultura, é a principal forma de subsistência das populações. No caso específico de Ucanha, a baga de sabugueiro possui um peso enorme na economia familiar.[4]

Património[editar | editar código-fonte]

Cultura[editar | editar código-fonte]

Existe um grupo de Cantadores de Janeiras.[5]

Referências

  1. «Artigo de apoio Infopédia - José Leite de Vasconcelos». www.infopedia.pt. Consultado em 30 de novembro de 2016 
  2. Graça, Maria do Rosário Melides Coelho (2010). Aldeias vinhateiras: aldeias com vida? Estudo de caso das aldeias de Salzedas e Ucanha, Dissertação de Mestrado em Turismo, UTAD.
  3. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  4. Graça, Maria do Rosário Melides Coelho (2010). Aldeias vinhateiras: aldeias com vida? Estudo de caso das aldeias de Salzedas e Ucanha, Dissertação de Mestrado em Turismo, UTAD.
  5. Graça, Maria do Rosário Melides Coelho (2010). Aldeias vinhateiras: aldeias com vida? Estudo de caso das aldeias de Salzedas e Ucanha, Dissertação de Mestrado em Turismo, UTAD.
Ícone de esboço Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.