Udo Döhler

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde março de 2017). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Udo Döhler
Prefeito de JoinvilleBandeira joinville.png
Período 2013 a atualidade
Antecessor(a) Carlito Merss
Dados pessoais
Nascimento 28 de outubro de 1942 (74 anos)
Joinville, Santa Catarina
Nacionalidade  Brasileiro
Partido PL (1989-2006)
PR (2006-2011)
PMDB (2011-presente)
Religião Protestante Luterano (IECLB)
Profissão Empresário

Udo Döhler (Joinville, 28 de outubro de 1942) é um empresário e político brasileiro. É presidente da indústria têxtil Döhler S/A e foi presidente da Associação Empresarial de Joinville (ACIJ)[1], além de diretor do Conselho Deliberativo do Hospital Dona Helena. É Cônsul Honorário da Alemanha e prefeito da cidade de Joinville, sendo que abdicou do salário que doa para instituições de caridade.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Presidente e diretor do Conselho de Administração da Döhler|Döhler S.A, empresa importante nos setores de cama, mesa, banho e decoração, com iniciativas sociais e ecológicas. Além de conduzir desde 1971 a trajetória da companhia, o empresário dedica parte de seu tempo, há mais de duas décadas, para administrar o Hospital Dona Helena, de Joinville. Chegou ao hospital por intermédio da Associação Beneficente Evangélica, entidade mantenedora da instituição. Durante este período ajudou a implementar as mudanças que levaram, em 1998, na conquista da certificação pela ISO 9002. O Dona Helena foi o primeiro hospital brasileiro a conquistar o diploma da qualidade na totalidade dos serviços que oferece.

É também Cônsul Honorário da Alemanha na cidade e presidiu cinco vezes a Associação Comercial e Industrial de Joinville (Acij). Esteve durante vários anos à frente do Corpo de Bombeiros Voluntários, do qual ainda hoje faz parte do Conselho Deliberativo. Foi também integrante do Conselho de Política Industrial da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC), conselheiro master da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e diretor da Associação Brasileira da Indústria Têxtil. Presidiu o Instituto Joinville 150 Anos, na coordenação das comemorações do sesquicentenário da cidade, em 2001, e foi também conselheiro do Desenville, Conselho de Desenvolvimento de Joinville.

Foi eleito prefeito de Joinville em 2012 pelo PMDB, com 54,65% dos votos válidos, [3][4] e reeleito em 2016.

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Por sua gestão à frente da Döhler S.A e por sua atuação comunitária, o empresário recebeu diversos prêmios, entre eles, os de Líder Empresarial Regional - Gazeta Mercantil (1988), Líder Empresarial Setor Têxtil - Gazeta Mercantil (1989), Líder Setorial Têxtil - Gazeta Mercantil (1993), Empresário Destaque – Acij (1996), Medalha do Mérito Dona Francisca (2001) e Medalha do Mérito Empresarial – CNI (2003)[5], Personalidade Ambiental 1999 [6]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre políticos ou política de Santa Catarina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.