Ultras Resistência Coral

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Ultras Resistência Coral é uma torcida organizada do Ferroviário Atlético Clube. Fundada em meados de 2005 por torcedores anarquistas e comunistas, a Resistência Coral chama bastante atenção nos estádios pela sua politização, que fica evidente em lemas escritos nas suas faixas como “Nem guerra entre torcidas, nem paz entre classes”.

A Resistência Coral se define como uma torcida Ultras, semelhante às europeias. No caso, uma torcida Ultras de esquerda, anticapitalista, que combate o fascismo, o machismo, a homofobia e o racismo nos estádios de futebol e na sociedade em geral. Alguns de seus membros são RASH.

A estreia da Resistência Coral nas arquibancadas aconteceu no dia 31 de julho de 2005, no primeiro jogo coral do Campeonato Brasileiro - Série C daquele ano, quando o Ferroviário venceu o Serrano Futebol Clube (PE) pelo placar de 5x2.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]