Umbral (espiritismo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Umbral.

Umbral é usado na Doutrina Espírita para designar, na obra espírita Nosso Lar, escrita por Chico Xavier e atribuída ao espírito de André Luís, o “estado ou lugar transitório por onde passam as pessoas que não souberam aproveitar a vida na Terra”.[1][2]

Interpretações[editar | editar código-fonte]

Após aparecer em Nosso Lar, com esse significado, passou a ser usado de forma recorrente em obras mediúnicas, de maneira que foi incorporado ao jargão espírita no Brasil.

O sentido espírita guarda os dois sentidos anteriores: primeiro por se tratar de uma dimensão que está "entre" a dimensão material (ou física) e a dimensão espiritual (ou sutil) e seria, para a maioria dos espíritos que desencarnam, a "porta de entrada" no plano espiritual.

Características[editar | editar código-fonte]

No imaginário popular, decorrente da leitura do referido livro, reforçado pelas obras audiovisuais que abordaram a temática espírita, como a telenovela da Rede Globo, A Viagem, e a adaptação para o cinema desse livro Nosso Lar, esse lugar seria mal iluminado, cheio de "trevas" (que é a primeira imagem que vem à mente quando se fala de umbral no sentido da psicofísica).

Referências

  1. «Nosso Lar, Espírito André Luiz, médium Chico Xavier» (PDF). Consultado em 18 de dezembro de 2016 
  2. «Nosso Lar» (PDF) (em inglês). Consultado em 18 de dezembro de 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre o espiritismo ou sobre um espírita é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.