Uncharted 4: A Thief's End

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Uncharted 4: A Thief's End
Produtora(s) Naughty Dog
Editora(s) Sony Interactive Entertainment
Diretor(es) Bruce Straley[1]
Neil Druckmann[2]
Designer(s) Anthony Newman[2]
Ricky Cambier[2]
Kurt Margenau
Escritor(es) Neil Druckmann
Tom Bissell
Josh Scherr
Programador(es) Christian Gyrling[2][3]
Sandeep Shekar[2]
Artista(s) Robh Ruppel
Tate Mosesian
Compositor(es) Henry Jackman
Plataforma(s) PlayStation 4
Série Uncharted
Data(s) de lançamento 10 de maio de 2016[4]
Género(s) Ação-aventura
Modos de jogo Um jogador
Multijogador[5][6]
Uncharted:
Golden Abyss
Uncharted:
The Lost Legacy

Uncharted 4: A Thief's End é um jogo eletrônico de acção-aventura produzido pela Naughty Dog. Foi lançado no dia 10 de maio de 2016 pela Sony Interactive Entertainment sendo um exclusivo para PlayStation 4.[4] Uncharted 4 foi inicialmente revelado no evento da PS4 na Spike TV em novembro de 2013, sendo confirmado o título oficial na conferência de imprensa da Sony durante a E3 2014. Uncharted 4: A Thief's End é o quarto e último capítulo da série Uncharted com o personagem Nathan Drake,[7][8] assim como o último da série original produzida pela Naughty Dog.[9][10]

Escrita por Neil Druckmann, Tom Bissell e Josh Scherr, a história acontece três anos depois dos eventos de Uncharted 3: Drake's Deception, em que a rotina de Nathan Drake é interrompida quando Sam, o seu irmão mais velho, entra na sua vida a pedir-lhe ajuda para encontrar um artefacto relacionado com o tesouro do pirata Henry Avery. O jogo mantém muitas das mecânicas encontradas nos títulos anteriores da série, apesar de existirem várias mudanças na jogabilidade, principalmente a forma como o jogador se move e interage com o ambiente. Os níveis continuam a ser lineares, embora com mais espaço para explorar, espaço esse que o jogador pode usar para conseguir pontos de maior vantagem para o combate, ou evitar completamente grupos de inimigos.

Uncharted 4: A Thief's End recebeu aclamação universal da crítica profissional. As análises elogiaram as melhorias nas mecânicas, a narrativa, a profundidade emocional, os personagens e os gráficos. Os críticos foram unânimes ao considerarem que o jogo conclui a série de forma satisfatória. Um sucesso comercial, vendeu mais de 2.7 milhões de cópias na primeira semana de vendas, tornando-se o capítulo da série que mais rapidamente vendeu. Recebeu muitos premios, incluindo "Jogo do Ano" de varias publicacoes da especialidade.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Drake procura cobertura por trás de uma parede. Uncharted 4, mantém muitas das mecânicas encontradas nos títulos anteriores da série.

Uncharted 4: A Thief's End é um videojogo de tiro na terceira pessoa com mecanismos de cobertura, em que o jogador controla Nathan Drake, o protagonista da série. Apesar de existirem várias mudanças na jogabilidade comparativamente aos anteriores jogos, a principal está relacionada com a forma como Drake se move e interage com o ambiente, sendo que os aspectos e técnicas de infiltração foram melhorados em relação aos antecessores.[11]

Existem novas ferramentas, como a corda com a espiga na ponta, que permite ultrapassar grandes distâncias ou subir a zonas anteriormente impossíveis. Os níveis continuam a ser lineares, embora com mais espaço para explorar (cerca de dez vezes superior),[12] em que o jogador pode conseguir pontos de maior vantagem para o combate, ou evitar completamente grupos de inimigos.[11] Como tal os jogadores podem explorar os níveis de múltiplas formas, ao invés de serem forçados um seguir um único caminho.[12] Sam, o irmão de Drake, é um companheiro controlado pela IA, similar a Ellie em The Last of Us.[13]

Adicionalmente o jogo inclui microtransações opcionais no modo multijogador,[14] e diálogos controlados pelo jogador, uma estreia na série, embora sem influencia na progressão da historia.[15]

A transição entre as cutscenes e as sequencias de foram descritas como "fluidas".[16] Outros filtros visuais e modos de jogo podem ser desbloqueados com pontos que o jogador vai recebendo ao longo do jogo.[17]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Três anos depois dos eventos ocorridos em Uncharted 3: Drake's Deception, Nathan "Nate" Drake (Nolan North) desistiu de ser um caçador de tesouros e tem uma vida normal com Elena Fisher (Emily Rose). A sua rotina é interrompida quando Samuel "Sam" Drake (Troy Baker), o seu irmão mais velho que supostamente estaria morto, entra na sua vida. Sam diz-lhe que precisa da ajuda de Drake para encontrar um artefacto muito antigo relacionado com o tesouro do pirata Henry Avery; já que sua vida depende disso.[18] Drake já o tinha tentado o encontrar no passado, mas nunca chegou a qualquer conclusão, e assim é forçado a entrar de novo no mundo dos ladrões, com promessa de aventuras e a oportunidade de ajudar um familiar.[19] Assim os dois irmãos com a ajuda de Victor "Sully" Sullivan (Richard McGonagle), partem numa viagem em redor do mundo na busca do mítico tesouro, ao mesmo tempo que tentam desvendar a conspiração por detrás de Libertatia, a utopia pirata, dentro das florestas de Madagáscar.[11] Dois rivais, Rafe Adler (Warren Kole) e Nadine Ross (Laura Bailey),[20] querem encontrar o tesouro primeiro, e irão fazer a vida difícil aos dois heróis.[11]

A Naughty Dog refere que Drake terá "a sua maior aventura, que irá testar os seus limites físicos, a sua determinação, e, finalmente, o que ele está disposto a sacrificar para salvar aqueles que ama".[21][22][23][24][25]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

"[Neil Druckmann e Bruce Straley], os nossos directores, têm uma visão [para Uncharted 4]. Estamos a cumprir essa visão e vai ser fantástico. É o último capitulo de Nathan Drake, e por isso acho que os fãs vão ficar contentes."

-Kurt Margenau da Naughty Dog, em entrevista à GameSpot.[8]

A 14 de Novembro de 2013, a Naughty Dog revelou um pequeno vídeo para o próximo jogo Uncharted, afirmando que seria exclusivo para PlayStation 4. No vídeo ouvia-se a voz de Todd Stashwick, que inicialmente teria o papel de Sam, o irmão mais velho de Nathan Drake, o protagonista do jogo.[26][27] O vídeo mostra um mapa antigo do continente africano enquanto se ouve a voz. O mapa pára em Madagáscar e marca a Île Sainte-Marie, que fez parte das rotas de Sir Francis Drake, suposto antepassado de Nathan Drake. Mostra-se de seguida uma frase em latim: Hodie mecum eris in paradiso (que se traduz em "hoje estarás comigo no paraíso"), uma citação de Lucas 23:43.[28]

Em março de 2014, foi anunciado que Amy Hennig, a escritora da série, e Justin Richmond, director de Uncharted 3: Drake's Deception e Uncharted 4: A Thief's End, tinham ambos deixado o estúdio, para se juntarem à Visceral Games e Riot Games, respectivamente.[29][30][31] Em Abril de 2014 foi dito que Todd Stashwick, que deu a sua voz no vídeo inicial de revelação e que iria interpretar uma personagem no jogo, já não estava envolvido na produção.[32]

Em junho de 2014, o co-presidente da Naughty Dog, Evan Wells, revelou que os directores de The Last of Us, Neil Druckmann e Bruce Straley, seriam os líderes do projecto na ausência de Hennig.[33] Segundo Druckmann "em The Last of Us aprendemos muito sobre como contar histórias através da interactividade e estamos a aplicar isso em Uncharted 4. É sobre encontrar esse equilíbrio certo para Uncharted, definitivamente não vai ser como The Last of Us."[34] Em Junho de 2014, foi mostrado um outro vídeo na conferencia de imprensa da Sony na E3 2014, revelando o título oficial, Uncharted 4: A Thief's End, juntamente com a informação de que seria lançado em 2015.[35]

"Para nós foi uma honra criar esta personagem. Nathan Drake tornou-se importante para nós e portanto quisemos ter a honra de concluir a história e de responder a algumas das questões nas quais os fãs estão interessados. Depois disto, tudo depende do que a Sony quiser fazer a seguir."

-Ricky Cambier da Naughty Dog, em entrevista ao Eurogamer.pt.[36]

No dia 6 de Dezembro, durante a conferência do evento PlayStation Experience, em Las Vegas, foi mostrado o primeiro vídeo do jogo em acção.[37] Mais tarde no mesmo dia, Troy Baker confirmou via Twitter que seria ele a dar a voz a Sam, o irmão mais velho de Drake, que também apareceu no mesmo vídeo.[38]

Também em Junho de 2015, durante a conferencia de imprensa da Sony na E3, foi mostrado ao vivo um novo vídeo do jogo com o título "Sam Pursuit".[39] Nele, Drake e o seu mentor e amigo Victor "Sully" Sullivan perseguem Sam, travando um enorme tiroteio e uma perseguição automóvel através de uma cidade de Madagáscar. O vídeo revelou um ambiente muito maior, uma enorme quantidade de destruição, e novos movimentos de combate.[39][40][41] Foram depois mostrados mais alguns minutos da mesma demonstração à porta fechada pelo director criativo Neil Druckmann, revelando o regresso da esposa de Nate, Elena Fisher.[39][42] A 8 de Julho de 2015, o actor Robin Atkin Downes confirmou que está envolvido no jogo.[43][44] Durante o evento The Game Awards 2015 foi revelada a personagem Nadine Ross (voz e movimentos por Laura Bailey).[45]

Numa entrevista dada ao Eurogamer, Arne Meyer da Naughty Dog, disse que um dos objectivos da companhia é que todos os seus jogos editados para PlayStation 4 tenham uma resolução nativa de 1080p e fluidez de 60fps, incluindo Uncharted 4: A Thief's End.[46] Mais tarde, em entrevista à revista Edge, Straley disse que os produtores não irão puxar Uncharted 4 até 60fps se isso comprometer a experiência do jogador.[47][48] No entanto, já foi anunciado que o jogo está a ser criado com 1080p/30fps para o modo história, e 900p/60fps para os modos multijogador.[49][50] A Naughty Dog já tinha expressado grande dificuldade em ter o jogo completo em 60fps.[51]

A 18 de março de 2016, foi anunciado que a produção de Uncharted 4 tinha terminado e que o jogo estava pronto para fabricação.[52]

Testes beta[editar | editar código-fonte]

Foi anunciado pela Sony durante o Tokyo Game Show 2015 que a versão beta para o multijogador de Uncharted 4: A Thief's End começaria a 4 de Dezembro de 2015. A beta teve a duração de dez dias e o seu acesso estava incluído nas pré-reservas feitas à colecção Uncharted: The Nathan Drake Collection.[53] Uma nova beta, agora aberta a todos os jogadores, decorreu entre 4 e 7 de março de 2016.[54]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Com lançamento inicial previsto para 2015, a 11 de Março desse ano, a Naughty Dog confirmou que Uncharted 4 tinha sido adiado para a "primavera de 2016". Numa declaração conjunta, os directores do jogo justificaram o adiamento com a necessidade de mais tempo de produção e porque o projecto "é muito mais ambicioso do que aquilo que originalmente imaginámos".[55] Depois de ganhar uma nova data de lançamento para 18 de março de 2015, o jogo foi novamente adiado por necessidade "de mais algum polimento", desta vez para 26 de Abril de 2016 na América do Norte, a 27 de Abril de 2016 nas regiões PAL e a 29 de Abril de 2015 no Reino Unido.[56][57] A 1 de Março de 2016, Shawn Layden presidente da SCEA referiu que a nova data de lançamento do jogo seria 10 de Maio de 2016, para atender à “procura considerável em todo o mundo, e para assegurar que todos os jogadores têm a oportunidade de jogar o jogo no dia um”.[4]

A 4 de Junho de 2015 a Sony apresentou a colecção Uncharted: The Nathan Drake Collection para a PlayStation 4, que inclui versões melhoradas dos primeiros três jogos da série. Os jogadores que reservaram a colectânea tiveram acesso antecipado à versão beta do multijogador de Uncharted 4: A Thief's End.[58][59] Foi revelado um pacote de edição limitada dedicado a Uncharted 4: A Thief's End, que inclui para além de uma cópia do jogo, uma consola PS4 de 1TB e um comando DualShock 4.[60] Um livro de arte do jogo, The Art of Uncharted 4: A Thief’s End, tem lançamento previsto para os primeiros meses de 2016.[61] A NECA, uma empresa norte-americana fabricante de artigos de colecção, criou uma figura de Nathan Drake baseada em Uncharted 4: A Thief's End. A figura tem 7" de altura, 30 pontos de articulação e inclui cordas de escalada, armas (pistola e AK-47), e dois conjuntos de mãos e cabeças.[62]

Bônus de pré-reserva[editar | editar código-fonte]

Existem vários incentivos para a pré-reserva do jogo em vários retalhistas autorizados. As reservas feitas na GameStop têm incluído o pacote Multiplayer Booster, que desbloqueia melhoramentos no multijogador, e o Phurba Dagger Taunt baseado no icónico símbolo de Uncharted 2: Among Thieves. Na Amazon os consumidores recebem uma camuflagem de neve para as armas e o fato de Drake no Deserto. Na PlayStation Store as pré-reservas recebem um tema dinâmico exclusivo e personalização da Arma do Deserto.[63][64]

Edições especiais[editar | editar código-fonte]

Conteúdo da Libertalia Collector's Edition.

A 31 de Agosto de 2015 a Sony anunciou as várias edições especiais disponíveis para Uncharted 4: A Thief's End: a ‘Uncharted 4: A Thief's End Special Edition’ que tem para além do jogo inclui uma caixa em metal desenhada por Alexander “That Kid Who Draws” Iaccarino, um livro de arte com 48 páginas criado pela Dark Horse em parceria com a Naughty Dog, um livro de autocolantes e bónus para o multijogador; e a ‘Uncharted 4: A Thief's End Libertalia Collector's Edition’ que tem todo o conteúdo da anterior mas junta uma estatueta de Nathan Drake com 12″ entre outros itens para usar no multijogador.[63][65][66] Existem ainda duas edições digitais: a ‘Uncharted 4 Digital Standard Edition’ que tem uma cópia do jogo e vários bónus para o multijogador; e a ‘Uncharted 4 Digital Deluxe Edition’ que inclui todo o conteúdo da anterior e junta mais alguns itens, os piratas Thomas Tew e Adam Baldridge e o pacote Triple Pack.[66][67][68]

O pacote Triple Pack inclui conteúdo extra para a história, a primeiro da série. A Naughty Dog refere que decidiu desenvolver este extra para Uncharted 4 porque correu tudo bem no jogo anterior que eles tinham produzido, The Last of Us.[69]

Marketing[editar | editar código-fonte]

A Sony Interactive Entertainment divulgou que a campanha de marketing e Uncharted 4 é a maior que ela já fez até o momento.[70] Foram mostrados dois vídeos de promoção de Uncharted 4 em alguns cinemas seleccionados durante a semana de estreia do filme Star Wars: The Force Awakens da Disney. Um dos vídeos foi criado em CGI e usa uma versão em piano da canção "Where Is My Mind?" da banda The Pixies, enquanto que o outro mostra cenas do diário de produção do jogo, com entrevistas aos membros da equipa.[71][72][73] Alguns ônibus na Austrália e Londres contaram com decalques de arte promocional do jogo.[74][75]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Criticas profissionais[editar | editar código-fonte]

 
Resenha crítica
Publicação Nota
Destructoid 9.5/10[76]
Eurogamer recomendado[77]
Forbes 9/10[78]
Game Revolution 4.5 de 5 estrelas.[79]
GameSpot 10/10[80]
GamesRadar 4 de 5 estrelas.[81]
IGN 9/10[82]
Polygon 9/10[83]
Time 5/5[84]
Videogamer 8/10[85]
Pontuação global
Publicação Nota média
Metacritic 93/100[86]
OpenCritic 93/100[87]

Prêmios e honras[editar | editar código-fonte]

O vídeo mostrado durante a E3 2015 recebeu aclamação por parte da critica e recebeu diversos prêmios incluindo "Melhor Jogo para Consola", "Melhor Jogo de Ação/Aventura" e "Distinção Especial para Gráficos", atribuídos pelo painel de juízes da Game Critics Awards.[88][89]

Vendas[editar | editar código-fonte]

O jogo vendeu mais de 2.7 milhoes de copias mundialmente durante a primeira semana de vendas, tornando-se o jogo que mais rapidamente vendeu criado por uma empresa subsidiaria da Sony, tanto na regiao PAL como na America do Norte.[90][91] Em Maio de 2016, ja tinha arrecadado $56 milhoes em vendas digitais.[92] A 21 de dezembro de 2016, Uncharted 4 jä tinha vendido mais de 8.7 milhoes de copias.[93]

Controvérsias[editar | editar código-fonte]

A revelação de que Laura Bailey iria dar a voz à personagem Nadine Ross, que é de descendência Sul-Africana, teve alguma repercussão negativa.[94] Neil Druckmann citou websites como o NeoGAF sobre queixas de sub-representação racial dos atores.[95] Durante um painel de conversação no PlayStation Experience 2015, Druckmann explicou que quando a personagem foi idealizada, a sua etnia ainda não tinha sido determinada. Bailey foi escolhida a partir da audição de castings de um conjunto de actrizes de descendência negra, branca, Americanos e Sul-Africanos, e que Druckmann acreditou ser a melhor candidata para o papel.[96] Uma arte conceitual de uma personagem negra foi apresentada e eventualmente aceite.[97] Druckmann também fez notar que um personagem caucasiano do jogo tem a voz de um actor negro.[95] A actriz Kandyse McClure, de descendência Sul-Africana, reconheceu uma certa semelhança entre si e Nadine,[98] e levantou a questão se a sua aparência foi ou não usada para criar a personagem.[99]

A 24 de fevereiro de 2016, a Naughty Dog lançou o vídeo promocional da história de Uncharted 4. Durante um momento do vídeo vê-se uma fotografia que se revelou ser uma imagem conceitual do jogo Assassin's Creed IV: Black Flag.[100] Azaizia Aymar, um empregado da Ubisoft, foi dos primeiros a reparar no erro,[101] e assim que foi visto o vídeo foi retirado e no mesmo dia foi recolocado com uma nova fotografia. Em resposta, a Naughty Dog afirmou que fez um "erro lastimável" e pediu desculpas à Ubisoft, à equipe de Assassin's Creed e ao artista original, alegando que assumem toda a responsabilidade com o erro que criaram.[102]

Referências

  1. Luís Alves (7 de dezembro de 2014). «Naughty Dog fala sobre a demo de Uncharted 4». Eurogamer. Consultado em 10 de dezembro de 2014 
  2. a b c d e Bruno Galvão (30 de março de 2016). «Uncharted 4: último vídeo nos bastidores». Eurogamer. Consultado em 30 de março de 2016 
  3. Bruno Galvão (28 de janeiro de 2016). «"Naughty Dog a corrigir erros em Uncharted 4"». Eurogamer. Gamer Network. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  4. a b c Shawn Layden (1 de março de 2016). «New release date for Uncharted 4: A Thief's End». PlayStation.Blog. Consultado em 2 de março de 2016 
  5. Cogburn, Robert (28 de maio de 2015). «Robert Cogburn on Twitter». “Epic match between MP team and QA MP team today. Of course, the MP team won. #PS4 #Uncharted4”. Twitter. Consultado em 3 de junho de 2015 
  6. Luís Alves (7 de janeiro de 2015). «Naughty Dog confirma modo multijogador para Uncharted 4». Eurogamer. Consultado em 7 de janeiro de 2015 
  7. Leon Hurley (25 de setembro de 2015). «"Uncharted 4 was delayed to nail ending: "something happens that requires work""». GamesRadar. Consultado em 16 de novembro de 2015 
  8. a b Makuch, Eddie (17 de junho de 2015). «"Uncharted 4 Is Nathan Drake's Final Chapter, Developer Says"». GameSpot. Consultado em 23 de junho de 2015 
  9. Luís Alves (8 de dezembro de 2015). «"Naughty Dog explica porque não quer fazer mais jogos de Uncharted"». Eurogamer. Consultado em 9 de dezembro de 2015 
  10. Eddie Makuch (10 de janeiro de 2016). «Events of Uncharted 4 Mean Sequel Starring Nathan Drake Would Be "Really Hard"». GameSpot. Consultado em 11 de janeiro de 2016 
  11. a b c d Gonçalves, Aníbal (7 de janeiro de 2015). «NAUGHTY DOG DISCUTE A HISTÓRIA DE UNCHARTED 4». IGN Portugal. Consultado em 8 de janeiro de 2015 
  12. a b Eddie Makuch (22 de março de 2016). «Uncharted 4 Has 10X Playable Space of Past Entries, In-Game Cutscenes». GameSpot. CBS Interactive Inc. Consultado em 22 de março de 2016 
  13. Anthony Taormina (8 de janeiro de 2015). «'Uncharted 4′ Will Include Multiplayer & AI Companion». GameRant. Consultado em 12 de janeiro de 2015 
  14. Rob Crossley (27 de outubro de 2015). «Uncharted 4 Multiplayer to Include Microtransactions "From the Outset"». GameSpot. Consultado em 28 de outubro de 2015 
  15. Frederiksen, Eric. «"Uncharted 4 will have dialogue Options"». TechnoBuffalo. Consultado em 6 de dezembro de 2015 
  16. Makuch, Eddie (15 de abril de 2016). «Uncharted 4's Real-Time Cutscenes Are "Profound," Dev Says». GameSpot. Consultado em 7 de maio de 2016 
  17. Hurley, Leon (5 de maio de 2016). «Take a look at Uncharted 4's gameplay mods & photo filters». GamesRadar. Consultado em 7 de maio de 2016 
  18. Giuseppe Nelva (29 de janeiro de 2015). «PS4 Exclusive Uncharted 4: A Thief's End Gets Info on Story, Environments and More, New Screenshots and Art». DualSchockers. Consultado em 10 de março de 2015 
  19. Andrew Reiner (16 de janeiro de 2015). «Dissecting The Characters Of Uncharted 4». Game Informer. Consultado em 19 de janeiro de 2015 
  20. Sarkar, Samit (4 de dezembro de 2015). «"Uncharted 4 cinematic introduces a new adversary for Nathan Drake"». Polygon. Consultado em 5 de dezembro de 2015 
  21. «Uncharted 4: A Thief's End». Official Website. Consultado em 4 de junho de 2015 
  22. Eric Monacelli (9 de junho de 2014). «Uncharted 4: A Thief's End 2014 E3 Trailer». Naughty Dog. Consultado em 10 de junho de 2014 
  23. «Naughty Dog: Uncharted». Unchartedthegame.com. Consultado em 16 de junho de 2014 
  24. Albert, Brian (6 de janeiro de 2015). «NAUGHTY DOG DISCUSSES UNCHARTED 4'S STORY AND LIFE AFTER THE LAST OF US». IGN. Consultado em 7 de janeiro de 2015 
  25. Dave Cook (12 de junho de 2014). «Nolan North reckons Uncharted 4: A Thief's End is the last entry». VG247. Consultado em 16 de junho de 2014 
  26. Jackson, Jermain (7 de Dezembro de 2014). «Todd Stashwick was Originally Nathan Drake's Older Brother in Uncharted 4: A Thief's End». RealGamerNewz. Consultado em 11 de Maio de 2015 
  27. Meyer, Arne (14 de Novembro de 2013). «Uncharted on PS4, The Last of Us: Left Behind DLC Revealed». PlayStation.Blog. Sony Computer Entertainment America. Consultado em 14 de Novembro de 2013 
  28. Hargreaves, Jim (19 de Novembro de 2013). «Uncharted 4: what we know so far». thesixthaxis.com. Consultado em 1 de Dezembro de 2013 
  29. Dyer, Mitch (4 de março de 2014). «Uncharted PS4 Writer Amy Hennig Leaves Naughty Dog». IGN. Consultado em 4 de março de 2014 
  30. Dyer, Mitch (3 de Março de 2014). «Uncharted 4 Director Amy Hennig Joins Visceral's Star Wars Project». IGN. Consultado em 3 de Abril de 2014 
  31. Dyer, Mitch (27 de março de 2014). «Uncharted 4 Game Director Justin Richmond Leaves Naughty Dog». IGN. Consultado em 27 de Março de 2014 
  32. Dyer, Mitch (22 de abril de 2014). «Star Wars Co-Writer Todd Stashwick 'Recast' in Uncharted PS4». IGN. Consultado em 22 de abril de 2014 
  33. Colin Moriarty (2 de junho de 2014). «THE LAST OF US' DIRECTORS ARE OFFICIALLY HEADING UP UNCHARTED 4». IGN. Consultado em 16 de junho de 2014 
  34. Luís Alves (12 de agosto de 2014). «Em Uncharted 4 vamos conhecer melhor Nathan Drake». Eurogamer. Consultado em 12 de agosto de 2014 
  35. Silva, Marty (9 de junho de 2014). «E3 2014: UNCHARTED 4: A THIEF'S END ANNOUNCED FOR 2015». IGN. Consultado em 9 de junho de 2014 
  36. Jorge Loureiro (5 de abril de 2016). «Mais jogos da série Uncharted dependem da Sony». Eurogamer. Consultado em 5 de abril de 2016 
  37. Jorge Soares (6 de dezembro de 2014). «Uncharted 4: A Thief's End - Primeiro Gameplay». Eurogamer. Consultado em 6 de dezembro de 2014 
  38. Luís Alves (7 de dezembro de 2014). «Troy Baker confirma presença em Uncharted 4». Eurogamer. Consultado em 9 de dezembro de 2014 
  39. a b c «'E3 2015: Full "Sam Pursuit" Gameplay'». Gametrailers. 1 de julho de 2015. Consultado em 6 de julho de 2015 
  40. Brazil, Darren (19 de junho de 2015). «WATCH EVERYTHING ON UNCHARTED 4 FROM E3 2015». IGN. Consultado em 23 de junho de 2015 
  41. Ben Kuchera (15 de junho de 2015). «Uncharted 4 looks absolutely stunning on the PlayStation 4». Polygon. Consultado em 16 de junho de 2015 
  42. «ANTEVISÃO - DEMO COMPLETA DE UNCHARTED 4 É INCRÍVEL». IGN. 17 de junho de 2015. Consultado em 18 de junho de 2015 
  43. Robin Atkin Downes on Twitter (8 de julho de 2015). «"@AllUNCHARTED I can now release that I will be in Uncharted 4....Like you... I can't wait to play it! See you soon!"». Twitter Inc. Consultado em 3 de setembro de 2015 
  44. Labbe, Mark (10 de julho de 2015). «Actor Robin Atkin Downes Confirms Involvement With Uncharted 4». PlayStation LifeStyle. Consultado em 12 de julho de 2015 
  45. Prell, Sam (5 de dezembro de 2015). «New Uncharted 4 trailer re-unites the Drake brothers, introduces dialogue trees». GamesRadar. Consultado em 5 de dezembro de 2015 
  46. Martin Robinson (21 de julho de 2014). «Uncharted 4 is pushing for 1080p60 on PlayStation 4». Eurogamer. Consultado em 22 de julho de 2014 
  47. David Scammell (15 de janeiro de 2015). «Naughty Dog won't push Uncharted 4 to 60fps if it compromises player experience». Videogamer. Consultado em 15 de janeiro de 2015 
  48. Serrels, Mark. (June 16, 2014). "Naughty Dog Targeting 1080p/60 Frames Per Second For Uncharted 4". Kotaku. 21-6-2015.
  49. Labbe, Mark. (17-6-2015). "Uncharted 4 Single-Player to Run at 30fps, Multiplayer at 60fps (Update)". PlayStation Lifestyle. 21-6-2015.
  50. Robinson, Martin (27 de outubro de 2015). «Uncharted 4's multiplayer will be 60fps». Eurogamer. Consultado em 28 de outubro de 2015 
  51. Hillier, Brenna. (February 4, 2015). "Uncharted 4: achieving 60FPS is going to be “really fucking hard"". VG247. 21-6-2015.
  52. Strom, Steven (18 de março de 2016). «Uncharted 4 is Finally Finished». IGN. Ziff Davis. Consultado em 19 de março de 2016. Cópia arquivada em 18 de março de 2016 
  53. Tamoor Hussain (17 de setembro de 2015). «"Here's When Uncharted 4's Multiplayer Beta Will Begin"». GameSpot. Consultado em 17 de setembro de 2015 
  54. Jorge Loureiro (1 de março de 2016). «A que horas começa a beta de Uncharted 4?». Eurogamer. Consultado em 1 de março de 2016 
  55. Porter, Matt (10 de março de 2015). «UNCHARTED 4 DELAYED UNTIL SPRING 2016». IGN. Consultado em 10 de março de 2015 
  56. Tamoor Hussain (23 de dezembro de 2015). «"Uncharted 4 Delayed into April 2016"». GameSpot. Consultado em 23 de dezembro de 2015 
  57. Bruce Straley & Neil Druckmann (23 de dezembro de 2015). «"Uncharted 4: A Thief's End now launches on 27th April 2016"». PlayStation.Blog. Consultado em 23 de dezembro de 2015 
  58. Arne Meyer (4 de junho de 2015). «Uncharted: The Nathan Drake Collection – Out October 9th on PS4». PlayStation.Blog. Consultado em 4 de junho de 2015 
  59. Galvão, Bruno (4 de junho de 2015). «The Nathan Drake Collection confirmado». Eurogamer. Consultado em 4 de junho de 2015 
  60. Matthew Kato (4 de fevereiro de 2016). «"Sony Unveils A Limited-Edition Uncharted 4 PS4 Bundle"». Game Informer. Consultado em 4 de fevereiro de 2016 
  61. Hillier, Brenna (7 de junho de 2015). «Uncharted 4 art book announce delivers some new concept images». VG247. VG247. Consultado em 6 de setembro de 2015 
  62. Eddie Makuch (3 de fevereiro de 2016). «"Look at This Uncharted 4 Nathan Drake Action Figure"». GameSpot. Consultado em 4 de fevereiro de 2016 
  63. a b Connor Sheridan (31 de agosto de 2015). «"Here are all the ways you can buy Uncharted 4"». GamesRadar. Consultado em 1 de setembro de 2015 
  64. David Bull (31 de agosto de 2015). «"Uncharted 4 Launches March 18th, 2016 on PS4"». PlayStation.Blog. Consultado em 1 de setembro de 2015 
  65. Jonathan_Leack (31 de agosto de 2015). «"Uncharted 4 Arriving March 18th, Will Have Season Pass and Microtransactions"». Game Revolution. Consultado em 1 de setembro de 2015 
  66. a b Thaddeus Morse (31 de agosto de 2015). «"Uncharted 4 release date announced, collector's editions detailed"». PlayStation.Blog. Consultado em 1 de setembro de 2015 
  67. Pedro Ferreira (31 de agosto de 2015). «REVELADA DATA DE LANÇAMENTO E EDIÇÃO DE COLECIONADOR PARA UNCHARTED 4». IGN. Consultado em 1 de setembro de 2015 
  68. Luís Vedor (1 de setembro de 2015). «"REVELADA DATA DE LANÇAMENTO DE UNCHARTED 4: O FIM DE UM LADRÃO"». PC Guia. Consultado em 8 de outubro de 2015 
  69. Makedonski69, Brett (3 de setembro de 2015). «Uncharted 4's getting single-player DLC because it worked in The Last of Us». Destructoid. Consultado em 6 de setembro de 2015 
  70. Maxwell Jeffery (28 de abril de 2017). «Uncharted 4 Marketing Campaign is the 'Largest Ever' for Sony». GameRant. Consultado em 1 de julho de 2017 
  71. Eddie Makuch (21 de dezembro de 2015). «"Watch the Uncharted 4 CG Trailer That Ran Before Star Wars 7"». GameSpot. Consultado em 21 de dezembro de 2015 
  72. Hillier, Brenna (18 de dezembro de 2015). «New Uncharted 4 trailer airing during first-week Star Wars: The Force Awakens sessions». VG247. Consultado em 21 de dezembro de 2015 
  73. Eddie Makuch (21 de dezembro de 2015). «"Watch New Uncharted 4 Behind-the-Scenes Video"». GameSpot. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  74. Thom Peart (2 de maio de 2016). «Uncharted 4 Has Taken Over Australia». Twinfinite. Consultado em 1 de julho de 2017 
  75. Sammy Barker (26 de abril de 2016). «Uncharted 4's Marketing Machine Is Entering Overdrive». PushSquare. Consultado em 1 de julho de 2017 
  76. Hansen, Steven (5 de maio de 2016). «Review: Uncharted 4: A Thief's End». Destructoid. Consultado em 5 de maio de 2016 
  77. Jorge Loureiro (10 de maio de 2016). «Uncharted 4 - Análise». Eurogamer. Consultado em 10 de maio de 2016 
  78. Paul Tassi (5 de maio de 2016). «'Uncharted 4: A Thief's End' Review (PS4): The Legend of Nathan Drake». Forbes. Consultado em 5 de maio de 2016 
  79. Paras, Peter (9 de Maio de 2016). «Uncharted 4: A Thief's End Review». GameSpot. Consultado em 16 de Maio de 2016 
  80. Mahardy, Mike (5 de maio de 2016). «Uncharted 4: A Thief's End Review». GameSpot. Consultado em 5 de maio de 2016 
  81. Hurley, Leon (5 de Maio de 2016). «Uncharted 4 review». GamesRadar. Consultado em 5 de maio de 2016 
  82. O'Brien, Lucy (10 de Maio de 2016). «Uncharted 4: A Thief's End Review». IGN. Consultado em 11 de Maio de 2016 
  83. McElroy, Griffin (5 de Maio de 2016). «Uncharted 4: A Thief's End review». Polygon. Consultado em 5 de maio de 2016 
  84. Matt Peckham (5 de maio de 2016). «Review: Uncharted 4 Is the Beguiling Series' Absolute Best». Time. Consultado em 5 de maio de 2016 
  85. Burns, Steven (5 de maio de 2016). «Uncharted 4: A Thief's End Review». VideoGamer.com. Consultado em 5 de maio de 2016 
  86. «Uncharted 4: A Thief's End Reviews». Metacritic. Consultado em 27 de agosto de 2016 
  87. «Uncharted 4: A Thief's End Reviews». Opencritic. Consultado em 27 de agosto de 2016 
  88. «"Best Of E3 2015"». Game Critics Awards. Consultado em 8 de julho de 2015 
  89. Stephany Nunneley (7 de julho de 2015). «Fallout 4 and Uncharted 4 clean up at E3 2015 Game Critics Awards». VG247. Consultado em 8 de julho de 2015 
  90. Carpenter, Nicole (23 de maio de 2016). «Uncharted 4 sold 2.7 million copies in its first week». IGN. Consultado em 24 de maio de 2016 
  91. Blain, Louise (23 de maio de 2016). «Uncharted 4 sells 2.7 million copies in its first week». GamesRadar. Consultado em 24 de maio de 2016 
  92. Dunning, Jason (23 de junho de 2016). «May 2016 Digital Sales Report: Uncharted 4 #1 on Console, Grossed $56 Million». PlayStation LifeStyle. Consultado em 26 de junho de 2016 
  93. Paul Tassi (5 de janeiro de 2017). «'Uncharted 4: A Thief's End' Sold An Incredible 8.7 Million Copies In 2016». Forbes. Consultado em 21 de março de 2017 
  94. Hillier, Brenna (6 de dezembro de 2015). «Uncharted 4 PSX panel reveals more about Nadine Ross, addresses casting Controversy». VG247. Consultado em 9 de dezembro de 2015 
  95. a b Grayson, Nathan (5 de dezembro de 2015). «Uncharted 4 diretor stands by having white actor voice black Character». Kotaku. Consultado em 6 de dezembro de 2015 
  96. Dunning, Jason (7 de dezembro de 2015). «Creative Director Addresses Uncharted 4 Casting Controversy, Stands by the Decision 110%». PlayStation LifeStyle. Crave Online. Consultado em 9 de dezembro de 2015 
  97. Makuch, Eddie (5 de dezembro de 2015). «Uncharted 4 Director Responds to Character Racial Swap». GameSpot. Consultado em 6 de dezembro de 2015 
  98. «Kandyse on Twitter». Twitter. Consultado em 6 de dezembro de 2015 
  99. «Kandyse on Twitter». Twitter. Consultado em 6 de dezembro de 2015 
  100. Macy, Seth. «Did Uncharted 4 Steals Art from Assassin's Creed 4?». IGN. Ziff Davis 
  101. Aymar, Azaïzia. «Aymar on Twitter». Twitter. Consultado em 28 de fevereiro de 2016 
  102. Meyer, Arne. «An update on the Uncharted 4: A Thief's End Story Trailer». Naughty Dog. Sony. Consultado em 25 de fevereiro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]