União Brasiliense de Educação e Cultura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Unileste e o Colégio Padre de Man (prédio em segundo plano), em Coronel Fabriciano, Minas Gerais, são mantidos pela UBEC.

A União Brasiliense de Educação e Cultura (UBEC) é uma associação civil com fins educacionais e não lucrativos, de utilidade pública federal, filantrópica fundada em 1972 por cinco congregações religiosas católicas (Irmãos Maristas, Irmãos Lassalistas, Padres Estigmatinos, Padres Salesianos e irmãs Salesianas)[1] e atualmente mantém as seguintes unidades educacionais:[2]

Ainda são mantidas da UBEC:

  • Fazenda Campina Grande - Tocantins (Cursos de Ciências da Terra)

A UBEC[editar | editar código-fonte]

Fundada em 1972, a União Brasiliense de Educação e Cultura – UBEC surgiu com o objetivo de manter instituições católicas de ensino, proporcionando uma rede de educação sólida e de qualidade. A primeira mantida do grupo surgiu em 1974, quando congregações católicas, com ampla experiência internacional em educação, criaram Faculdade Católica de Ciências Humanas.

Constituída como Associação Civil, religiosa de direito privado e de caráter assistencial, educacional e filantrópica, a UBEC é formada pela união de cinco Províncias Religiosas e uma Diocese: A Província Lassalista de Porto Alegre – Irmãos Lassalistas; a Província São José da Congregação dos Sagrados Estigmas de Nosso Senhor Jesus Cristo – Padres e Irmãos Estigmatinos; a Província Marista do Centro Norte do Brasil – Irmãos Maristas; a Inspetoria São João Bosco – Salesianos de Dom Bosco; a Inspetoria Madre Mazzarello – Irmãs Salesianas, e a Diocese de Itabira/Coronel Fabriciano.

Em 1980, a UBEC reuniu as diversas faculdades Católicas existentes no DF e constituiu as FICB – Faculdades Integradas Católica de Brasília, e, em 1994, o Ministério da Educação credenciou a Universidade Católica de Brasília – UCB, fazendo-a chegar à dimensão de Universidade Católica no Distrito Federal.

Atualmente, além da UCB,  a UBEC mantém, o Centro Educacional Católica de  Brasília (CECB), Centro Educacional Católica do Leste de Minas Gerais (CECMG), Centro Universitário do Leste de Minas Gerais (UNILESTE), Colégio Padre de Man (CPM), Faculdade Católica do Tocantins (FACTO), e a Faculdade Católica Recife (FCR).

Diretoria[editar | editar código-fonte]

Ir. José Nilton Dourado da Silva - Conselheiro Presidente

Pe. Helenes de Oliveira Lima - Conselheiro Vice-Presidente

Pe. Márcio José Montandon Marçal - Conselheiro Tesoureiro

Ir. Alvimar D’ Agostini - Conselheiro Secretário 

Ir. Regina Maria Ferreira Carrijo - Conselheira

Antônio Eugênio do Socorro Fernandes - Conselheiro

Fundadores e Educadores[editar | editar código-fonte]

São João Batista de La Salle (1651-1719)[editar | editar código-fonte]

Fundador do Instituto dos Irmãos das Escolas Cristãs, ou  Irmãos Lassalistas. Sacerdote francês, dedicou toda sua vida à educação cristã e instrução de meninos jovens, pobres e abandonados (de rua).  Instituiu o método simultâneo do ensino, feito individualmente; extinguiu os castigos corporais, na época recurso normal em aula. Sua maior preocupação e ação eficaz foram a dignificação e o preparo do magistério.

São Gaspar Bertoni (1777-1853)[editar | editar código-fonte]

Fundador dos Estigmatinos. Nasceu em Verona, Itália. Com 18 anos, entrou para o seminário. Desde a época de seminarista, mostrou-se apóstolo incansável da evangelização. Em 1816, começou a sua Congregação Religiosa, que mais tarde recebeu o nome de Congregação dos Sagrados Estigmas de Nosso Senhor Jesus Cristo (Estigmatinos), cuja finalidade é: “Missionários Apostólicos em auxílio aos Bispos”. 

São Marcelino Champagnat (1789-1840)[editar | editar código-fonte]

Fundador da Congregação dos Irmãos Maristas. No ano em que estourava a Revolução Francesa, verdadeiro marco da história da humanidade, nascia São Marcelino, na mesma França. Aos 27 anos, disposto a levar avante seu projeto de ensinar as pessoas a ler e escrever, reúne seus dois primeiros discípulos. Nasciam os Irmãozinhos de Maria, hoje Irmãos Maristas. Vivendo entre eles e como um deles, Champagnat, objetivando levar adiante a missão de tornar Jesus Cristo conhecido e amado, ensina seus discípulos a ler, escrever e viver o Evangelho em sua plenitude.

São João Bosco (1815-1888)[editar | editar código-fonte]

Fundador dos Salesianos, comunidade de católicos (Padres e Irmãos), em 1859, em Turim (Itália). O nome da Congregação vem de São Francisco de Salles, Bispo de Genebra no século XVII, escolhido por Dom Bosco como patrono, por sua bondade, paciência, visão de comunicador e intensa caridade pastoral, qualidades necessárias para se trabalhar com a juventude. Dom Bosco faleceu em 31 de janeiro de 1888 e foi canonizado em 1934, como Apóstolo da Juventude. Como herança, deixou aos Salesianos o “Sistema Preventivo”, método educativo que se baseia na razão, religião e bondade. 

Santa Maria Mazzarello (1837-1881)[editar | editar código-fonte]

Co-fundadora das Irmãs Salesianas, Santa Maria Domingas Mazzarello nasceu em Mornese (Itália). Sob a orientação de Dom Bosco, fundou o Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora. Toda sua vida foi marcada por um estilo de relações simples, autênticas, como convém à família. Como educadora, teve coração de mãe, sabendo ser firme em relação aos princípios e valores universais.

Josephus Cornélius Marie De Man (1927-1981)[editar | editar código-fonte]

Nasceu em Woender, Holanda, filho de um casal de escritores famosos, Herman de Man (morto em acidente aéreo, fugindo do nazismo) e Eva Maria Kaller (morta em campo de concentração, durante a 2ª Guerra Mundial), ambos judeus católicos. Desembarcou no Brasil em 1963. Figura dinâmica e carismática, daria novos rumos à educação ao criar o Colégio Técnico em Coronel Fabriciano e, mais tarde, a Universidade do Trabalho. Sem vestígio de dúvidas, essas duas obras foram os alicerces da Unileste-MG.

Referências

  1. União Brasiliense de Educação e Cultura (UBEC). «A UBEC». Consultado em 9 de junho de 2014. Cópia arquivada em 9 de junho de 2014 
  2. União Brasiliense de Educação e Cultura (UBEC). «Grupo Católica de Brasília». Consultado em 9 de junho de 2014. Cópia arquivada em 9 de junho de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre educação ou sobre um educador é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.