Unidos da Serraria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Unidos da Serraria
Fundação 14 de novembro de 1987 (31 anos)[1]
Cores Preto, amarelo, vermelho e branco[1]
Símbolo Um aperto de punho
Presidente Carlos Antonio Gama

O Grêmio Recreativo Cultural Escola de Samba Unidos da Serraria é uma escola de samba de Diadema, SP. Foi fundada a partir de uma reunião no Bar da Tia, no bairro diademense do Serraria, no dia 14 de novembro de 1987. Seu fundador Waldomiro Gomes, que mantém também um clube de futebol (A.A. Boa Vista), deu a ideia de seu primeiro enredo: "Leônidas da Silva-O Diamante negro".

Foi a última colocada do grupo principal em 2011, sendo portanto rebaixada.[2] No ano seguinte, obteve a ascensão, voltando para o Grupo 1 em 2013.[3]

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Unidos da Serraria
Ano Colocação Grupo Enredo Ref.
2000 1 Os Quatro Elementos Zodiacais [4]
2001 Vice-campeã 2 Os Encantos, Beleza e a Magia de Salvador [5][6]
2002 1 Serraria Pede Espaço para Invadir o Espaço [7]
2003 6º lugar 1 Fim de semana, lazer e alegria [8][9]
2004 Campeã 1 África: berço de tradições e religiões [10][11]
2008 Campeã 1 Eu sou o chão, sou pó, sou poeira, sou o samba, a raça brasileira [12][13]
2009 Campeã 1 [14]
2010 Sem avaliação 1 Do Reino de Alguém, ao Reino de Além do Mar, Quem Foi Rei Nunca Perde a Majestade [15]
2011 5º lugar 1 És bela, és forte, soberana, um verde de magia, ritual de alegria, sua cultura contagia a nossa Serraria [1]
2012 Campeã 2 [16]

Títulos[editar | editar código-fonte]

  • Campeã do Carnaval de Diadema (5): 1993, 1996, 2004, 2008 e 2009.[1]
  • Campeão do Grupo 2: 2012

Referências

  1. a b c d Camila Brunelli (17 de fevereiro de 2011). «Unidos do Serraria mostra a Amazônia». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  2. Mauro Kinjo (8 de março de 2011). «Eldorado comemora o título do Carnaval de Diadema». ABCD Maior. Consultado em 15 de março de 2011 
  3. Michelly Cyrillo (21 de fevereiro de 2012). «Estopim é a campeã do Carnaval de Diadema». ABCD Maior. Consultado em 16 de julho de 2012. Cópia arquivada em 16 de julho de 2012 
  4. Adriana Lopes (5 de fevereiro de 2000). «Diadema faz Carnaval da paz». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  5. Elaine Granconato (25 de fevereiro de 2001). «Diadema escolhe as campeãs nesta segunda». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  6. Elaine Granconato (26 de fevereiro de 2001). «Acadêmicos Central é campeã em Diadema». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  7. Christiano Carvalho (9 de fevereiro de 2002). «Diadema promete disputa acirrada». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  8. Sucena Shkrada Resk (24 de fevereiro de 2003). «Lazer e alegria são destaques da Unidos da Serraria». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  9. Mário César de Mauro e Sucena Shkrada Resk (3 de março de 2003). «Acadêmicos Central é campeã do Carnaval de Diadema». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  10. Nicolas Tamasauskas (17 de fevereiro de 2004). «Unidos do Serraria fala de tradições e religiões». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  11. Nicolas Tamasauskas (23 de fevereiro de 2004). «Unidos do Serraria leva o título em Diadema». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  12. Luciana Yamashita (20 de janeiro de 2008). «Escola Unidos do Serraria homenageia o próprio samba». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  13. Natane Tamasauskas (6 de fevereiro de 2008). «Serraria canta o samba e leva o título em Diadema». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  14. «Unidos do Serraria é a vencedora do Carnaval 2009». Prefeitura de Diadema. 25 de fevereiro de 2009. Consultado em 7 de maio de 2013 
  15. Bruna Gonçalves (11 de fevereiro de 2010). «Virando noites para estar na avenida». Diário do Grande ABC. Consultado em 7 de maio de 2013 
  16. Maria Helena Domingues (23 de fevereiro de 2012). «Estopim da Fiel Torcida é campeã do Carnaval 2012». Prefeitura de Diadema. Consultado em 6 de maio de 2013