Universidade Estadual de Montes Claros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Universidade Estadual de Montes Claros
UNIMONTES
Lema Novo tempo, novas conquistas
Fundação 24 de maio de 1962 (60 anos)
Tipo de instituição Pública, Estadual
Mantenedora Brasão de Minas Gerais.svg Governo do Estado de Minas Gerais
Localização Brasão Montes Claros.jpgMontes Claros, Bandeira de Minas Gerais.svgMinas Gerais
Funcionários técnico-administrativos 2.812
Reitor(a) Antônio Alvimar Souza
Vice-reitor(a) Ilva Ruas de Abreu
Docentes 1.269
Total de estudantes 11.781 (2018)
Campi Almenara
Brasília de Minas
Bocaiuva
Espinosa
Janaúba
Januária
Paracatu
Unaí
Pirapora
Salinas
São Francisco
Várzea da Palma
Joaíma (núcleo)
Cores da escola Azul & Branco
Afiliações CRUB, RENEX e ABRUEM
Orçamento anual R$ 314.379.527,83 em 2018[1]
Página oficial unimontes.br

A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) é uma instituição de ensino superior pública estadual brasileira, sediada na cidade de Montes Claros, no estado de Minas Gerais, tendo sob área de influência o Norte e Noroeste de Minas Gerais, Vale do Mucuri, Vale do Jequitinhonha, além de parte da Serra Geral, região Centro-Sul da Bahia.

Localizada na cidade de Montes Claros, centro convergente e polarizador dos demais municípios da região do Norte de Minas Gerais, a Unimontes é uma autarquia de regime especial do Estado de Minas Gerais, na forma do § 3º do Art. 82 do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição do Estado de Minas Gerais, resultante da transformação da Fundação Norte-Mineira do Ensino Superior - FUNM.

A Unimontes oferece formações nas áreas de saúde, educação, ciências sociais aplicadas, ciências humanas e ciências exatas e tecnológicas, no campus-sede de Montes Claros, bem como nos seus campi de Almenara, Brasília de Minas, Bocaiuva, Espinosa, Janaúba, Januária, Paracatu/Unaí, Pirapora, Salinas e São Francisco e, ainda, no núcleo em Joaíma, além dos mais de 300 municípios consorciados.

Da criação à transformação em universidade[editar | editar código-fonte]

A Universidade Estadual de Montes Claros resultou da transformação da Fundação Norte-Mineira de Ensino Superior (FUNM), de acordo com o artigo 82, parágrafo 3º, do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, da Constituição Mineira de 1989, proposta pelo deputado Milton Drumond.

A FUNM havia sido criada através da Lei Estadual nº 2.615, de 24 de maio de 1962, de autoria do ex-deputado Cícero Dumont. A primeira unidade de ensino superior da FUNM foi implantada em 1965, com a criação da Faculdade de Direito (FADIR).

No ano seguinte, surgiu a unidade pioneira de ensino superior do Norte de Minas, nomeada como Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FAFIL), tendo como entidade mantenedora a Fundação Educacional Luiz de Paula (FELP). Em 1964 surgem os cursos de Geografia, História, Letras e Pedagogia em instalações cedidas. Já em 1966, a FAFIL se desliga da FELP e passa a integrar a FUNM. Em 1968 são implantados na FAFIL os cursos de Matemática, Ciências Sociais e Filosofia. Em 1969, ocorreu a criação da Faculdade de Medicina (FAMED). Em 1972, foi vez da Faculdade de Administração e Finanças (FADEC), com os cursos de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas. Em 1987, começou a funcionar a Faculdade de Educação Artística (FACEART).

O professor e médico José Geraldo de Freitas Drumond assumiu em 1988 como diretor-geral da FUNM, nomeado pelo ex-governador Newton Cardoso a partir de lista sêxtupla. Foi ele quem conduziu a estadualização da Fundação e continuou como reitor pró-tempore entre 1990 e 1998, e depois como reitor escolhido em votação direta de 1998 até 2002.[2]

A efetiva estadualização ocorreu com a publicação do Decreto-Lei n.º 30.971, de 9 de março de 1990[3], e depois reorganizada com a extinção das antigas faculdades e criação das suas unidades acadêmicas pela Lei Estadual 11.517 de 13 de julho 1994.[4]

Unidades acadêmicas[editar | editar código-fonte]

Universidade Estadual de Montes Claros (Minas Gerais)
Blue pog.svg
M. Claros (Sede)
Disc Plain red (edge).svg
Almenara
Disc Plain red (edge).svg
B. de Minas
Disc Plain red (edge).svg
Bocaiúva
Disc Plain red (edge).svg
Espinosa
Disc Plain red (edge).svg
Janaúba
Disc Plain red (edge).svg
Januária
Disc Plain red (edge).svg
Paracatú
Disc Plain red (edge).svg
Unaí
Disc Plain red (edge).svg
Pirapora
Disc Plain red (edge).svg
Salinas
Disc Plain red (edge).svg
S. Francisco
Disc Plain red (edge).svg
Joaíma
Localização das unidades da Unimontes em Minas Gerais.

Centro de Ciências Biológicas e da Saúde - CCBS[editar | editar código-fonte]

  • Ciências Biológicas - Bacharelado
  • Ciências Biológicas - Licenciatura
  • Educação Física - Bacharelado
  • Educação Física - Licenciatura
  • Enfermagem
  • Medicina
  • Odontologia

Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas - CCET[editar | editar código-fonte]

  • Agronomia
  • Engenharia Civil
  • Engenharia de Sistemas
  • Matemática
  • Química - Licenciatura
  • Sistemas de Informação
  • Tecnologia em Agronegócios
  • Zootecnia

Centro de Ciências Humanas - CCH[editar | editar código-fonte]

  • Artes - Habilitação em Música
  • Artes - Habilitação em Teatro
  • Artes Visuais
  • Ciências da Religião
  • Filosofia
  • Geografia
  • História
  • Letras - Habilitação em Espanhol
  • Letras - Habilitação em Inglês
  • Letras - Habilitação em Português
  • Pedagogia

Centro de Ciências Sociais Aplicadas - CCSA[editar | editar código-fonte]

  • Administração
  • Ciências Contábeis
  • Ciências Econômicas
  • Ciências Sociais
  • Direito
  • Serviço Social

Excelência no curso de Agronomia[editar | editar código-fonte]

Recentemente, no RUF 2014 (Ranking Universitário Folha de S.Paulo), um dos mais privilegiados indicadores de educação superior do país, o curso de Agronomia da Unimontes (campus Janaúba) foi considerado o 15º melhor curso no território nacional. Neste mesmo ranking, a Unimontes foi considerada uma das 100 melhores instituições de ensino do Brasil.

Referências

  1. Portal da Transparência, Consultado em 12 de maio de 2019
  2. «Reitores». Universidade Estadual de Montes Claros - Unimontes. Consultado em 26 de maio de 2022 
  3. «Unimontes chega aos 60 anos comprometida com o desenvolvimento regional e a melhoria da qualidade de vida». www.agenciaminas.mg.gov.br. Consultado em 26 de maio de 2022 
  4. Cidadão, Assembleia de Minas-Poder e Voz do. «Legislação Mineira - LEI 11517, de 13/07/1994». Assembleia de Minas. Consultado em 26 de maio de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Sítio eletrônico oficial