Universidade Jiao Tong de Xangai

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Universidade de Xangai Jiao Tong
上海交通大学
Sjtu-logo-standard-red.png
Brasão
Biblioteca
Lema 饮水思源, 爱国荣校
Gratidão e Responsabilidade
Nomes anteriores Escola Pública de Nanyang
Faculdade Nan Yang de Chiao Tung
Univ. Nacional Chiao Tung
Univ. Jiao Tong
Fundação 1896
Tipo de instituição Pública
Localização Xangai,  China
Reitor(a) Zhang Jie (张杰)
Docentes 2979
Graduação 16802
Campus Urbano
Mascote Mike, um tigre-de-bengala
Afiliações Liga C9, Universitas 21
Página oficial http://en.sjtu.edu.cn

A Universidade de Xangai Jiao Tong ou Universidade Jiao Tong de Xangai (Chinês simplificado: 上海交通大学; Chinês tradicional: 上海交通大學; pinyin: Shànghǎi Jiāotōng Dàxué; Siglas: Jiao Da (交大) ou SJTU) é uma instituição de ensino superior da República Popular da China, localizada na cidade de Xangai. As suas origens remontam a 1896 com a fundação da escola pública Nan Yang. O nome definitivo foi adquirido em 1959 e é uma das universidades mais antigas da China. Depende diretamente do Ministério da Educação e do município de Xangai.

Esta universidade é reconhecida pelo seu papel destacado nas ciências e nas engenharias. Atingiu também fama mundial devido a incluir, entre as suas numerosas escolas e centros de investigação, o Centro para Universidades de Categoria Mundial (em inglês: Center for World-Class Universities) que se encontra muito ativo a nível internacional no estudo da metodologia para a classificação académica de universidades de todo o mundo, pela qual foi responsável até 2008.

História[editar | editar código-fonte]

Em 1896, a Escola Pública Nanyang (南洋公學) foi fundada em Xangai por um édito imperial emitido pelo imperador Guangxu, para o Gabinete de Negócios e Telégrafos do governo imperial. Quatro escolas foram fundadas: uma escola normal, uma escola de estudos estrangeiros, uma escola média e uma escola superior. Sheng Xuanhuai, o mandarim responsável por propor a ideia ao imperador Guangxu, foi o primeiro presidente e é considerado o fundador da universidade, com assistência de John Calvin Ferguson, missionário e pedagogo.

Hoje, após várias mudanças de nome e de programa educativo no século XX, a universidade tem uma grande dimensão. Tem 31 escolas (departamentos), 63 programas de graduação, 250 programas de mestrado, 203 de doutoramento, 28 de pós-doutoramento e alberga 11 laboratórios de estado e centros de investigação nacional na área de engenharias.

Tem 42881 estudantes, dos quais 1598 são internacionais. Tem 17766 em cursos para primeiro grau, 24017 para mestrado e doutoramento.[1]

Tem mais de 1900 professores, incluindo 15 académicos membros da Academia Chinesa de Ciências, 20 académicos membros da Academia Chinesa de Engenharia, 92 professores acreditados e catedráticos do "Cheung Kong Scholars Program".


Graduados destacados[editar | editar código-fonte]

Professores destacados[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «About SJTU - Overview» 
  2. «Ex-estrela da NBA, Yao Ming se forma em economia na China». ESPN. 9 de julho de 2018. Consultado em 12 de julho de 2018 
  3. « Le Pr Montagnier recruté par la Chine », Le Figaro, 4-12-2010, consultado em www.lefigaro.fr em 12-2-2011