Universidade Monash

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edifício Robert Menzies no Campus Clayton.

A Universidade Monash (em inglês: Monash University) é uma universidade pública, com campi localizados em Victoria, Malásia e África do Sul. É uma das maiores universidades da Austrália, com cerca de 55.000 estudantes, e está classificada entre as cinco melhores universidades do país.[1]

Em 2009 foi eleita a 45ª melhor universidade do mundo.[2]

Acelerador de partículas e radiação síncrotron, localizado na Faculdade de Física. A universidade foi classificada como a melhor da Austrália para os cursos de engenharia, física e química.[3]

Campi[editar | editar código-fonte]

A universidade possui um total de oito campi: seis em Victoria, Austrália (Clayton, Caulfield, Berwick, Peninsula, Parkville e Gippsland), uma na Malásia e um na África do Sul. A universidade também possui uma unidade em Prato, Itália, o que a torna a mais globalizada das universidades australianas.

Notas e Referências

  • Sir Robert Blackwood. Monash University: he first ten years. Melbourne, Hampden Hall, 1968
  • Simon Marginson. Monash: Remaking the University. Allen & Unwin, 2000.
  • Sir Louis Matheson. Still learning. South Melbourne, Macmillan, 1980.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre instituição de ensino superior é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.