Universidade Nacional da Guiné Equatorial

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Universidade Nacional da Guiné Equatorial
Universidad Nacional de Guinea Ecuatorial
UNGE
Lema Uniuscuiusque et omnibus universitas
Universidade para todos, mesmo para as mais simples pessoas
Fundação 1995 (21 anos)
Tipo de instituição Pública
Mantenedora Ministério da Educação e Ciências
Localização Malabo, Guiné Equatorial
Reitor(a) Felisberto Ntutumu Nguema Nchama[1]
Campi Malabo
Bata
Página oficial unge.education

A Universidade Nacional da Guiné Equatorial - UNGE (do espanhol: Universidad Nacional de Guinea Ecuatorial), é uma instituição pública de ensino superior, sendo a principal universidade da República da Guiné Equatorial na África Central. Conta com um campus principal em Malabo, assim como uma Facultade de Medicina em Bata. Seu atual Reitor é Felisberto Ntutumu Nguema Nchama, que sucedeu a D. Carlos Nse Nsuga.

A UNGE foi fundada em 1995.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

A UNGE é composta de 6 escolas universitárias principais:

  • Escola de Estudos Agropecuários
  • Escola de Pesca e Florestal
  • Escola de Professorado
  • Escola de Medicina
  • Escola de Administração
  • Escola de Engenharia

Ela possui também uma Faculdade de Letras e Ciências Sociais para as carreiras de licenciatura em Direito, Ciências Políticas, Filologia e Informação e Comunicação.

A residência do campus da Malabo tem uma capacidade de 200 lugares.

A UNGE tem assinado vários acordos com várias universidades espanholas, como a Universidade Nacional de Educação à Distância, a Universidade Miguel Hernández e a Universidade de Alcalá de Henares.

A Escolas Universitárias de Engenharias Técnicas, Formação de Professorado, Faculdade de Medicina e Enfermaria se encontram na parte continental do país, mais especificamente em Bata.

  1. Guiné Equatorial: Presidente destitui a direcção da Universidade Nacional - Portal Angop