Ursulino Tavares Leão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ursulino Tavares Leão
Nascimento 10 de setembro de 1923
Crixás
Morte 19 de outubro de 2018
Goiânia
Nacionalidade Brasileiro
Ocupação advogado
escritor
político

Ursulino Tavares Leão (Crixás, 10 de setembro de 1923Goiânia, 19 de outubro de 2018[1]) foi um advogado, escritor e político brasileiro.

Foi governador interino de Goiás, de 2 a 12 de julho de 1973.[2]

É o ocupante da cadeira 20 desde 1967 da Academia Goiana de Letras.[3]

Obras publicadas[editar | editar código-fonte]

  • Romances:

Maya

Rio de Janeiro. Irmãos Pongetti Editores, 1949.

Praça de Vereda Maior

Rio de Janeiro. Editora Nova Fronteira, 1986.

A Procissão do Silêncio

São Paulo. Global Editora, 1990.

Baldeação para Nínive

Rio de Janeiro, Editora Nórdica, 1994.

A Maldição da Cruz

São Paulo. Editora Nórdica, 1996.

Judith

São Paulo. Editora Marco Zero, 1998.

Depois e Ainda

São Paulo. Editora Marco Zero, 2002.

  • Contos:

Existência de Marina

Goiânia. Irmãos Oriente Editores, 1962.

Fonte Expressa

São Paulo. Edições MM, 1975.

Rodovia Preferencial

Rio de Janeiro. Editora Cátedra, 1981.

Idílio na Serra da Figura

Goiânia. Editora Contato comunicação, 2015.

  • Crônicas:

Livro de Ana

Goiânia. Irmãos Oriente Editores, 1972.

Segundo Livro de Ana

Goiânia. Editora do Jornal O Popular, 1980.

Crônicas & Outras Histórias

Goiânia. Editora de O Popular, 1998.

(em parceria com os demais cronistas deste jornal)

Vaga-lumes da neblina

Goiânia. Editora da Pontifícia Universidade Católica de

Goiás, 2005.

Terceiro Livro de Ana

Goiânia. Editora Kelps, 2013.

Gyn

Goiânia. Editora Contato Comunicação, 2015.

  • Poesia:

Salmos da Terra

Goiânia. Editora Policor, 1985.

Estiagem

Goiânia. Editora Kelps, 209.

  • Ensaios:

Roteiro dos Sentimentos da Cidade de Goiás

Goiânia. Editora da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, 2003.

O Velho Avesso do Novo

Goiânia. Editora Kelps, 2005. Em parceria com Lena Leão.

Santidade e Poesia

Goiânia. Editora da Pontifícia Universidade Católica de Goiás, 2006.

Presença do Tribunal de Justiça na História de Goiás

Goiânia. Fundação de Apoio e à Pesquisa da Universidade Federal de Goiás, 2010. Em parceria com Maria Augusta de Sant’Anna Moraes.

Lírios do campo para Jesus de Nazaré

         Goiânia. Editora Contato Comunicação, 2015.

  • Opúsculos:

Confissão do Abandono

discurso de posse na Academia Goiana de Letras

Goiânia. Irmãos Oriente Editores, 1968.

Estudo sobre Aluísio de Azevedo

discurso de posse na Academia Brasiliense de Letras

Goiânia. Irmãos Oriente Editores, 1975.

A Nossa responsabilidade na Paz

palestra na Conferência do Distrito 453, do Rotery Internacional, em 1959. 

Referências

  1. Morre o escritor Ursulino Leão
  2. «Dossie Goiás, Relação de Governadores». Goiasnet. Consultado em 25 dezembro de 2013 
  3. «Ursulino Tavares Leão». Academia Goiana de Letras. Consultado em 25 de dezembro de 2013 

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Leonino Di Ramos Caiado
Governador de Goiás
1973
Sucedido por
Leonino Di Ramos Caiado


Ícone de esboço Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.