Usina Nuclear de Balakovo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

52° 05′ 28″ N, 47° 57′ 19″ L

Usina Nuclear de Balakovo

A Usina Nuclear de Balakovo (em russo: Балаковская АЭС Loudspeaker.svg? pronunciação) é uma usina nuclear localizada em Balakovo, Oblast Saratov na Rússia, a cerca de 900 km no sudeste de Moscou. Ela consiste em 4 reatores operacionais; uma quinta undiade está em construção. A Rosenergoatom é a dona e operadora da usina elétrica.

A Usina de Balakovo participa de projetos de "geminação" com usinas nucleares da Europa e Rússia, tendo parceria com a Usina Nuclear de Biblis desde 1990.[1]

Reatores[editar | editar código-fonte]

A Usina Nuclear de Balakovo tem 4 unidades em operação, com potência total instalada de 4 000 MW e produção anual de 29 GWh de eletricidade.

Unidade[2] Tipo de reator Capacidade
líquida
Capacidade
total
Início da
construção
Conexão com
a rede
Operação
comercial
Desativação
Balakovo-1 VVER-1000/320 950 MW 1,000 MW 01/12/1980 28/12/1985 23/05/1986 2045(planejado)
Balakovo-2 VVER-1000/320 950 MW 1,000 MW 01/08/1981 08/10/1987 12/01/1988 2033(planejado)
Balakovo-3 VVER-1000/320 950 MW 1,000 MW 01/11/1982 25/12/1988 08/04/1989 2034(planejado)
Balakovo-4 VVER-1000/320 950 MW 1,000 MW 01/04/1984 12/05/1993 22/12/1993 2023(planejado)
Balakovo-5 VVER-1000/320 950 MW 1,000 MW 01/04/1987 - - Construção suspensa 28/12/1992
Balakovo-6 VVER-1000/320 950 MW 1,000 MW 01/05/1988 - - Construção suspensa 28/12/1992
Usina Nuclear de Balakovo
Visão interior 
Manutenção da turbina de vapor 
Reator em construção 
Visão aérea 
Estação de distribuição 
Sala de controle 
Transporte do gerador de vapor 
Construção da unidade 5 

Incidentes[editar | editar código-fonte]

Em 27 de junho de 1985 durante a ativação da primeira unidade de reator, um erro humano (mais tarde atribuído a inexperiência e pressa) resultou na abertura de uma válvula de pressão e vapor de 300 °C entrou a área de trabalho dos funcionários. Quatorze pessoas foram mortas.[3] Esse evento é citado como um dos predecessores do Desastre de Chernobyl.[4]


Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Kraftwerk Biblis: WANO-Partnerschaft mit Balakovo jährt sich zum 20. Mal». RWE (em alemão). 29 de setembro de 2010  Parâmetro desconhecido |acesodata= ignorado (ajuda)
  2. Power Reactor Information System of the IAEA: „Russian Federation: Nuclear Power Reactors“
  3. «Accidents 1980's». nuclearfiles.org. 17 de maio de 2009 [ligação inativa]  Parâmetro desconhecido |acesso-data= ignorado (ajuda); Parâmetro desconhecido |arquivo-url= ignorado (ajuda); Parâmetro desconhecido |arquivo-data= ignorado (ajuda)
  4. Medvedev, Grigory. "The Truth About Chernobyl", I. B, Tauris, Londres, 1 de janeiro de 1991, ISBN 1850433313.

Links Externos[editar | editar código-fonte]