Vírus da hepatite A

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaVírus da hepatite A
Vírus da Hepatite A - corte de microscopia eletrônica
Vírus da Hepatite A - corte de microscopia eletrônica
Classificação científica
Grupo: Grupo IV ((+)ssRNA)
Reino: Animal
Divisão: 2:4
Classe:
Família: Picornaviridae
Género: Hepatovírus
Espécie: Hepatitis A virus

O vírus da hepatite A é da familia dos picornavirus, e o seu genoma é de RNA unicatenar (simples) positivo (é usado directamente como mRNA na síntese proteica). Tem capsídeo icosaédrico, mas não possui envelope. O vírus é muito resistente a condições externas adversas.[1]

Pode sobreviver em rios e mares por meses. É resistente a ácidos (PH 1), calor (60oC), secura, sal e solventes. Ferver a água é um método eficiente para destruir-lo. É muito comum encontrar-lo em locais sem tratamento de água e esgoto infectando mais de 90% da população, principalmente crianças.[2]

Espécies[editar | editar código-fonte]

Pelo menos 13 espécies adicionais do gênero Hepatovírus foram identificadas. Essas espécies infectam morcegos, roedores, ouriços e musaranhos. A análise filogenética sugere uma origem roedora para a hepatite A. A cepa humana só se transmite de humano a humano.[3]

Transmissão[editar | editar código-fonte]

A transmissão é geralmente por via fecal-oral, principalmente água contaminada, raramente é transmitido pelo sangue e por sexo anal. Mariscos contaminados são uma importante fonte dessa infecção e causaram muitas epidemias. [4]

Vacina[editar | editar código-fonte]

Existe uma vacina feita com uma forma atenuada desse vírus e aplicada no primeiro e segundo anos de vida que gera imunidade por 20 anos em 90% dos casos. [5] Com a vacinação o número de casos por ano caiu 90% na China e nos EUA.[6]

Referências

  1. Cristina J, Costa-Mattioli M (August 2007). "Genetic variability and molecular evolution of hepatitis A virus". Virus Res. 127 (2): 151–7. doi:10.1016/j.virusres.2007.01.005. PMID 17328982.
  2. Steffen R (October 2005). "Changing travel-related global epidemiology of hepatitis A". Am. J. Med. 118 (Suppl 10A): 46S–49S. doi:10.1016/j.amjmed.2005.07.016. PMID 16271541.
  3. Drexler JF, Corman VM, Lukashev AN, van den Brand JM, Gmyl AP, Brünink S, Rasche A, Seggewiss N, Feng H, Leijten LM, Vallo P, Kuiken T, Dotzauer A, Ulrich RG, Lemon SM, Drosten C (2015). "Hepatovirus Ecology Consortium. Evolutionary origins of hepatitis A virus in small mammals". Proc Natl Acad Sci U S A. 112 (49): 15190–15195. doi:10.1073/pnas.1516992112. PMC 4679062. PMID 26575627.
  4. Lees D (2000). "Viruses and bivalve shellfish". Int. J. Food Microbiol. 59 (1–2): 81–116. doi:10.1016/S0168-1605(00)00248-8. PMID 10946842.
  5. "Hepatitis A Vaccine: What you need to know" (PDF). Vaccine Information Statement. CDC. 2006-03-21. Archived (PDF) from the original on 2007-11-20. Retrieved 2007-03-12.
  6. Cui F, Hadler SC, Zheng H, Wang F, Zhenhua W, Yuansheng H, Gong X, Chen Y, Liang X, et al. (2009). "Hepatitis A surveillance and vaccine use in China from 1990 through 2007". J Epidemiol. 19 (4): 189–195. doi:10.2188/jea.JE20080087. PMID 19561383.
Ícone de esboço Este artigo sobre vírus é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.