Servidor virtual privado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de VPS)

Servidor virtual privado, do inglês Virtual Private Server (VPS), é uma máquina virtual vendida como um serviço por uma empresa de hospedagem. O servidor virtual possui seu próprio sistema operacional dedicado e o cliente possui acesso superusuário, permitindo a instalação de qualquer software que seja compatível com o sistema operacional instalado.[1]

Conceito[editar | editar código-fonte]

O conceito de um servidor privado virtual pode ser melhor explicado como uma máquina virtual que atende às necessidades individuais de um usuário apenas como um computador físico separado que é dedicado a um usuário particular. O servidor virtual dedicado oferece a mesma funcionalidade e privacidade que um computador físico normal. Vários servidores virtuais privados podem ser instalados em um único servidor físico, com cada um rodando seu próprio sistema operacional.[1]

Um servidor privado virtual pode consistir de software de servidor Web, um programa de Protocolo de Transferência de Arquivos (FTP), um programa de servidor de e-mail e diferentes tipos de software de aplicação, como, por exemplo, servidores de jogos online[2], sites de comércio eletrônico.[1] ou operação nos mercados financeiros.[3]

Hospedagem[editar | editar código-fonte]

Com a evolução do software e da tecnologia de virtualização, um grande número de empresas está oferecendo hospedagem de servidores virtuais privados a um custo razoável. A hospedagem se divide entre gerenciada e não-gerenciada ou não-configurada, caso em que o usuário é responsável pelo gerenciamento e monitoramento do servidor e pode transferir uma quantidade ilimitada de dados em uma linha fixa de largura de banda.[1]

Motivação[editar | editar código-fonte]

O servidor virtual privado é usado para diminuir custos, já que por um valor menor oferece os mesmos serviços, com o diferencial de compartilhar hardware com outros usuários. As funções e recursos do servidor geralmente são projetados para operar isoladamente. Em outras palavras os servidores virtuais seriam como quartos de hotéis, que ficam em grandes edifícios, que nesse caso seriam os servidores físicos. O baixo custo e o isolamento motiva diretamente a demanda por servidores virtuais privados para reter funções e recursos de servidor conflitantes em uma única máquina de hospedagem. Além disso, o advento de redes criptografadas por máquina virtual diminui os riscos de passagem que poderiam ter desencorajado o uso de VPS como um servidor de hospedagem legítimo.

Desvantagens[editar | editar código-fonte]

Uma das desvantagens está relacionada justamente ao fato de ser um servidor virtualizado e dependente de um único hardware para realizar tarefas para mais de um servidor virtual ao mesmo tempo.

Outra desvantagem está ligada a necessidade de conhecimento técnico, já que a virtualização exige uma configuração para a sua finalidade de uso, como instalação de softwares e suas configurações.[4]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d «Definition - What does Virtual Private Server (VPS) mean?» (em inglês). Techopedia. Consultado em 13 de Abril de 2018 
  2. «Hospedagem de jogos online usando um VPS Gamer - Blog da DokeHost». 14 de maio de 2021. Consultado em 20 de março de 2022 
  3. «Como as pessoas estão ganhando dinheiro com Forex metatrader usando VPS | BH Servers». Consultado em 17 de dezembro de 2021 
  4. Vaz, Ewerton da Costa (27 de outubro de 2019). «Servidor VPS o que é, vantagens e desvantagens». Blog do Ewerton. Consultado em 17 de dezembro de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre Tecnologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.