Vacina contra febre amarela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vacina contra febre amarela
Posto de vacinação da febre amarela.jpg

Posto temporário de vacinação contra a febre amarela, em São Paulo.

Estatuto OMS
Medicamento esencial (en)Visualizar e editar dados no Wikidata

A vacina contra febre amarela é uma vacina que protege contra a febre amarela, uma infecção do tipo viral que afeta a África e América do Sul. A maioria das pessoas começam a desenvolver imunidade no prazo de dez dias e 99% estão protegidos dentro de um mês após a vacinação o qual parece ser ao longo da vida. A vacina pode ser usada para controle de surtos da doença. É aplicada por injecção no músculo ou sob a pele.[1]

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda a imunização de rotina em todos os países onde a doença é comum. Isto deve ocorrer normalmente entre nove e doze meses de idade. Aqueles que viajam para áreas onde a doença ocorre, também devem ser imunizados.[1] Doses adicionais após a primeira geralmente não são necessárias.[2]

A vacina contra febre amarela geralmente é segura. Isso inclui aqueles com infecção pelo HIV, mas sem sintomas. Efeitos colaterais leves podem incluir dor de cabeça, dores musculares, dor no local da injecção, febre e erupção cutânea. Alergias graves ocorrem em cerca de oito por milhões de doses, problemas neurológicos graves ocorrem em cerca de quatro por milhão de doses, e a falha do órgão ocorre em cerca de três por milhão de doses. É provavelmente segura na gravidez e, portanto, recomendada para aquelas que serão potencialmente expostas.[1] Não deve ser dada àqueles com função imune muito deficiente.[3]

A vacina surgiu em 1937[4] e está na Lista de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial de Saúde, os medicamentos necessários mais eficazes e seguros em um sistema de saúde.[5] Em 2014, o preço de atacado em países em desenvolvimento é de US$ 4,30 a US$21,30 por uma dose.[6] Nos Estados Unidos, custa entre US$50 e US$100.[7] A vacina é feita a partir do vírus enfraquecido. Alguns países exigem certificado de vacinação contra a febre amarela antes da entrada em uma área onde a doença é comum.[1]

Referências

  1. a b c d «Vaccines and vaccination against yellow fever. WHO position paper -- June 2013.» (PDF). Releve epidemiologique hebdomadaire / Section d'hygiene du Secretariat de la Societe des Nations = Weekly epidemiological record / Health Section of the Secretariat of the League of Nations. 88. PMID 23909008 
  2. «Yellow Fever Vaccine Booster Doses: Recommendations of the Advisory Committee on Immunization Practices, 2015». MMWR. Morbidity and Mortality Weekly Report. 64. PMID 26086636 
  3. «Yellow Fever Vaccine» 
  4. «Yellow fever and Max Theiler: the only Nobel Prize for a virus vaccine». J. Exp. Med. 204. PMC 2118520Acessível livremente. PMID 18039952. doi:10.1084/jem.20072290 
  5. «WHO Model List of Essential Medicines (19th List)» (PDF). World Health Organization 
  6. «Vaccine, Yellow Fever». International Drug Price Indicator Guide [ligação inativa]
  7. Hamilton, Richart (2015). Tarascon Pocket Pharmacopoeia 2015 Deluxe Lab-Coat Edition. [S.l.: s.n.] ISBN 9781284057560