Vacina meningocócica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A vacina meningocócica refere-se a qualquer uma das vacinas usadas para prevenir a infecção por Neisseria meningitidis.[1] Versões diferentes são eficazes contra alguns ou todos os seguintes tipos de meningococos: A, C, W-135 e Y. As vacinas têm uma eficácia avaliada entre 85 e 100% por, pelo menos, dois anos, provocando a diminuição da meningite e sepse entre as populações onde são amplamente utilizadas.[2][3] São aplicadas por injeção intramuscular ou injeção subcutânea.[1]

A Organização Mundial de Saúde recomenda que os países com índice alto ou moderado da doença ou com epidemias frequentes vacinem rotineiramente a população. Em países com um baixo risco de doença, recomenda-se que os grupos de indivíduos de alto risco sejam vacinados. Nas regiões africanas com meningite, estão em andamento esforços para vacinar todas as pessoas entre os um e trinta anos de idade com a vacina meningocócica A. conjugada.[1][4] No Canadá e Estados Unidos, recomenda-se o uso rotineiro de vacinas eficazes contra os quatro tipos de meningococos para adolescentes e outros indivíduos de alto risco.[1] A Arábia Saudita exige a vacinação rotineira dos viajantes internacionais que se dirijam a Meca e a Haje com a vacina quadrivalente.[5]:15[1]

A segurança da vacina geralmente é boa. Algumas pessoas desenvolvem dor e vermelhidão no local da injeção. O uso durante a gravidez parece ser seguro. Reações alérgicas graves ocorrem em menos do que um em um milhão de doses.[1]

A primeira vacina meningocócica tornou-se disponível na década de 1970.[6] Constam na Lista de Medicamentos Essenciais da Organização Mundial de Saúde, os medicamentos considerados os mais eficazes e seguros de um sistema de saúde.[7] O custo bruto nos países em desenvolvimento ronda os 3.23 e 10.77 dólares por dose, em 2014.[8] Nos Estados Unidos o preço por cada programa de vacinação varia entre 100 a 200 dólares.[9]

Referências

  1. a b c d e f «Meningococcal vaccines: WHO position paper» (PDF). Weekly epidemiological record. 86. PMID 22128384 
  2. «Polysaccharide vaccines for preventing serogroup A meningococcal meningitis.». The Cochrane Database of Systematic Reviews. PMID 15674874. doi:10.1002/14651858.CD001093.pub2 
  3. «Conjugate vaccines for preventing meningococcal C meningitis and septicaemia.». The Cochrane Database of Systematic Reviews. PMID 16855979. doi:10.1002/14651858.CD001834.pub2 
  4. «Meningococcal A conjugate vaccine: updated guidance, February 2015.» (PDF). Weekly epidemiological record. 90. PMID 25702330 
  5. «Saudi Arabia: Hajj/Umrah Pilgrimage - Chapter 4 - 2018 Yellow Book | Travelers' Health | CDC». wwwnc.cdc.gov (em inglês) 
  6. Barrett, Alan D.T. (2015). Vaccinology: an essential guide. [S.l.: s.n.] ISBN 9780470656167 
  7. «WHO Model List of Essential Medicines (19th List)» (PDF). World Health Organization 
  8. «Vaccine, Meningococcal». International Drug Price Indicator Guide 
  9. Hamilton, Richart (2015). Tarascon Pocket Pharmacopoeia 2015 Deluxe Lab-Coat Edition. [S.l.: s.n.] ISBN 9781284057560