Vadico Valdir Bucchi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade. (desde junho de 2018)
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Wadico Waldir Bucchi
14º Presidente do Banco Central do Brasil
Período 23 de junho de 1989 até
14 de março de 1990
Presidente José Sarney
Antecessor(a) Elmo de Araújo Camões
Sucessor(a) Ibrahim Eris
Dados pessoais
Nascimento 4 de agosto de 1951 (66 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade brasileiro
Alma mater Universidade Mackenzie
Profissão empresário

Wadico Waldir Bucchi (São Paulo, 4 de agosto de 1951), é um administrador brasileiro e foi presidente do Banco Central do Brasil de 1989 a 1990.

É casado com Maria Amélia Correa Bucchi, com quem tem três filhos.

Administrador de empresas e contador pela Universidade Mackenzie, mestre em finanças (minor in Monetary Policy) pela Universidade da Califórnia e doutor em finanças pela Universidade de São Paulo.

Foi presidente (1989/1990) e diretor da Área Bancaria do Banco Central do Brasil (1987/1990), secretário geral do Conselho Monetário Nacional e governador adjunto do Fundo Monetário Internacional, do Banco Mundial e do Banco InterAmericano de Desenvolvimento, alem de executivo e membro do conselho de administração de empresas brasileiras acumulando mais de quarenta anos de atuação profissional.

Em 1989 foi o primeiro presidente do Banco Central a ser sabatinado e aprovado pelo Senado Federal conforme determina a Constituição Federal de 1988. Como diretor da área bancaria, foi o coordenador geral do projeto de criação de bancos múltiplos no Brasil, e dos estudos iniciais para a criação de um Fundo Garantidor de Créditos.

Chefiou e/ou integrou diversas missões oficiais do governo brasileiro nos Estados Unidos, Canadá, Espanha, Inglaterra, Israel, Japão, México, Bolívia, Uruguai, Venezuela, etc., e junto a organismos internacionais como o Banco Mundial, o Fundo Monetário Internacional, o Banco InterAmericano de Desenvolvimento e o Eximbank do Japão.

É professor concursado das disciplinas Custo e Estrutura de Capital, e Gestão de Investimentos do curso de graduação, e da disciplina Tópicos Avançados de Finanças dos cursos de mestrado e doutorado em finanças da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (desde 1984).

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Dicionário Histórico-Biográfico Brasileiro, Fundação Getúlio Vargas


Precedido por
Elmo de Araújo Camões
Presidente do Banco Central do Brasil
1989 — 1990
Sucedido por
Ibrahim Eris


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.