Vdara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vdara Hotel &Spa
Vdara visto do Aria Hotel
Tipo Condo-hotel
Arquiteto Rafael Viñoly
Fim da construção 14 de maio de 2008 (11 anos)
Inauguração 01 de dezembro de 2009 (9 anos)
Proprietário atual MGM Resorts International
Infinity World Development
Website www.vdara.com
Dimensões
Altura 176 m
Número de andares 57
Área do andar 180.525 m²
Geografia
País  Estados Unidos
Cidade Las Vegas, Nevada

Vdara Hotel & Spa é um condomínio-hotel e spa de 57 andares de 150.000 m², localizado dentro do complexo CityCenter em frente ao Aria Resort & Casino na Las Vegas Strip, Paradise, Nevada. O Vdara foi inauguradao em 1º de dezembro de 2009 como uma joint venture entre a MGM Resorts International e a Infinity World Development.

O edifício tem 176 metros de altura e abriga 1.495 suítes; um spa de dois andares, salão de beleza e centro fitness; um mercado e um bar. Ele também tem 3 700 m² entre piscina e área de convés. O Vdara não possui espaço para cassino e, juntamente com o Waldorf Astoria, é um dos dois hotéis para não-fumantes do complexo CityCenter. [1] Em 2010, descobriu-se que a superfície reflexiva e o design côncavo do hotel podem funcionar como um refletor parabólico que cria condições de temperatura extremamente alta no deque da piscina. [2] [3]

Em 2011, a Vdara recebeu seu primeiro Prêmio AAA Four Diamond. [4]

O nome do hotel (pronuncia-se “vuh-DAH-ruh”) [5] foi elaborado pelo grupo de design original da propriedade: O “V” em Vdara significa “Vegas” e “ara” foi criado para evocar o design high-end estabelecido, como o Aviara ou Bacara. [5]

História[editar | editar código-fonte]

Vdara, projetado por Rafael Vinoly da RV Architecture, LLC, é um condo-hotel, localizado entre o Aria Resort & Casino e o Bellagio. A torre de 57 andares da Vdara abriga 1.495 unidades residenciais, variando de 48,9 a 162,6 m². O arquiteto de registro era Leo A. Daly, com Lamberto Smigliani como gerente de projetos, enquanto a firma Hamilton Anderson Associates, com sede em Detroit, era a AOR dos quartos de hóspedes internos. Peter Schroeder, da Tishman Construction Corporation, atuou como Gerente Sênior de Projetos e Rick Lorimer foi o Gerente de Projetos da Perini Building Company, os projetos da General Contractor. A Vdara foi a primeira torre a ser inaugurada em 1º de dezembro de 2009. O Vdara foi o primeiro dos seis edifícios no projeto a serem completados em 14 de maio de 2008.

O Vdara foi o primeiro de seis projetos a serem concluídos como parte do complexo CityCenter de US$ 8,5 bilhões. A inauguração da Vdara em 1 de dezembro de 2009 foi seguida pelo The Crystals, um shopping center de varejo; Mandarin Oriental e Aria Resort & Casino no mesmo mês. [6] Antes de sua inauguração, a Vdara foi designada como um edifício Prêmio LEED de Ouro e recebeu uma classificação de cinco chaves do Green Key Eco-Rating Program. [7] [8] Projetado por Rafael Viñoly da RV Architecture, LLC, a estrutura em forma de crescente de 57 andares do Vdara é formada por três arcos paralelos e deslocados de diferentes alturas. Devido ao seu design de arco escalonado, a Vdara contém seis suítes de canto por andar, em comparação com quatro em um edifício convencional. A curvatura do edifício foi projetada como complementar aos arcos do Aria Resort & Casino, localizado em uma entrada circular compartilhada.

Vdara Hotel & Spa em 2010

Convergência solar[editar | editar código-fonte]

Em 2010, foi estabelecido que a superfície reflexiva e o design côncavo do edifício podem funcionar como um espelho coletor. A radiação incidente paralela do sol é parcialmente refletida e concentra-se em uma dimensão para uma linha vertical ainda unidimensional, que se situa cerca de f = 50 m em frente da fachada e atinge o solo. [9]

Algumas fontes afirmam: Os raios refletidos do sol criam condições perigosas de temperatura extremamente alta no deque da piscina. Funcionários do hotel, bem como agências de notícias locais, supostamente passaram a chamar o fenômeno de "raio da morte", com a administração descrevendo-o como uma "convergência solar". [2] [10] A administração do Vdara considerou várias soluções, mas o desafio de superar o problema estrutural e de design é que o sol e seu reflexo são alvos que estão constantemente se movendo durante o dia.[2] Enquanto isso, a gerência instalou grandes guarda-sóis azuis no deck da piscina para proteger os banhistas, [3] enquanto o exterior do vidro do hotel foi coberto com filme não-reflexivo. [11]

O arquiteto que projetou o Vdara, Rafael Viñoly, também projetou o arranha-céu "Walkie-Talkie" em Londres, Reino Unido, construído em 2013, que foi apelidado de "Walkie-Scorchie" e "Fryscraper" devido a um semelhante problema de reflexão dos raios solares. [11] [12] [13]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «CityCenter commemorates construction milestone». Casino City Times 
  2. a b c «Vdara visitor: 'Death ray' scorched hair». Las Vegas Review-Journal 
  3. a b "The 'death ray hotel' burning Las Vegas visitors came up with a simple fix" by Leanna Garfield, Business Insider, 30 June 2016
  4. «Guy Savoy celebrate 5 years at Caesars; XS at night; Vdara wins award». Las Vegas Sun 
  5. a b «View From Vegas: Vegas Gone Wild». Smart Meetings 
  6. «CityCenter's Vdara officially open for business». msnbc 
  7. «Strip Hotels garner LEED gold». Las Vegas Sun 
  8. «MGM Resorts touts green award in Vegas, Detroit». Las Vegas Appeal 
  9. Vdara hotel maps.google.com – satellite view allows to see, that the concave – full rectangular – rectangular forefront facade has a horizontally bending radius r of about 100 m, which makes the focal length (f = r / 2) to be about 50 m, is bent about circular, is about 60 m broad and its area faces to SSW. The much less compact facade right behind the first one has a similar radius and faces to south. Vdara lies 36.11 degrees north, the air temperatures can rise pretty high in Las Vegas.
  10. «'Death ray' at Vegas hotel pool heats up guests» 
  11. a b "'[Vdara] was a completely different problem,' said Viñoly, insisting he was following a masterplan that specified arc-shaped towers. 'We pointed out that would be an issue too, but who cares if you fry somebody in Las Vegas, right?'" : from "Walkie Talkie architect 'didn't realise it was going to be so hot'" by Oliver Wainwright, The Guardian, 6 September 2013
  12. «Death Ray II». NPR 
  13. "From the Walkie Talkie to the Death Ray Hotel: buildings turn up the heat" by Jon Henley, The Guardian, 3 September 2013