Veiga de Lila

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Portugal Portugal Veiga de Lila 
  Freguesia  
Igreja Matriz de Veiga de Lila
Igreja Matriz de Veiga de Lila
Símbolos
Bandeira de Veiga de Lila
Bandeira
Brasão de armas de Veiga de Lila
Brasão de armas
Localização
Veiga de Lila está localizado em: Portugal Continental
Veiga de Lila
Localização de Veiga de Lila em Portugal
Coordenadas 41° 31' 24" N 7° 19' 29" O
Município Brasão de Valpaços.png Valpaços
Administração
Tipo Junta de freguesia
Presidente Carlos Emanuel Eiris Ferreira (PPD/PSD)
Características geográficas
Área total 14,37 km²
População total (2011) 303 hab.
Densidade 21,1 hab./km²
Código postal 5430-620 Veiga de Lila
Outras informações
Orago Santa Maria Maior

Veiga de Lila é uma freguesia portuguesa do concelho de Valpaços, com 14,37 km² de área e 303 habitantes (2011) o que perfaz uma densidade populacional de 21,1 habitantes/km².

População[editar | editar código-fonte]

Número de habitantes [1]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
331 321 275 306 344 373 392 497 523 499 386 450 374 330 261

(Obs.: Número de habitantes "residentes", ou seja, que tinham a residência oficial neste concelho à data em que os censos se realizaram.)

Distribuição da População por Grupos Etários em 2001 e 2011
Idade 0-14 15-24 25-64 > 65 0-14 15-24 25-64 > 65
2001 52 48 152 78 15,8% 14,5% 46,1% 23,6%
2011 20 25 124 92 7,7% 9,6% 47,5% 35,2%

Orago e Etimologia[editar | editar código-fonte]

Apesar do orago da freguesia de Veiga de Lila ser Santa Maria Maior, a principal festa religiosa realiza-se em honra de Santa Bárbara no segundo fim de semana de Setembro de cada ano, tendo sido edificada uma capela em honra de Santa Bárbara no monte com o mesmo nome.

Em relação à etimologia do nome deste freguesia, este deriva do latim pré-romano “baika”, que origina o topónimo Veiga que significa planície fértil com o devido sentido topográfico associado.

Em relação ao determinativo «Lila» dado a Veiga este deriva e é alusivo ao facto da localidade ser banhada pela Ribeira de Lila, afluente do Rio Rabaçal, servindo também este determinativo para distinguir esta das outras Veigas existentes no país, resultado daqui a designação de Veiga de Lila.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Veiga de Lila é a maior e a mais bem localizada aldeia da zona sul do concelho, bem como a que gera mais emprego principalmente no sector da Construção Civil e afins, nomeadamente Serralharia e Carpintaria, sendo por conseguinte o principal pólo de desenvolvimento da zona sul do concelho de Valpaços, ficando situada a cerca de 12 km da cidade e sede de concelho, Valpaços.

Esta freguesia fica situada nas abas da Serra de Santa Comba e cobre uma vasta e fértil área adjacente à Ribeira de Lila afluente do Rio Rabaçal, devendo com certeza a este factor o seu desenvolvimento, bem como ao facto da sua localização estratégica na derivação de 3 estradas municipais que servem toda a zona sul do concelho fazendo inclusive uma delas ligação com a A4 através do nó de acesso do Franco.

História[editar | editar código-fonte]

O povoamento do território deve ser muito anterior ao século XII, atenta a sua situação geográfica, e já nas célebres inquirições ordenadas por D. Afonso III em 1258, foram abrangidas terras foreiras, ou melhor, reguengos de Veiga de Lila e aí se refere "que sunt querem domine regis", atestando assim a importância do Vale do Lila e consequente importância da localidade para a coroa.

Erecto o concelho de Carrazedo de Montenegro, depois do século XVI, a freguesia de Veiga de Lila, já instituída e com e designação e título de vila rústica foi-lhe atribuída, e nele se conservou até à extinção deste em 1853. Tudo isto veio no seguimento das Guerras Liberais, subsequente Revolução de Setembro implementação das reformas do Setembrismo, com a promulgação do novo Código Administrativo por parte de Passos Manuel, que ditou de imediato a extinção em 31 de dezembro de 1836 de 466 concelhos, passando nessa altura o pais a ficar divido em 18 Distritos que passaram a ser dirigidos por administradores-gerais, estes por sua vez divididos em Concelhos, que se passaram a dividir em Freguesias dirigidas por regedores.

Sendo assim, a reforma administrativa de Portugal continuou nos anos seguintes à Revolução de Setembro, e a extinção do concelho de Carrazedo de Montenegro acabou por se dar por Decreto de 31 de dezembro de 1853, transitando nessa data Veiga de Lila para o concelho de Valpaços do qual continua a fazer parte até aos nossos dias.

Em 31 de março de 1989, a rebate do sino, 800 pessoas juntaram-se em Veiga do Lila e protagonizaram um dos maiores protestos ambientais que alguma vez aconteceram em Portugal, destruindo 200 hectares de eucalipto que uma empresa de celulose andava a plantar na quinta do Ermeiro, a maior propriedade agrícola da região.[2]

Património[editar | editar código-fonte]

Pedra de Armas da Família Carvalhal.

De entre tudo destaca-se pela sua imponência e grandiosidade a Igreja Matriz de Veiga de Lila, em estilo Barroco e datada da 1ª metade do séc XVIII é símbolo vivo da importância histórica da localidade, sendo a instituição paroquial desta freguesia efectuada no final do século XIV., ou do início do Séc. XV.

A instituição da paróquia fez-se na velha ermida medieval de Santa Maria, que ainda hoje é o orago da freguesia existindo já a primitiva Igreja no tempo dos Godos, onde foi estabelecida uma grande irmandade, cujos estatutos foram aprovados pelo Cardeal D. Veríssimo de Lencastre, Arcebispo de Braga, sendo que este templo foi muito concorrido por peregrinações que se realizavam durante todo o ano.

É também de referir a capela de Santa Bárbara localizada no monte de Santa Bárbara de onde é possível obter uma vista privilegiada da Serra de Santa Comba que é um verdadeiro ex-líbris do concelho de Valpaços pela sua vasta mancha florestal, bem como uma bela vista sobre grande parte do concelho de Valpaços e Mirandela.

Destaca-se também o Solar e a Pedra d' Armas da Família Carvalhal, bem como a capela de Santo António pertença da Família Carvalhal.

De realçar também os vestígios de um castro no monte de Santa Bárbara (Castro de Santa Bárbara), situado neste monte fortificado inicialmente em sistema castrejo e em fortaleza mais tarde.

A freguesia de Veiga de Lila possui também um vasto número de Moinhos de água, um deles ainda em bom estado de conservação e a operar.

Festas e Romarias[editar | editar código-fonte]

Apesar do orago da freguesia ser Santa Maria Maior, a principal festa religiosa realizasse em honra de Santa Bárbara no segundo fim de semana de Setembro de cada ano, tendo sido edificada uma capela em honra de Santa Bárbara no monte com o mesmo nome.

No mês de Maio realizasse também uma festa apenas de cariz religioso em honra de N.ª Senhora de Fátima.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.