Vinte Poemas de Amor e uma Canção Desesperada

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Veinte poemas de amor y una canción desesperada
Vinte Poemas de Amor e uma Canção Desesperada (PT)
Autor (es) Pablo Neruda
Idioma língua castelhana
País Chile Chile
Género Ficção
Editora Editorial Nascimento
Lançamento 1924
Edição portuguesa
Tradução José Miguel Silva, Fernando Assis Pacheco
Editora Dom Quixote, Relógio D'Água

Vinte Poemas de Amor e uma Canção Desesperada (Veinte poemas de amor y una canción desesperada) é um livro de poesia do poeta chileno Pablo Neruda, onde se cruza o erotismo da poesia que celebra o corpo da mulher, com o gosto que Neruda tem pela natureza. Nestes poemas, é frequente que os dois planos se cruzem, havendo uma certa identificação entre o corpo feminino e o mundo natural (as paisagens, a terra...).

Neruda escreveu estes poemas quando tinha cerca de vinte anos, mas são alguns dos mais celebrados da sua obra. O livro foi publicado em 15 de junho de 1924 [1] .

Notas e referências

  1. Se publicou Vinte poemas de amor e uma canção desesperada, do site http://noticias.universia.es/translate/es-pt/en-portada/noticia/2011/06/15/836712/publico-veinte-poemas-amor-cancion-desesperada.html (html). URL consultado em 15-06-2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.