Viaduto Dona Paulina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Viaduto Dona Paulina é um viaduto localizado na Bela Vista[1], na região do centro da cidade de São Paulo (Brasil). Começa na Praça Doutor João Mendes e termina na Avenida Brigadeiro Luís Antônio. Em 2016, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que o limite de velocidade no Viaduto Dona Paulina caiu de 50 km/h para 40 km/h, após decisão do Governo do Estado de São Paulo.[2]

Histórico[editar | editar código-fonte]

O atual viaduto era, no início do século XX, o terreno onde ficava a mansão da filantropa Paulina de Souza Queiroz[3], que dedicou sua vida à creches e fundações para crianças com deficiências. [4]

Na década de 1930, funcionava uma escola para exepcionais. O terreno para a construção da mesma foi doado por Dona Paulina de Souza Queiroz, de tradicional família paulistana. O viaduto que leva o seu nome foi inaugurado em 13 de maio de 1948, período de grandes transformações na paisagem urbana de São Paulo, foi financiado pela Caixa Econômica Federal.[5]

No mesmo local foi erguido a partir de 1946, com pro­jeto do arqui­teto e prefeito da cidade de São Paulo Fran­cisco Prestes Maia, o Palácio Mauá, que foi a sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP), do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (CIESP) e do Ins­ti­tuto de Enge­nharia de São Paulo.[6] O Fórum Criminal de São Paulo funcionou no local até 1999, quando foi transferido para o Fórum Criminal da Barra Funda.[7]

Referências

  1. «Bairro Bela Vista, em São Paulo». Guia de Bairros ProprietárioDireto (em inglês). 28 de abril de 2014 
  2. «Limite de velocidade na Bela Vista cai para 40 km/h, no Centro de SP». São Paulo. 4 de abril de 2016 
  3. «Viaduto Dona Paulina – Histórias Paulistanas». www.historiaspaulistanas.com.br. Consultado em 1 de maio de 2017 
  4. «Os prédios da Fiesp – Histórias Paulistanas». www.historiaspaulistanas.com.br. Consultado em 30 de abril de 2017 
  5. Maria Vicentina de Paula do Amaral Dick. «A dinâmica dos nomes na Cidade de São Paulo, 1554-1897». Consultado em 10 de novembro de 2012. Cópia arquivada em 10 de novembro de 2012 
  6. «Os prédios da Fiesp». 5 de março de 2012. Consultado em 10 de novembro de 2012. Cópia arquivada em 10 de novembro de 2012 
  7. OAB/SP (23 de junho de 2009). «Fórum criminal da Barra Funda comemora dez anos». Consultado em 10 de novembro de 2012. Cópia arquivada em 10 de novembro de 2012 
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.