Victor Henri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Victor Henri
Nascimento 6 de junho de 1872
Marselha
Morte 21 de junho de 1940 (68 anos)
La Rochelle
Nacionalidade Francês
Alma mater Universidade de Paris, Universidade de Göttingen, Universidade de Leipzig
Campo(s) Físico-química, psicologia

Victor Henri (Marselha, 6 de junho de 1872La Rochelle, 21 de junho de 1940) foi um físico-químico e fisiologista francês. Nasceu em Marselha, filho de pais russos. É conhecido principalmente como um pioneiro em cinética enzimática. Publicou mais de 500 artigos científicos em uma variedade de disciplinas incluindo bioquímica, físico-química, psicologia e fisiologia.[1][2]

Depois que o cientista britânico Adrian John Brown descobriu que as reações enzimáticas eram iniciadas por uma ligação entre a enzima e o substrato, e inspirado por discussões com o físico-químico alemão Max Bodenstein, publicou em 1902 a primeira vez a equação fundamental da cinética enzimática.[3][4] Escreveu como segue:

onde a e x denotam a concentração inicial do substrato e a concentração do produto formado, respectivamente. Os outros símbolos denotam constantes. Em notação moderna pode ser expressa como

onde v, S e P denotam a velocidade de reação e as concentrações de substrato e produto, respectivamente. K1 e K2 denotam as constantes de dissociação do complexo enzima-substrato e do complexo enzima-produto, respectivamente.

Foi somente depois de aproximadamente 10 anos que a comunidade internacional de bioquímicos percebeu a significância desta equação. Notavelmente, seu trabalho foi continuado pelo bioquímico alemão Leonor Michaelis e pela médica canadense Maud Menten. Em um artigo seminal de 1913, Michaelis e Menten deduziram a equação em mais detalhes e a interpretaram profundamente.[5]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  1. Serge, Nicolas (1994). «Qui était Victor Henri (1872-1940)?». L'Année Psychologique. 94: 385–402 
  2. «Victor Henri». Whonamedit?. Consultado em 3 de julho de 2017. 
  3. Henri, Victor (1903). Lois Générales de l’Action des Diastases. Paris: Hermann 
  4. V. Henri: Théorie générale de l’action de quelques diastases. C. R. Hebd. Séances Acad. Sci. 135 (1902) 916–919
  5. L. Michaelis & M.L. Menten: Die Kinetik der Invertinwirkung. Biochem. Z. 49 (1913) 333–369