Victoria Benedictsson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Victoria Benedictsson (1850-1888).

Victoria Benedictsson (Domme, 6 de Março de 1850 - Copenhaga, 21 de Julho de 1888) foi uma escritora sueca.
Utilizou o pseudónimo Ernst Ahlgren. Escreveu contos realistas sobre a vida popular da sua província natal - a Escânia, romances de debate sobre o casamento, e dramas. Suicidou-se num hotel de Copenhaga, cortando a artéria carótida com uma navalha.[1]

Bibliografia ativa[editar | editar código-fonte]

  • Från Skåne (1884)
  • Pengar (Dinheiro, 1885))
  • Final (1885)
  • Fru Marianne (A senhora Mariana, 1887)
  • Teorier (1887)
  • Dikter (1888)
  • Den bergtagna (1888)

Referências

  1. Miranda, Ulrika Junker; Anne Hallberg (2007). «Victoria Benedictsson». Bonniers uppslagsbok (em sueco) (Estocolmo: Albert Bonniers Förlag). p. 83. ISBN 91-0-011462-6. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]